Show simple item record

dc.contributor.advisorAngelis, Dejanira de Franceschi de [UNESP]
dc.contributor.advisorNalin, Dilza Aparecida [UNESP]
dc.contributor.authorSouza, Letícia Gomes de [UNESP]
dc.date.accessioned2015-03-23T15:29:16Z
dc.date.available2015-03-23T15:29:16Z
dc.date.issued2013
dc.identifier.citationSOUZA, Letícia Gomes de. Introdução de Lentinulaedodes (Shiitake) e Pleurotusostreatus (Shimeji) em bagaço de cana termo explodido para diminuição da toxicidade. 2013. 45 f. Trabalho de conclusão de curso (bacharelado - Ciências Biológicas) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências de Rio Claro, 2013.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/121435
dc.description.abstractEthanol production has gained great prominence in the investment new renewable energy sources and Brazil is among the leaders of production. However, this activity generates large amounts of waste being the largest volume of the sugar cane bagasse. For this reason looking up ways to use this material as burning for energy production and composition of forage in the diet of ruminants, however there are difficulties to use this production for this last one. This paper proposes a microbiological treatment with Lentinula edodes and Pleurotus ostreatus in order to enable the bagasse in ruminant feed composition in order to be used more noble than their burning. After treatment with the fungus, tests were performed for quantifying crude protein by the method of Kjeldhal. It was verified that the protein content in the pure bagasse was 1.0% after fermentation the protein content was 4.2% with L.edodes and 4.9% with P. ostreatus. To evaluate the protein quality of the product fermented by L. edodes and P. ostreatus was applied microbiological method for growth of Enterococcus zimogenes verifying that after fermentation the protein quality was 76 and 27.4% with L. edodes and P.ostreatus, respectively, compared with casein. The quantification of amino acids showed significant improvement of protein with altered amino acid profile with treatments of fungos. About of DQO and BOD were also found considerable improvement besides considerable drop in toxicity as measured by acute toxicity test with Daphinia similisen
dc.description.abstractA produção de etanol ganhou destaque mundial nos investimentos de novas fontes de energia. O Brasil esta entre os países lideres na produção de etanol e pesquisa desta energia. No entanto essa atividade gera grande quantidade de resíduo sendo o de maior volume o bagaço de cana-de-açúcar. Por esse motivo buscam-se maneiras de utilizar esse material como, por exemplo, a queima para produção de energia e composição de volumoso na ração de ruminantes, porem há dificuldades para sua utilização total em virtude da alta produção. Esse trabalho propõe tratamento microbiológico do bagaço com Lentinula edodes e Pleurotus ostreatus objetivando viabiliza-lo na composição de ração de ruminantes a fim de ser utilizado de forma mais nobre do que a sua mera queima. Após o tratamento com os fungos, foram realizados testes de quantificação de proteína bruta pelo método de Kjeldhal.Verificou-se que o teor de proteína no bagaço puro foi de 1,0% e após a fermentação o teor protéico foi de 4,2 e 4,9% com L. edodes e P. ostreatus, respectivamente. Para avaliar a qualidade protéica do produto fermentado por L. edodes e o P. ostreatus aplicou-se o método microbiológico de crescimento de Enterococcus zimogenes verificando-se que após a fermentação a qualidade protéica foi de 76 e 27,4% com o L. edodes e P.ostreatus, respectivamente, comparando-se com a caseína. A quantificação de aminoácidos revelou significativa melhoria protéica com alteração do perfil de aminoácidos com os tratamentos dos fungos. Quanto da DQO E DBO também foram constatadas sensíveis melhoras além de diminuiçào considerável da toxicidade medida pelo teste de toxicidade aguda com Daphinia similispt
dc.description.sponsorshipPrograma de Formação de Recursos Humanos em Geociências e Ciências Ambientais Aplicadas ao Petróleo - PRH 05/UNESP
dc.description.sponsorshipPFRH/Petrobrás
dc.description.sponsorshipPRH/ANP - FINESP/MCT
dc.format.extent45 f.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectShiitakept
dc.subjectBiodegradaçãopt
dc.subjectPleurotus ostreatuspt
dc.subjectToxicidade - Testespt
dc.subjectFermentaçãopt
dc.subjectProteínaspt
dc.subjectBagaço de cana - Purificaçãopt
dc.subjectToxicologiapt
dc.subjectResiduos organicos - Purificaçãopt
dc.subjectResiduos organicos como raçãopt
dc.subjectRuminante - Alimentaçãopt
dc.titleIntrodução de Lentinulaedodes (Shiitake) e Pleurotusostreatus (Shimeji) em bagaço de cana termo explodido para diminuição da toxicidadept
dc.typeTrabalho de conclusão de curso
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Biociências, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000774833
dc.identifier.file000774833.pdf
unesp.undergraduateCiências Biológicas - IBRCpt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record