Show simple item record

dc.contributor.advisorConte, Agnes Cristina Fett [UNESP]
dc.contributor.authorFreitas, Paula Curi de [UNESP]
dc.date.accessioned2015-09-17T15:25:16Z
dc.date.available2015-09-17T15:25:16Z
dc.date.issued2015-02-23
dc.identifier.citationFREITAS, Paula Curi de. Análise de Alterações Cromossômicas, Mutações no Éxon 1 e do Padrão de Metilação da Região Promotora do Gene FOXO3 em Síndrome Mielodisplásica. 2015. 94 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas, 2015.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/127736
dc.description.abstractMyelodysplastic syndromes (MDS) or myelodysplasia constitute a heterogeneous group of hematopoietic diseases characterized by ineffective hematopoiesis usually withperipheral bloodcytopenias, dysplastic cell differentiationanda tendency to evolve toacute myeloid leukemia. They are classified invarious typesand the annual incidence is estimated at between four cases per 100,000 individualsin the general population and up to 50 cases per 100,000 with advanced ages. A chromosomal analysis of bone marrow cells at diagnosis identifie schanges related with diagnosis and prognosis, but some genes are also associated to the etiology of myelodysplasia, for presenting mutations and epigenetic changes that may result in alteration in hematopoiesis. The FOXO3 gene, tumor suppressor, isone of the most commonly expressed genesin normal hematopoietic tissue, which makes it a possible candidate for involvement in the pathogenesis of diseases of the bone marrow. However, no studies were found on FOXO3in MDS. The changesin this genecould there for eresultina b normalhe matopoiesis. The aim of this work was to study bone marrow cells from 100 patients diagnosed with anytypeof MDS, to investigate mutations in exon 1 and the methylation pattern of FOXO3 promoter region, and the presence of chromosomal alterations. For molecular analysis, DNA was extracted, gene amplification was achieved bypolymerase chain reaction and direct sequencing of exon 1 was performed, for epigenetic study, the bisulfite conversion of DNA, and subsequently carrying out the MSP -PCR was performed, and cytogenetic analysis was performed on metaphases submitted to GTG banding. Inexon 1 was observed the 159C > Tpolymorphismin 26% patients andin 16% healthy controls, wich not statistically significant (p>0,05)...en
dc.description.abstractSíndromes Mielodisplásicas (SMD) ou mielodisplasias compreendem um conjunto heterogêneo de doenças hematopoéticas caracterizadas por hematopoese ineficaz, que geralmente apresentam citopenias no sangue periférico, diferenciação celular displásica e propensão ao desenvolvimento de leucemia mielóide aguda. São classificadas em vários tipos e a incidência anual é estimada entre quatro casos por 100.000 pessoas da população em geral, e em até 50 casos por 100.000 indivíduos com idades avançadas. A análise cromossômica das células da medula óssea (MO) ao diagnóstico detecta alterações relacionadas com diagnóstico e prognóstico, mas alguns genes também já foram relacionados à etiologia das mielodisplasias, por apresentarem mutações e alterações epigenéticas que podem resultar em alterações na hematopoese. O gene FOXO3, um supressor de tumor, é um dos genes que mais se expressa no tecido hematopoético normal, o que faz dele um possível candidato ao envolvimento na etiopatogenia das doenças da MO. Entretanto, não foram encontrados estudos sobre FOXO3 em SMD. Alterações neste gene poderiam resultar em hematopoese anormal. O objetivo deste trabalho foi estudar células da MO de 100 indivíduos com SMD de qualquer tipo, ao diagnóstico, para investigar mutações no éxon 1 e o padrão de metilação da região promotora do FOXO3, além da presença de alterações cromossômicas. Para a análise molecular foi extraído o DNA, realizada à amplificação gênica por PCR e realizado o sequenciamento direto do éxon 1; para o estudo epigenético, foi feita a conversão do DNA por bissulfito e a MSP-PCR, e a análise citogenética foi realizada em metáfases submetidas ao bandamento GTG. No éxon 1 foi observado o polimorfismo 159C>T em 26% pacientes e em 16% controles, o que não diferiu estatisticamente (p>0,05). O estudo do padrão de metilação da ilha CpG estudada da...pt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent94 f. : il. tabs. color.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectGenetica humanapt
dc.subjectCitogenetica humanapt
dc.subjectSindromes mielodisplasicaspt
dc.subjectEpigenéticapt
dc.subjectPolimorfismopt
dc.titleAnálise de Alterações Cromossômicas, Mutações no Éxon 1 e do Padrão de Metilação da Região Promotora do Gene FOXO3 em Síndrome Mielodisplásicapt
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramGenética - IBILCEpt
unesp.knowledgeAreaGenéticapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Biociências Letras e Ciências Exatas, São José do Rio Pretopt
dc.identifier.aleph000844399
dc.identifier.file000844399.pdf
dc.identifier.capes33004153023P5
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record