Show simple item record

dc.contributor.advisorSalles, Leila Maria Ferreira [UNESP]
dc.contributor.authorOliveira, Rianny Cristina de [UNESP]
dc.date.accessioned2015-03-23T15:25:46Z
dc.date.available2015-03-23T15:25:46Z
dc.date.issued2010
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Rianny Cristina de. Um estudo de caso sobre a organização escolar e as relações interpessoais dentro do âmbito educacional. 2010. 52 f. Trabalho de conclusão de curso (licenciatura - Pedagogia) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências de Rio Claro, 2010.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/120314
dc.description.abstractViolence and school organization are always current issues. And to investigate these two issues, the present study was carried within a public school in the city for being considered a model of educative institution. The analysis focused on finding out why some institutions are considered good and others not and also to explain how these good relations within the school studied. Therefore, we first observed the school in its stages: entry and exit of students, breaks and classroom activities. Then consult the official documents, such as the Management Plan, Rules, Standards, among others. And finally we interviewed staff, targeting participants in the educational process (principal, teacher, staff, students). Facing this data we verified that a good relationship is needed on the beliefs and the search for a favorable environment is the aim for everyone, especially regarding to teaching-learning processes of a student, that is: teamwork. And as every institution has its flaws, we nee greater participation, especially of what we call school community (parents and relatives).en
dc.description.abstractViolência assim como organização escolar são assuntos sempre atuais. E para investigar estes dois temas, o presente estudo foi realizado dentro de uma escola estadual do município por ser considerada um modelo de instituição educativa. A análise concentrou-se em descobrir por que algumas instituições são consideradas boas e outras não e como explicar essas “boas relações” dentro da escola pesquisada. Para tanto, primeiramente a escola foi observada em seus vários momentos: entrada e saída de alunos, intervalo e sala de aula. Depois, consultas a documentos oficiais como: Plano de Gestão, Regimento, Normas, entre outros. E, finalmente as entrevistas, dirigidas aos participantes do processo educativo (diretor, professor, funcionário, alunos). Frente a estes dados ficou constatado que para um bom relacionamento é preciso respeito à opinião e a busca por um meio que seja favorável a todos, principalmente no que se refere ao ensino aprendizagem do aluno, ou seja, trabalho em equipe. E como toda instituição tem suas falhas, é preciso maior participação, principalmente da comunidade escolar (pais e familiares).pt
dc.format.extent52 f.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectDisciplina escolarpt
dc.subjectViolencia escolarpt
dc.subjectSistemas de ensinopt
dc.subjectAprendizagempt
dc.subjectEnsino-aprendizagempt
dc.subjectTrabalho em equipept
dc.subjectTeaching-learning processesen
dc.titleUm estudo de caso sobre a organização escolar e as relações interpessoais dentro do âmbito educacionalpt
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Biociências, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000634919
dc.identifier.fileoliveira_rc_tcc_rcla.pdf
dc.identifier.lattes7864828747687778
unesp.undergraduatePedagogia - IBRCpt
unesp.author.lattes7864828747687778
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record