Show simple item record

dc.contributor.advisorMoraes, João Batista Ernesto de [UNESP]
dc.contributor.advisorNesmith, Tom [UNESP]
dc.contributor.authorBarros, Thiago Henrique Bragato [UNESP]
dc.date.accessioned2014-11-10T11:09:41Z
dc.date.available2014-11-10T11:09:41Z
dc.date.issued2014
dc.identifier.citationBARROS, Thiago Henrique Bragato. A representação da informação Arquivística: Uma Análise do discurso teórico e institucional a partir dos contextos Espanhol, Canadense e Brasileiro. 2014. 222 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília, 2014.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/110391
dc.description.abstractThe Discourse Analysis is a discipline that has theoretical and methodological characteristics that may contribute to the growth of Archival Science theory, because, is through the statements game permeate by ideological positions placed on the social-historical process, the text (oral and written) is produced, ie, the Archival Science related to discursive and ideological formations that are often suppressed in their discursive instances. The problem sets in a systematic search and identify the differences and similarities between archival institutional practice and theory on the present time. In this sense, we seek to characterize as the archival discourse is constructed and behaves in academic and institutional professional spheres in contemporary society. By analyzing the concepts Archival Representation and description today by three streams that were selected (Brazilian, Canadian and Spanish) at the level of his theory, at the academic level and how they are worked in archival institutions these countries. Thus, we objectives through the theoretical and methodological framework of discourse analysis to understand how they behave and build and how these notions are used in theory and practice of the Archival Science seeking a conceptual and discursive construction for the discipline. This analysis takes place from the leading theorists of these currents and archival institutions most important of these countries in the case, the National Archives. We find some possible discursive formations in Archival Science one related to traditionalism and another related to reformism was found. We conclude that the Archival Science has a complex possess of discursive formations built over its institutional and theoretical historyen
dc.description.abstractConsidera-se a Análise do Discurso uma disciplina que apresenta princípios teóricometodólogicos capazes de contribuir para a compreensão e delimitação de campos científicos e sociais, pois é por meio do jogo de enunciados, permeado por posições ideológicas colocadas em jogo no processo histórico-social, que o texto (oral e escrito) é produzido, ou seja, a Arquivística relaciona-se com formações discursivas e formações ideológicas e estão relacionadas ao seu processo de construção histórica. Assim, propõe-se a apresentação de elementos histórico-conceituais que ressaltem as diferenças e semelhanças entre a esfera teórica e a esfera institucional na Arquivística. O problema configura-se em buscar sistematizar e identificar o discurso institucional e a teoria Arquivística, construindo um paralelo histórico entre o percurso da área em tradições cruciais para a prática e a teoria Arquivística na atualidade. A hipótese é de que existem diferenças teórico-discursivas entre a Arquivística desenvolvida teoricamente e aquela institucionalizada nos arquivos. Neste sentido, a partir das constatações apresentadas em pesquisas anteriores, busca-se caracterizar como o discurso arquivístico constrói-se e comporta-se nas esferas teórica e institucional na contemporaneidade. Por meio da análise das práticas teóricas e profissionais a respeito da representação Arquivística na atualidade pelos autores de três correntes selecionadas (brasileira, canadense e espanhola) e como os mesmos são trabalhados nas instituições Arquivísticas federais destes países. Deste modo, objetiva-se por meio do quadro teórico-metodológico da Análise do Discurso compreender como se comportam, se constroem e se desenvolvem esses conceitos na Arquivística, visando a uma possível sistematização conceitual e discursiva da disciplina. Esta análise acorreu em primeira instância a partir de uma análise teórico-histórica...pt
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent222 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectAnálise do discursopt
dc.subjectArquivologiapt
dc.subjectCiência da informaçãopt
dc.subjectDiscourse analysispt
dc.titleA representação da informação Arquivística: Uma Análise do discurso teórico e institucional a partir dos contextos Espanhol, Canadense e Brasileiropt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramCiência da Informação - FFCpt
unesp.knowledgeAreaInformação, tecnologia e conhecimentopt
unesp.researchAreaProdução e Organização da Informaçãopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
dc.identifier.aleph000792879
dc.identifier.file000792879.pdf
dc.identifier.capes33004110043P4
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record