Informamos que as validações de submissão estarão suspensas de 20/12/2019 a 05/01/2020, devido ao recesso de final de ano

Show simple item record

dc.contributor.authorRossetto, C. A. V.
dc.contributor.authorNakagawa, J. [UNESP]
dc.contributor.authorRosolem, Ciro Antonio [UNESP]
dc.date.accessioned2015-02-02T12:39:40Z
dc.date.available2015-02-02T12:39:40Z
dc.date.issued1998-03-01
dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S0100-06831998000100012
dc.identifier.citationRevista Brasileira de Ciência do Solo. Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, v. 22, n. 1, p. 87-94, 1998.
dc.identifier.issn0100-0683
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/114590
dc.description.abstractA field experiment was carried out to study the effects of potassium fertilization and time of harvesting on canola seed yield. The soil was a Red-Yellow Latosol (Hapludox), and the experimental design was a subplot replicated four times in completely randomized blocks. Potassium levels (0 and 40 kg ha-1 of K) were applied in the plots, and the subplots consisted of 7 weekly harvests, starting 112 days after planting. Yield and yield components were evaluated at each harvest. Although no positive effect of potassium fertilization on seed yield and growth parameters was evident, this fertilization caused higher retention of pods from the harvest at 147 and 154 days after planting. Time of harvesting did not affect seed yield. The maximum level of dry matter of the above ground part of the plants was obtained from the harvest at 112 days, and, of seeds, at 126 days, at high potassium level.en
dc.description.abstractO experimento foi desenvolvido na Fazenda Experimental São Manuel da Universidade Estadual Paulista, Campus de Botucatu, em Latossolo Vermelho-Amarelo fase arenosa, no ano de 1996, com o objetivo de estudar o efeito da adubação potássica e da época de colheita na produtividade de canola (Brassica napus L. var. oleifera Metzg.). O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso com parcelas subdivididas, com quatro repetições. As parcelas constituíram-se de duas doses de potássio (0 e 40 kg ha-1 de K), e as subparcelas, de sete épocas de colheita, realizadas em intervalos semanais, no período de 112 a 154 dias após a semeadura. A adubação potássica não favoreceu o crescimento das plantas e a produtividade de sementes de canola, porém acarretou maior retenção das síliquas nas colheitas realizadas aos 147 e 154 dias da semeadura. A época de colheita não resultou em benefício consistente ao rendimento de sementes. O máximo de matéria seca da parte aérea das plantas foi atingido aos 112 dias da semeadura, e o das sementes, aos 126 dias, na presença da adubação potássica.pt
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent87-94
dc.language.isopor
dc.publisherSociedade Brasileira de Ciência do Solo
dc.relation.ispartofRevista Brasileira de Ciência do Solo
dc.sourceSciELO
dc.subjectBrassica napuspt
dc.subjectmaturaçãopt
dc.subjectpotássiopt
dc.subjectBrassica napusen
dc.subjectmaturationen
dc.subjectpotassium levelsen
dc.titleEfeito da adubação potássica e da época de colheita na produtividade de canolapt
dc.title.alternativeCanola seed yield as affected by potassium fertilization and harvest timeen
dc.typeArtigo
dc.contributor.institutionUniversidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ)
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.description.affiliationUFRRJ Departamento de Fitotecnia
dc.description.affiliationUNESP Faculdade de Ciências Agronômica Departamento de Agricultura e Melhoramento Vegetal,
dc.description.affiliationUnespUNESP Faculdade de Ciências Agronômica Departamento de Agricultura e Melhoramento Vegetal,
dc.identifier.doi10.1590/S0100-06831998000100012
dc.identifier.scieloS0100-06831998000100012
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
dc.identifier.fileS0100-06831998000100012.pdf
dc.identifier.lattes5720775873259528
unesp.author.lattes5720775873259528
dc.relation.ispartofjcr0.799
dc.relation.ispartofsjr0,679
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record