Show simple item record

dc.contributor.authorBueno, Osmar de Carvalho [UNESP]
dc.contributor.authorSato, Michelle [UNESP]
dc.contributor.authorZanin, Thiago [UNESP]
dc.date.accessioned2016-09-01T13:58:04Z
dc.date.available2016-09-01T13:58:04Z
dc.date.issued2005
dc.identifierhttp://www.unesp.br/proex/programas/pcct_3congresso.php
dc.identifier.citationCONGRESSO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA, 3., 2005, Águas de Lindólia. Anais... São paulo: PROEX; UNESP, 2005. p. 003
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/143557
dc.description.abstractIntrodução: o II Plano Nacional de Reforma Agrária propõe combinar viabilidade econômica com sustentabilidade ambiental, integração produtiva com desenvolvimento territorial, qualidade e eficiência com massividade, neste contexto apresenta-se o projeto “Desenvolvimento e capacitação de agricultores no uso de técnicas para correção do solo em assentamentos rurais” uma parceria entre a Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP-Botucatu, INCRA–SP e FEPAF, de modo que suas ações, contribuiram para a recuperação e consolidação de Projetos de Assentamento Rural, bem como à questão de capacitação técnico-educacional dos produtores familiares assentados, além de inserir a Universidade junto à realidade social brasileira e paulista, em particular. Objetivos: disponibilizar calcário aos agricultores familiares asssentados em Projetos de Assentamento Rural de responsabilidade da Superintendência Regional do INCRA/São Paulo, diagnosticar a necessidade da prática da calagem nos lotes de exploração agropecuária dos assentamentos, capacitar os produtores familiares assentados em técnicas de amostragem e coleta de solo para análise e sensibilizar os agricultores familiares assentados e suas famílias sobre a importância do solo agrícola, e sua correção pela calagem, na produção agropecuária. Métodos: capacitação teórico-prática de produtores familiares assentados quanto aos procedimentos adequados de amostragem e coleta de solo. A partir desse momento, os produtores passaram a ser agentes multiplicadores no interior dos assentamentos. Após a coleta das amostras, efetuou-se as análises de solo. Seus resultados foram interpretados, resultando a recomendação específica da quantidade e qualidade do calcário que foi entregue. Paralelamente, os produtores familiares dos Projetos de Assentamento participaram de palestra técnica com entrega de material escrito sobre a importância do solo agrícola, e sua correção pela prática da calagem, na produção agropecuária. Resultados: obteve-se cerca de 70% de entregas efetivas de amostras de solo do total de produtores familiares sensibilizados e capacitados, o que leva à discussão de que este processo técnico-educacional tem resultados positivos e evidentes, justificado, assim, pelo porcentual de participação apresentado.pt
dc.format.extent003
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.relation.ispartofCongresso de Extensão Universitária
dc.sourcePROEX
dc.titleA questão técnico-educacional do projeto desenvolvimento e capacitação de agricultores no uso de técnicas para correção do solo em assentamentos ruraispt
dc.typeTrabalho apresentado em evento
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Departamento de Economia, Sociologia e Tecnologia, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
dc.identifier.file2005-003-bueno.pdf
dc.identifier.lattes0590108622967713
unesp.departmentEconomia, Sociologia e Tecnologiapt
unesp.author.lattes0590108622967713
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record