Show simple item record

dc.contributor.advisorRezende, Letícia Marcondes [UNESP]
dc.contributor.authorRasteiro, Cléia Janier Rodrigues [UNESP]
dc.date.accessioned2016-12-09T13:52:16Z
dc.date.available2016-12-09T13:52:16Z
dc.date.issued2014-04-22
dc.identifier.citationRASTEIRO, Cléia Janier Rodrigues. Um estudo dos pronomes indefinidos sob a ótica das operações enunciativas. 2014. 175 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciencias e Letras (Campus de Araraquara), 2014.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/145477
dc.description.abstractThis research aims to build a relation between linguistic analysis and learning-teaching practices of mother language. This work takes as reference the theoretical and methodological model provided by the French linguist Antoine Cullioli in his Predicative and Enunciative Operations Theory (TOPE). Our investigation has as main objective to observe, analyse and understand how the students use the indefinite pronouns somebody/someone (alguém), nobody/no one (ninguém), no/any (nenhum) and some/any (algum) in written texts of different genres and in oral enunciations. We consider observations of application of indefinite pronouns used by students and we compare and contrast how the students understand these pronouns and how normative, functional and descriptive grammars define and classify them. However, the grammars we deal with in schools, mainly normative grammar, have extremely classificatory nature, because as much as those grammars seek variation and displacement of grammatical classes, they still have as units of study the static structures of the language. In addition to the main objective, other objectives on which our research is based are: determining the semantic and syntactic notions exercised by such pronouns in the fragments of texts produced by them; lead the student to reflect on building their linguistic process; guide the student to understand that the disambiguation process occurs at every moment within a range of paraphrase families; during the variation process, guide the student to understand that a notion only stabilizes at the time when the utterance occurs, and finally to identify the absence of reflection on the traditional activities of interpretation of texts, grammar and lexicon. To obtain the job corpus, activities were developed with two 8th/9th grade classes of Ensino Fundamental II (junior high school), at the public school EE Prof.ª Lea Monteiro de Freitas (Araraquara /SP) between February and...en
dc.description.abstractEste trabalho visa a construir uma relação de análise linguística e práticas de ensino e aprendizagem de língua materna. Toma como referência o modelo teórico metodológico fornecido pelo linguista francês Antonie Culioli na sua Teoria das Operações Predicativas e Enunciativas (TOPE). Nossa investigação tem como objetivo principal observar, analisar e compreender a forma como os alunos empregam os pronomes indefinidos alguém, ninguém, nenhum e algum em textos escritos de diferentes gêneros e em enunciados orais. Consideramos observações de aplicação de uso dos pronomes indefinidos pelos alunos e procuramos comparar e confrontar a maneira como eles entendem esses pronomes e a forma como as gramáticas normativa, funcional e descritiva os definem e classificam. No entanto, as gramáticas com as quais lidamos nas escolas, principalmente a gramática normativa, são de caráter extremamente classificatório, pois por mais que busquem a variação e o deslocamento de classes gramaticais, ainda têm como unidade de estudo as estruturas estáticas da língua. Além do objetivo central, há outros objetivos nos quais nossa pesquisa se pauta: determinar as noções semânticas e sintáticas exercidas por tais pronomes dentro dos fragmentos de textos por eles produzidos; conduzir o aluno a refletir sobre a construção de seu processo linguístico; conduzir o aluno a entender que o processo de desambiguização ocorre a todo o momento dentro de um conjunto de famílias parafrásticas; através do processo de variação orientar o aluno a entender que uma noção só se estabiliza no momento em que a enunciação ocorre, e, por último, identificar a ausência da reflexão nas atividades tradicionais de interpretação de textos, de gramática e do léxico. Para a obtenção do corpus do trabalho, as atividades foram desenvolvidas com duas classes de 8ª série/ 9º ano do EFII, da escola estadual EE Léa de Freitas Monteiro...pt
dc.description.sponsorshipSecretaria da Educação do Estado de São Paulo (SEE-SP)
dc.format.extent175 f.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectGramática comparada e geralpt
dc.subjectLingua portuguesa - Gramaticapt
dc.subjectLingua portuguesa - Estudo e ensinopt
dc.subjectPortuguese language Study and teachingpt
dc.titleUm estudo dos pronomes indefinidos sob a ótica das operações enunciativaspt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramLinguística e Língua Portuguesa - FCLARpt
unesp.knowledgeAreaLetraspt
unesp.researchAreaEnsino e aprendizagem de línguaspt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências e Letras, Araraquarapt
dc.identifier.aleph000870533
dc.identifier.filehttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/cathedra/14-10-2016/000870533.pdf
dc.identifier.capes33004030009P4
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record