Show simple item record

dc.contributor.advisorCenturion, José Frederico [UNESP]
dc.contributor.advisorFreddi, Onã da Silva [UNESP]
dc.contributor.authorAratani, Ricardo Garcia [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:31:02Z
dc.date.available2014-06-11T19:31:02Z
dc.date.issued2008-04-25
dc.identifier.citationARATANI, Ricardo Garcia. Qualidade física e química do solo sob diferentes manejos e condições edafoclimáticas no estado de São Paulo. 2008. xviii, 112 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2008.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/100855
dc.description.abstractTem crescido o interesse em se avaliar a qualidade do solo nos diferentes manejos dentro do sistema plantio direto, bem como a sua evolução, em função de um aumento de densidade do solo e de resistência mecânica à penetração e redução da macroporosidade devido às pressões provocadas pelas rodas das máquinas e pelo pisoteio animal. Nesse sentido, este trabalho teve por objetivo (i) analisar os efeitos de diferentes manejos na qualidade física e química de dois Latossolos Vermelhos do Estado de São Paulo, (ii) avaliar a qualidade física do solo por meio do índice S e (iii) verificar a influência da condição edafoclimática na discriminação dos diferentes manejos do solo. Para isso, foram avaliadas duas áreas cultivadas com soja na safra 2005/06, uma em Latossolo Vermelho Acriférrico típico (LVwf) de Guaíra (SP), onde foram avaliados: PD12 – SPD irrigado há 12 anos; PD5 – SPD há 5 anos; PD5I – SPD há 5 anos, com 2 anos de integração lavoura-pecuária; PC – preparo convencional e MN – mata natural, e outra em Latossolo Vermelho Eutroférrico típico (LVef) de Pedrinhas Paulista (SP), onde foram avaliados: PD15 – SPD há 15 anos; PD8 – SPD há 8 anos; PD8S – SPD há 8 anos, com sucessão de culturas; PC – preparo convencional e MN – mata natural. A qualidade física dos solos foi avaliada por meio da estabilidade de agregados, densidade, porosidade total, macroporosidade, microporosidade, resistência à penetração, densidade relativa, condutividade hidráulica e índice S, e a qualidade química por meio de análises de rotina para fins de fertilidade do solo, nas camadas de 0-10,0, 0,10-0,20 e 0,20-0,30 m. Para atingir o objetivo (iii), foi utilizada a estatística multivariada, com análises de agrupamento hierárquico, não hierárquico e de componentes principais. Nos dois solos, o cultivo promoveu redução na qualidade física...pt
dc.description.abstractIt has grown the interest in evaluating the soil quality in the different management on no-till system, as well as its evolution, in function of an increase of soil bulk density and resistance to penetration and reduction of the macroporosity due to the pressures caused by machine wheels and the animal trampling. In this sense, the aim of this work were (i) to analyze the effect of different soil managements in the physical and chemical quality of two Oxisols from State of São Paulo, (ii) to evaluate the soil physical quality through index S and (iii) to verify the influence of soil type and climatic condition in the discrimination of the different soil managements. For this, two field areas in 2005/06 had been evaluated, one in an Anionic Acrustox (LVwf) from Guaíra, State of São Paulo, where they were evaluated: PD12 – 12 years old irrigated no-till system; PD5 – 5 years old no-till system; PD5I – 5 years old no-till system, with 2 years of croppasture rotation; PC – conventional till and MN – natural forest, and another one in an Eutrudox (LVef) from Pedrinhas Paulista (SP), where they were evaluated: PD15 – 15 years no-till system; PD8 – 8 years no-till system; PD8S – 8 years no-till system without crop rotation; PC – conventional till and MN – natural forest. The soil physical quality was evaluated through the stability of aggregates, soil bulk density, total porosity, macroporosity, microporosity, resistance to the penetration, relative density, hydraulic conductivity and index S, and the soil chemical quality through the data of routine analyses for the soil fertility test, in the layers of 0-0.10, 0.10-0.20 and 0.20-0.30 m. To reach the objective (iii), the multivaried statistics was used, with hierarchical clustering method, k-means method and principal components analysis. The results showed that in both soil types, the soil use by agriculture promoted... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extentxviii, 112 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectSoil aggregationen
dc.subjectCompactionen
dc.subjectsoil physical qualityen
dc.subjectSoil fertilityen
dc.subjectOxisolen
dc.subjectLatossolopt
dc.subjectSolos - Agregação - Compactação - Fertilidadept
dc.subjectQualidade física do solopt
dc.subjectÍndice Spt
dc.titleQualidade física e química do solo sob diferentes manejos e condições edafoclimáticas no estado de São Paulopt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramAgronomia (Ciência do Solo) - FCAVpt
unesp.knowledgeAreaCiência do solopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Jaboticabalpt
dc.identifier.aleph000579221
dc.identifier.filearatani_rg_dr_jabo.pdf
dc.identifier.capes33004102071P2
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record