Show simple item record

dc.contributor.authorBonfim, Mariana Rotta [UNESP]
dc.contributor.authorCosta, José Luiz Riani [UNESP]
dc.contributor.authorMonteiro, Henrique Luiz [UNESP]
dc.date.accessioned2016-03-02T12:59:26Z
dc.date.available2016-03-02T12:59:26Z
dc.date.issued2012
dc.identifierhttps://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/RBAFS/article/view/1854
dc.identifier.citationRevista Brasileira de Atividade Física e Saúde, v. 17, n. 3, p. 167-173, 2012.
dc.identifier.issn1413-3482
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/135027
dc.description.abstractConsidering the recent guidelines of the National Politics for Health Promotion (NPHP-2006) and for the constitution of the Support Center for Family Health (2008), the aim of this study was to group and analyze the experience reports of physical activity programs on Brazilian public health. The survey was performed in ten periodic, fi ve international and fi ve national, by analyzing all the numbers published from June 2006 to June 2011. For selection, the articles needed to present information about ongoing physical activity programs with government health agencies links. It was extracted from the text necessary information to identify which program contemplated the actions assumed for body practices/physical activities in PNPS, such as the public served, off ered activities, governmental partnership/intersectoral, and others. Ten diff erent programs of physical activities were identifi ed, and seven of them adequately use the actions of advisory and propagation of physical activity. Regarding to intervention activities, gymnastics classes and walking predominate, focusing on chronic diseases. There was great diversity of evaluative instruments, which limited the evaluation of program eff ectiveness. These reports indicate that most programs does not contemplates the NPHP principles, which indicates the need for adequacy of programs already in place, as well as the creation of programs that are in agreement with these guidelines. The publication of program experiences with this profi le may contribute to this process, and the partner establishment with public universities may be an interesting strategy.en
dc.description.abstractConsiderando as diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS) de 2006, e da constituição do Núcleo de Apoio à Saúde da Família de 2008, o objetivo desta comunicação foi agrupar e analisar os relatos de experiências de programas de atividades físicas na saúde pública brasileira. O levantamento dos trabalhos foi realizado em dez periódicos, cinco internacionais e cinco nacionais, sendo analisados todos os números dos periódicos publicados no período de Junho de 2006 a Junho de 2011. Foram selecionados os artigos que apresentassem informações de programas contínuos de atividades físicas e que tivessem vínculos com os órgãos governamentais de saúde. Foram extraídas do texto as informações que visaram identifi car quais programas atendiam às ações previstas para práticas corporais/atividades físicas na PNPS, como público atendido, atividades desenvolvidas, parcerias governamentais/intersetorialidade, entre outros. Foram identifi - cados 10 diferentes programas de atividades físicas, dos quais sete utilizam adequadamente as ações de aconselhamento e divulgação da AF. Quanto às atividades de intervenção, predominam as aulas de ginásticas e caminhadas, tendo como foco as doenças crônicas. Observou-se grande diversidade de instrumentos avaliativos, o que limitou a avaliação da efetividade dos programas. Estes relatos apontam que grande parte dos programas não contempla os princípios norteadores da PNPS, o que indica a necessidade de adequação dos programas já instituídos, bem como a criação de novos programas que estejam em concordância com as diretrizes. A publicação da experiência de programas com este perfi l pode colaborar nesse processo, sendo o estabelecimento de parcerias com universidades públicas uma estratégia interessante.pt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent167-173
dc.language.isopor
dc.relation.ispartofRevista Brasileira de Atividade Física e Saúde
dc.sourceCurrículo Lattes
dc.subjectPhysical activityen
dc.subjectExerciseen
dc.subjectPublic healthen
dc.subjectHealth promotionen
dc.subjectAtividade motorapt
dc.subjectExercíciopt
dc.subjectSaúde públicapt
dc.subjectPromoção da saúdept
dc.titleAções de Educação Física na saúde coletiva brasileira: expectativas versus evidênciaspt
dc.title.alternativePhysical Education actions in brazilian public health: expectations versus evidenceen
dc.typeArtigo
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista, Departamento de Educação Física, Faculdade de Ciências de Bauru
dc.rights.accessRightsAcesso restrito
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, Baurupt
dc.identifier.lattes9740488644443034
unesp.departmentEducação Físicapt
unesp.author.lattes9740488644443034
unesp.author.orcid0000-0001-6639-1532[3]
Localize o texto completo

Files in this item

FilesSizeFormatView

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record