Show simple item record

dc.contributor.advisorMontanari, Rafael [UNESP]
dc.contributor.authorSilva, Paulo Ricardo Teodoro da [UNESP]
dc.date.accessioned2017-10-11T15:02:10Z
dc.date.available2017-10-11T15:02:10Z
dc.date.issued2017-08-17
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/151892
dc.description.abstractNo cerrado brasileiro o Sistema Plantio Direto tem sido adotado expressivamente por agricultores. Contudo, o tráfego de máquinas e implementos em condições de alto teor de água no solo e as sucessivas adubações superficiais, tem provocado problemas de compactação e acúmulo de nutrientes na superfície, o que pode levar ao aumento da variabilidade espacial de nutrientes e na baixa expressão do potencial produtivo das culturas. Com a escarificação do solo, como prática para aliviar a compactação do solo, pode haver alterações na variabilidade horizontal de nutrientes devido à mobilização parcial do solo. Desta forma, a pesquisa teve como objetivo avaliar a variabilidade espacial dos atributos químicos do solo proporcionada pela escarificação do solo em Sistema Plantio Direto, e identificar por técnicas multivariadas, os principais atributos químicos do solo que melhor se relacionam com os componentes de produção e produtividade da soja. O experimento foi realizado num LATOSSOLO VERMELHO Distrófico, no ano agrícola 2015/16, na Fazenda de Ensino, Pesquisa e Extensão da Faculdade de Engenharia - UNESP, Câmpus de Ilha Solteira, localizada no município de Selvíria - MS. O experimento consistiu-se em duas áreas de cultivo, uma sob Sistema Plantio Direto (SPD) implantado há 13 anos e outra em Cultivo Mínimo escarificado (CM). Para coleta dos dados, foram alocadas duas malhas geoestatísticas, uma em cada área de cultivo. Cada malha foi constituída de 51 pontos equidistantes com uma distância entre pontos de 10 m. Foram avaliadas a população final de plantas, a altura de inserção da primeira vagem, a altura de plantas, o número de vagens por planta, de grãos por planta, de grãos por vagem, a massa de 100 grãos, a produtividade de grãos e atributos químicos do solo. A produtividade de grãos de soja foi maior em SPD quando comparado ao CM escarificado. A escarificação diminuiu a variabilidade espacial dos atributos químicos do solo na camada de 0-0,10 m. Os valores de pH, teores de cálcio, magnésio e fósforo na camada de 0-0,10 m, bem como o teor de K de 0,10-0,20 m, são os atributos que mais contribuíram no aumento de produtividade da soja em SPD e em CM. Em SPD, a fertilidade do solo concentra-se na camada superficial, enquanto que no CM escarificado na camada de 0,10-0,20 m. Em SPD, a CTC apresentou cokrigagem positiva com a produtividade de grãos em superfície e subsuperfície do solo. Em CM, o pH e a saturação por bases apresentaram cokrigagem positiva com a produtividade de grãos na camada de 0-0,20 m, enquanto que a acidez potencial apresentou cokrigagem negativa.pt
dc.description.abstractIn the Brazilian cerrado the no-tillage system has been adopted expressively by farmers. However, the traffic of machines and implements in conditions of high water content in the soil and successive superficial fertilizations has caused problems of compaction and accumulation of nutrients on the surface, which can lead to increased spatial variability of nutrients and low expression potential of crops. With soil scarification, as a practice to alleviate soil compaction, there may be changes in the horizontal variability of nutrients due to partial soil mobilization. The objective of this research was to evaluate the spatial variability of soil chemical attributes provided by soil scarification in no - tillage system, and to identify by multivariate techniques, the main soil chemical attributes that best relate to soybean yield and productivity components. The experiment was carried out in a dystrophic Oxisol, in the agricultural year 2015/16, in the Experimental Farm belonging to the Faculty of Engineering - UNESP (Ilha Solteira), located in Selvíria - MS. The experiment consisted of two cultivation areas, one under no-tillage system (NT) implanted 13 years ago and another in minimal cultivation scarified (MCS). To collect the data, two geostatistical meshes were allocated, one in each cultivation area. Each mesh was made up of 51 equidistant points with a distance between points of 10 m. The final population of plants, the height of insertion of the first pod, the height of plants, the number of pods per plant, of grains per plant, of grains per pod, the mass of 100 grains, the grain yield and soil chemical attributes were evaluated. The yield of soybean grains was higher in NT when compared to scarified MCS. Soil scarification decreased the spatial variability of soil chemical attributes in the 0-0.10 m layer. The values of pH, calcium, magnesium and phosphorus contents in the 0-0,10 m layer, as well as the K content of 0,10-0,20 m layer, are the attributes that contributed the most to increase soybean productivity in NT and MCS. In NT, the soil fertility is concentrated in the superficial layer, whereas in the MCS in the layer of 0,10-0,20 m. In NT, the CEC presented positive cokrigagem with grain yield at the surface and subsurface soil. In MCS, the pH and base saturation showed positive cokrigagem with grain yield in the 0-0,20 m layer, while potential acidity showed negative cokrigagem.en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectGlycine max L.en
dc.subjectVariabilidade espacialpt
dc.subjectSistema plantio diretopt
dc.subjectEscarificação do solopt
dc.subjectFertilidade do solopt
dc.subjectSpatial variabilityen
dc.subjectNo-tillage systemen
dc.subjectSoil scarificationen
dc.subjectSoil fertilityen
dc.titleGeoestatística e análise múltipla de atributos químicos de um latossolo cultivado com soja sob dois sistemas de manejopt
dc.title.alternativeGeostatistics and multiple analysis of chemical attributes of a oxisol grown under soybean under management systemsen
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramAgronomia - FEISpt
unesp.knowledgeAreaSistemas de produçãopt
unesp.researchAreaManejo e conservação do solopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Engenharia, Ilha Solteirapt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000893063
dc.identifier.capes33004099079P1
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record