Show simple item record

dc.contributor.advisorUnterkircher, Carmelinda Schmidt [UNESP]
dc.contributor.authorMattos, Flávio de Freitas [UNESP]
dc.date.accessioned2014-11-10T11:09:56Z
dc.date.available2014-11-10T11:09:56Z
dc.date.issued2001-11-20
dc.identifier.citationMATTOS, Flávio de Freitas. Avaliação das correlações existentes entre experiência de cárie, acúmulo de placa bacteriana e nível de Iga anti-streptococcus mutans na saliva de crianças com dentição mista. 2001. 86 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, 2001.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/110663
dc.description.abstractThis study aimed to evaluate the correlation between caries experience, plaque buildupandlevel ofIgAanti-Streptococcus mutansin salivaof children8-12years ofage,with mixed dentition. Withoutcaries(SC) lesions treated caries (CT) and untreated caries(CA), using the lHOSindex, ceod, ceos: 110 children, divided into three groups were examined.DMFT and DMFS.Samples were collected fromun stimulated saliva. The concentration of specific IgA was quantitated by ELISA to whole cell sof S. mutans. There was no significant correlation between the accumulation of plaque and salivary Ig Aspecific. There was a negative correlation between the level of specific salivary IgA and caries in the primary dentition of children with untreated caries lesions, indicating protective role. There was however,a positive correlation between the level of IgA and caries experiencein the permanent dentition of children with caries lesions treated. The salivary IgA specificanti-mutans does not prevent the buildup of plaque, with protective paperon the deciduous dentition and noton the permanent dentitionen
dc.description.abstractNeste estudo, objetivou-se avaliar as correlações existentes entre experiência decárie, acúmulo de placa bacteriana e nível de IgAanti - Streptococcus mutansna saliva de crianças de 8 a 12 anos de idade, com dentição mista. Foram examinadas 110 crianças, divididas em três grupos: sem experiência de cárie (SC), com lesões de cárie tratadas (CT) e com lesões de cárie não tratadas (CA), utilizando-se os índices lHOS, ceod, ceos. CPOD e CPOS. Foram também coletadas amostras desaliva não estimulada. A concentração de IgA específica foi quantificada, por ELISA para células inteiras de S. mutans. Não houve correlação significante entreo acúmulo de placa bacteriana e a concentração de IgA salivar específica. Houve correlação negativa entre o nível de IgA salivar específica e a experiência de cáriena dentição decídua das crianças com lesões de cárie não tratadas, indicando papel protetor. Houve porém, correlação positiva entre o nível de IgA e a experiência de cárie na dentição permanente das crianças com lesões de cárie tratadas. A IgAsalivar específica anti-mutans não impede o acúmulo de placa bacteriana, tendo papel protetor sobre a dentição decídua e não sobre a dentição permanentept
dc.format.extent86 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectCáries dentáriaspt
dc.subjectDentiçãopt
dc.subjectStreptococcus mutanspt
dc.subjectImunoglobulinaspt
dc.subjectDental cariespt
dc.titleAvaliação das correlações existentes entre experiência de cárie, acúmulo de placa bacteriana e nível de Iga anti-streptococcus mutans na saliva de crianças com dentição mistapt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramOdontologia Restauradora - ICTpt
unesp.knowledgeAreaOdontologia restauradorapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Ciência e Tecnologia, São José dos Campospt
dc.identifier.aleph000146313
dc.identifier.file000146313.pdf
dc.identifier.capes33004145070P8
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record