Show simple item record

dc.contributor.advisorPezzato, João Pedro [UNESP]
dc.contributor.authorCalandro, Thiago Luiz [UNESP]
dc.date.accessioned2016-06-07T17:12:24Z
dc.date.available2016-06-07T17:12:24Z
dc.date.issued2015-10-14
dc.identifier.citationCALANDRO, Thiago Luiz. Memória e identidade em Jaguariaíva, Paraná: contribuição à cartografia escolar. 2015. 194 f. Dissertação - (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, 2015.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/139391
dc.description.abstractIn a globalized world, more and more necessary is done to study the regional and local identities in order to promote their valuation and form active citizens in all spatial scales. This work carries out a discussion which approaches the memory with spatial representations made by elementary school students in the city of Jaguariaiva, Paraná, Brazil. Cultural identities are treated as meaning production instance regarding living spaces. The relations between formal education, especially the curriculum selected by school geography, and the knowledge of lived experience, can contribute to the study of references and spatial horizons of residents of urban and rural regions. This perspective is proposed as discussion which aims to contribute to the advancement of thinking about the relationship between school mapping and the production of sense of belonging to different locations. In this sense, looking repoder two questions: how the experiences, interpreted and reconstructed in the city of Jaguariaiva, Paraná, interfere with the image construction of student living space? And how these spatial representations of the students, who are loaded impressions and experiences can contribute to the study of Cartography School? we did an analysis of the productions that students have developed from some activities, with the spatial reference the city of Jaguariaiva, Paraná Brazil, from the perspective of memory. Assuming that the representation of space is interactive, multiple and open the space image studies and the memory from activities with children, they pointed to a place that updates, rebuilds, constantly reshapes and supports numerous representations from social interactions. In this way, space is the result also of imagination, necessary for the continuity of multiple, non-synchronous and political practices in space. Under the School Cartography, the relationship memory, space and predictions present can contribute to student...en
dc.description.abstractEm um mundo globalizado, faz-se cada vez mais necessário estudar as identidades regionais e locais, no intuito de promover sua valorização e formar cidadãos atuantes em todas as escalas espaciais. Assim, este trabalho mostra uma discussão que aproxima memória e representações espaciais realizadas pelos alunos do ensino fundamental do município de Jaguariaíva, Paraná. As identidades culturais são tratadas como instância de produção de sentido no que diz respeito aos espaços de vivência. As relações entre ensino formal, em especial o currículo selecionado pela Geografia Escolar, e os saberes da experiência vivida, podem contribuir para o estudo das referências e horizontes espaciais dos moradores das regiões urbanas e rurais. Essa perspectiva é proposta como discussão que visa contribuir para o avanço das reflexões a respeito da relação entre a Cartografia Escolar e a produção de sentido de pertencimento em diferentes localidades. Nesse sentido, procuramos responder a duas perguntas: Como as experiências vividas, interpretadas e reconstruídas no município de Jaguariaíva, Paraná, interferem na construção da imagem do espaço de vivência dos alunos? e Como essas representações espaciais dos alunos, que são carregados de impressões e experiências podem contribuir para o estudo da Cartografia Escolar?. Fizemos uma análise das produções que os alunos desenvolveram em algumas atividades, a partir da perspectiva da memória e tendo como referência espacial o citado município. Partindo do pressuposto de que a representação do espaço é interacional, múltipla e aberta, os estudos da imagem do espaço e da memória, por meio das atividades realizadas com as crianças, apontaram para um lugar que se atualiza, reconstrói-se, reformula-se constantemente e suporta inúmeras representações a partir das interações sociais. Desta forma, o espaço é fruto também da imaginação, necessária...pt
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extent194 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectEspaçopt
dc.subjectCartografiapt
dc.subjectGeografia - Estudo e ensinopt
dc.subjectEspaço em geografiapt
dc.subjectPercepção espacialpt
dc.subjectMemoriapt
dc.subjectParanapt
dc.titleMemória e identidade em Jaguariaíva, Paraná: contribuição à cartografia escolarpt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.description.sponsorshipIdFAPESP: 2013/04981-6
unesp.graduateProgramGeografia - IGCEpt
unesp.knowledgeAreaOrganização do Espaçopt
unesp.researchAreaEnsino, geografia e cartografia escolarpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000864198
dc.identifier.filehttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/cathedra/16-05-2016/000864198.pdf
dc.identifier.capes33004137004P0
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record