Show simple item record

dc.contributor.authorSilva, Renata Eleuterio da [UNESP]
dc.contributor.authorSantos, Plácida Leopoldina Ventura Amorim da Costa [UNESP]
dc.contributor.authorFerneda, Edberto [UNESP]
dc.date.accessioned2015-02-24T13:57:23Z
dc.date.available2015-02-24T13:57:23Z
dc.date.issued2013
dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2013v18n3p27
dc.identifier.citationInformação & Informação, v. 18, n. 3, p. 27-44, 2013.
dc.identifier.issn1981-8920
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/114705
dc.description.abstractIntroduction: In the Web environment, there is a need for greater care with regard to the processing of descriptive and thematic information. The concern with the recovery of information in computer systems precedes the development of the first personal computers. Models of information retrieval have been and are today widely used in databases specific to a field whose scope is known. Objectives: Verify how the issue of relevance is treated in the main computer models of information retrieval and, especially, as the issue is addressed in the future of the Web, the called Semantic Web. Methodology: Bibliographical research. Results: In the classical models studied here, it was realized that the main concern is retrieving documents whose description is closest to the search expression used by the user, which does not necessarily imply that this really needs. In semantic retrieval is the use of ontologies, feature that extends the user's search for a wider range of possible relevant options. Conclusions: The relevance is a subjective judgment and inherent to the user, it will depend on the interaction with the system and especially the fact that he expects to recover in your search. Systems that are based on a model of relevance are not popular, because it requires greater interaction and depend on the user's disposal. The Semantic Web is so far the initiative more efficient in the case of information retrieval in the digital environment.en
dc.description.abstractIntrodução: A preocupação com a recuperação de informações em sistemas computacionais precede o desenvolvimento dos primeiros computadores pessoais. Modelos de recuperação de informações foram e são até hoje muito utilizados em bases de dados específicas de um domínio, cujo escopo é conhecido. No ambiente Web, existe a necessidade de maiores cuidados no que diz respeito ao tratamento descritivo e temático das informações. Objetivos: Verificar como a questão da relevância é tratada nos principais modelos computacionais de recuperação de informação e, sobretudo, como o tema é abordado em relação ao futuro da Web, a chamada Web Semântica. Procedimentos metodológicos: Pesquisa bibliográfica. Resultados: Nos modelos clássicos estudados neste artigo, percebeu-se que a preocupação principal é a recuperação de documentos cuja descrição esteja mais próxima da expressão de busca utilizada pelo usuário, o que não necessariamente implica no que este realmente necessita. Na recuperação semântica há o uso de ontologias, recurso que estende a busca do usuário para uma gama maior de possíveis opções relevantes. Considerações finais: A relevância, sendo algo subjetivo e inerente ao julgamento do usuário, dependerá da interação do mesmo com o sistema e, principalmente, ao que de fato ele espera recuperar em sua busca. Os sistemas que se baseiam em um modelo de relevância não são populares, por exigir maior interação e depender da disposição do usuário. A Web Semântica é, até então, a iniciativa mais eficiente no que tange a recuperação de informação no ambiente digital.pt
dc.description.abstractIntroducción: La preocupación con la recuperación de la información en los sistemas informáticos precede al desarrollo de los primeros ordenadores personales. Los modelos de recuperación de información han sido y son hoy ampliamente utilizados en bases de datos específicas de un campo cuyo alcance se conoce. En entorno de la Web, existe una necesidad de un mayor cuidado con respecto al tratamiento de información descriptiva y temática. Objetivos: Evaluar la forma en que la cuestión de la pertinencia se trata en los modelos de computadoras principales de la recuperación de la información y, sobre todo, ya que el problema se soluciona en el futuro de la Web, llamada de Web Semántica. Metodología: Investigación bibliográfica. Resultados: En los modelos clásicos estudiados aquí, se dio cuenta de que la principal preocupación es la recuperación de los documentos cuya descripción es la más cercana a la expresión de búsqueda utilizada por el usuario, lo cual no implica necesariamente que esto realmente necesita. En la recuperación semántica es el uso de ontologías, característica que se extiende la búsqueda del usuario para una amplia gama de posibles opciones relevantes. Conclusiones: La relevancia es un juicio subjetivo e inherente para el usuario, que dependerá de la interacción con el sistema y, especialmente, el hecho de que se espera recuperar en su búsqueda. Los sistemas que se basan en un modelo de relevancia no son populares, ya que requiere una mayor interacción y dependerá de la voluntad del usuario. La Web Semántica es hasta ahora la iniciativa más eficiente cuando se trata de recuperación de información en el entorno digital.es
dc.format.extent27-44
dc.language.isopor
dc.relation.ispartofInformação & Informação
dc.sourceCurrículo Lattes
dc.subjectInformação e tecnologiapt
dc.subjectModelos de recuperação de informaçãopt
dc.subjectWeb semânticapt
dc.titleModelos de recuperação de informação e web semântica: a questão da relevânciapt
dc.title.alternativeLos Modelos de recuperación de la información y la web semántica: la cuestión de la pertinenciaes
dc.title.alternativeInformation retrieval models and the semantic web: the question of relevanceen
dc.typeArtigo
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.description.affiliationUniversidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Ciência da Informação, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Marilia, AV. Hygino Muzzi Filho, 737, Campus Universitário, CEP 17525-900, SP, Brasil
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Ciência da Informação, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Marilia, AV. Hygino Muzzi Filho, 737, Campus Universitário, CEP 17525-900, SP, Brasil
dc.identifier.doi10.5433/1981-8920.2013v18n3p27
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
dc.identifier.fileISSN19818920-2013-18-03-27-44.pdf
dc.identifier.lattes8596568228676820
dc.identifier.lattes7408791408049766
unesp.departmentCiência da Informação - FFCpt
dc.identifier.orcid0000-0002-8808-1217
unesp.author.lattes8596568228676820[4]
unesp.author.lattes7408791408049766
unesp.author.orcid0000-0002-8808-1217[4]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record