Show simple item record

dc.contributor.advisorBüll, Leonardo Theodoro [UNESP]
dc.contributor.advisorCrusciol, Carlos Alexandre Costa [UNESP]
dc.contributor.authorTiritan, Carlos Sérgio [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:30:26Z
dc.date.available2014-06-11T19:30:26Z
dc.date.issued2001-11
dc.identifier.citationTIRITAN, Carlos Sérgio. Alterações dos atributos químicos do solo e resposta do milho à calagem superficial e incorporada em região de inverno seco. 2001. viii, 108 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas, 2001.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/100023
dc.description.abstractConduziu-se um experimento num Latossolo Vermelho Distroférrico, localizado no município de Botucatu, SP, na Fazenda Experimental Lageado, da Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu/UNESP. Estudou-se a resposta da cultura do milho (Zea mays) à diferentes sistemas de manejo de palha associado à aplicação de doses de calcário incorporado e não incorporado. O delineamento experimental adotado foi o de blocos ao acaso, com parcelas subdivididas e quatro repetições. As parcelas de 5 m x 30 m, foram constituídas de palha na superfície e calcário superficial, retirada da palha superficial com rastelo e calcário superficial e incorporação da palha e calcário. As subparcelas de 5 m x 10 m receberam três doses de calcário no primeiro ano de cultivo (0, 2 e 4 ton ha-1); no segundo ano fez-se uma aplicação complementar nas subparcelas de 1/3 da dose aplicada no primeiro ano. Para estabelecer o manejo da palha, em maio de 1998 cultivo-se a aveia, que foi dessecada em novembro de 1998 para a semeadura do milho em dezembro de 1998. No segundo ano, não foi possível realizar o cultivo de aveia, utilizando-se como cultura para formação de palha a Brachiaria decumbens, que ressurgiu na área após a colheita do milho, em outubro foi dessecada para a semeadura do milho em dezembro de 1999. A avaliação dos atributos químicos do solo foi realizada nas profundidades de 0-5, 5-10, 10-20, e 20-30 cm, no início do experimento e depois aos 180, 360 e 540 dias, após a aplicação do calcário. Para a cultura do milho foram avaliadas os teores de macronutrientes na folha, a produção de grãos em kg ha-1 e massa de 100 grãos. Os diferentes sistemas de manejo da palha, associados à aplicação de calcário com o sem incorporação, não afetaram os atributos químicos do solo (pH, H+Al, Al, Ca, Mg e V %) e a produção de grãos... .pt
dc.description.abstractAn experiment of corn (Zea mays) response to mulch management combined with different lime doses, incorporated or not, was conducted in Botucatu county, over Distroferric Red Latosol in Lageado Experimental Farm of Faculdade de Ciências Agrárias – UNESP. The experimental design adopted was casualised blocks, divided in sub-plots with four repetitions. Each block was 5 x 30m, constituted as follows: superficial mulch plus lime, superficial mulch removed plus lime and incorporated mulch and lime. Each sub-plot (5 x 10 m) received threelime doses (0, 2 e 4 t ha-1) in the first year of cultivation and in the second year one third of each dose was applied. Mulch management was done by sowing, in May 1998, the first year of experimentation, oat that was dried in November prior corn sowing, in December. In the second year Brachiaria decumbens was used as mulch former, being dried in October 1999; corn was sowed in December. Chemical soil attributes was evaluated at 0-5; 5-10; 10-20; and 20-30 cm, at the beginning of the experiment and 180, 360 and 540 days after lime application. Corn culture was evaluated by leaf diagnosis, grain yield (kg ha-1) and hundred grains mass. Soil attributes (pH, H+Al, Al, Ca, Mg e V %) was not affected by different management, incorporation or not, of mulch and lime, as grain yield. So, application of lime, incorporated or not, in absence or in presence of oat, corn or Brachiaria mulch, did not show any statistical difference. Lime doses directly affected the chemical soil attributes and corn grain yield (kg ha-1). The 4 t ha-1 of lime applied in the first year and one third in the second was superior in all soil attributes and grain yield to the 2 t ha-1 of lime and the zero dose.en
dc.format.extentviii, 108 f. tabs.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectCalagem dos solospt
dc.subjectQuimica do solopt
dc.subjectMilhopt
dc.subjectPlantio diretopt
dc.subjectCobertura mortapt
dc.titleAlterações dos atributos químicos do solo e resposta do milho à calagem superficial e incorporada em região de inverno secopt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramAgronomia (Agricultura) - FCApt
unesp.knowledgeAreaAgriculturapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
dc.identifier.aleph000156486
dc.identifier.filetiritan_cs_dr_botfca.pdf
dc.identifier.capes33004064039P3
dc.identifier.lattes1090072947808223
dc.identifier.lattes1090072947808223
unesp.author.lattes1090072947808223
unesp.author.lattes1090072947808223
unesp.advisor.lattes9281484833327774[2]
unesp.advisor.orcid0000-0003-4673-1071[2]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record