Show simple item record

dc.contributor.authorMoruzzi, Rodrigo Braga [UNESP]
dc.contributor.authorCunha, Cenira Maria Lupinacci da [UNESP]
dc.contributor.authorOliveira, Jefferson Nascimento de [UNESP]
dc.date.accessioned2016-03-02T12:56:31Z
dc.date.available2016-03-02T12:56:31Z
dc.date.issued2010
dc.identifierhttp://www.seer.ufu.br/index.php/cieng/article/view/2203
dc.identifier.citationCiência & Engenharia, v. 18, n. 1/2, p. 11-20, 2010.
dc.identifier.issn0103-944X
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/134404
dc.description.abstractThe aim of this paper was to evaluate the effect of retention and detention reservoirs along with the regulation in channel flow upgrade on flood for an urban watershed located at Rio Claro, SP. For this purpose, modeling and simulation techniques were applied for runoff determination and its propagation in channel. The Soil Conservation Service – SCS hydrologic model as well as Pulz and non-linear Muskingum-Cunge model were used. The software IPHS1 was applied on simulations. The results pointed out that the combination of retention increasing and detention reservoir implementation (120,000 m3, corresponding to 1.5% of the watershed area) with the streamflow upgrade (n decreasing from 0,04 to 0,02) can minimize the flood on the investigated Servidão watershed. Further, after the proposed intervention, the flood was eliminated for the investigated times of recurrence: 5, 20, 50 and 100 years. The prognostic indicated that the available area occupation had a minor effect on flow increasing due to the observed high urbanization.en
dc.description.abstractO objetivo do artigo foi avaliar o efeito de reservatórios de retenção e detenção e da intervenção na calha do canal fluvial no amortecimento do pico de cheias de uma bacia urbanizada localizada na cidade de Rio Claro, SP. Trata-se da aplicação de técnicas de modelagem e simulação hidrológica visando subsidiar ações corretivas na bacia hidrográfica. Para tal, foram empregados modelos hidrológicos visando determinação da chuva excedente, bem como da propagação da mesma nos canais. O modelo do Soil Conservation Service – SCS foi empregado para conversão chuva-vazão. A propagação em reservatórios e canais foi avaliada por meio dos modelos Pulz e Muskingum-Cunge não linear, respectivamente. O programa computacional IPHS1 foi utilizado nas simulações. Os resultados demonstraram que a combinação do aumento da capacidade do reservatório de retenção existente somada à implantação de reservatório de detenção (120.000 m3, correspondente a 1,5% da área da sub-bacia) e obras de melhorias em um trecho do canal principal (reduzindo n de 0,04 para 0,02) podem minimizar o efeito das inundações na bacia do Córrego da Servidão. Após as melhorias propostas, a vazão de excessos foi eliminada para os tempos de recorrência investigados: 5, 20, 50 e 100 anos. O prognóstico considerando a urbanização da área livre, correspondente a atual área de 24% de terreno para plantio, não ocasionou em aumento significativo da vazão escoada, dada a elevada taxa de urbanização da atual da bacia.pt
dc.format.extent11-20
dc.language.isopor
dc.relation.ispartofCiência & Engenharia
dc.sourceCurrículo Lattes
dc.subjectHydrologic simulationen
dc.subjectflood controlen
dc.subjectSCS modelen
dc.subjectPulz modelen
dc.subjectMuskingum-Cunge modelen
dc.subjectRetention and detention reservoirsen
dc.subjectSimulação hidrológicapt
dc.subjectControle de cheiaspt
dc.subjectModelo SCSpt
dc.subjectModelo Pulzpt
dc.subjectModelo Muskingum-Cungept
dc.subjectReservatórios de retenção e detençãopt
dc.titleAplicação de modelos hidrológicos para avaliação de reservatórios de retenção e detenção combinados à obra de recuperação do canal de macrodrenagem no controle de cheias em uma bacia hidrográfica urbanizadapt
dc.title.alternativeUse of hydrological models to evaluate the detention and retention reservoirs combined with the recuperation of the macro drainage channel in the flood control of an urbanized watersheden
dc.typeArtigo
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.description.affiliationUniversidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Planejamento Regional, Instituto de Geociências e Ciências Exatas de Rio Claro, Rio Claro, Avenida 24 A,1515, Bela Vista, CEP 13506-900, SP, Brasil
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Planejamento Regional, Instituto de Geociências e Ciências Exatas de Rio Claro, Rio Claro, Avenida 24 A,1515, Bela Vista, CEP 13506-900, SP, Brasil
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Rio Claropt
dc.identifier.fileISSN0103-944X-2010-18-1-2-11-20.pdf
dc.identifier.lattes2689821323942199
dc.identifier.lattes9408665052901005
unesp.departmentPlanejamento Regionalpt
dc.identifier.orcid0000-0002-1573-3747
dc.identifier.orcid0000-0002-4732-1421
unesp.author.lattes9408665052901005
unesp.author.lattes2689821323942199[2]
unesp.author.orcid0000-0002-1573-3747[1]
unesp.author.orcid0000-0002-4732-1421[2]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record