Show simple item record

dc.contributor.advisorOliveira, Ely Francina Tannuri de [UNESP]
dc.contributor.authorAlves, Bruno Henrique [UNESP]
dc.date.accessioned2018-02-08T13:17:16Z
dc.date.available2018-02-08T13:17:16Z
dc.date.issued2018-02-06
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/152704
dc.description.abstractO Campo da Ciência da Informação (CI) é um espaço hierarquizado, relativamente autônomo e formado por relações objetivas que se dão em um contexto social pelos diferentes agentes e/ou instituições. Esta pesquisa objetivou compreender os mecanismos implícitos à geração e construção do conhecimento dos pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) em CI e a posição social que ocupam no Campo em questão. De forma mais específica, pretendeu apresentar, de forma diacrônica, os pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq em CI; agrupar os diferentes artigos produzidos pelos pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq em CI, segundo os temas dos GTs (Grupos de Trabalho) da ANCIB (Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação); identificar os pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq em CI, que publicam artigos indexados em bases de dados internacionais e destacar sua inserção no contexto internacional; compreender os mecanismos sociais construídos para organizar e que facilitam a estruturação das redes de colaboração científica dos pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq em CI; fundamentar a Análise de Redes Sociais (ARS) a partir da teoria do Campo e os conceitos de Capital Social, Capital Científico, propostos pela Sociologia de Pierre Bourdieu, objetivando identificar a posição de dominantes e dominados que os bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq ocupam na CI. Como procedimento de pesquisa, realizou-se um levantamento de todos os artigos publicados pelos 47 pesquisadores bolsistas de produtividade do CNPq em CI, no período de 2005-2009 (primeiro quinquênio) e 2010-2014 (segundo quinquênio) em um total de 914 artigos publicados em periódicos. Para a construção das redes de colaboração científica entre os pesquisadores, utilizou-se o Software Ucinet. A teoria do Campo Científico será utilizada também para complementar o procedimento de Análise de Redes Sociais, focando a identificação, caracterização e evolução das redes de colaboração científica (2005-2009 e 2010-2014). Ainda, serão relacionados com os conceitos propostos pela Sociologia de Pierre Bourdieu, tendo em vista identificar a posição de dominantes e dominados na estrutura social do Campo da CI. Os 47 pesquisadores bolsistas PQ em CI publicaram, no período de 2005 a 2009, um total de 317 artigos, e os 56 pesquisadores PQ em CI publicaram, no período 2010 a 2014, um total de 597 artigos. Os GTs mais contemplados, respectivamente, no período 2005 a 2009 e 2010 a 2014 são: GT02 "Organização e Representação do Conhecimento e GT 08, que se refere à "Informação e Tecnologia". As redes de colaboração científica mostram a interlocução brasileira no contexto internacional. Como conclusões, destaca-se que, de acordo com os fundamentos desta pesquisa e da Sociologia de Pierre Bourdieu, para ocupar uma posição de dominante, o pesquisador bolsista de produtividade em pesquisa do CNPq deve entender a lógica do jogo, pois o Campo possui eixos estruturantes a partir dois quais se identificam os principais jogadores que ocupam esse espaço social de concorrência científica.pt
dc.description.abstractThe field of Information Science (IS) is a hierarchical space, relatively autonomous and formed by objective relations that take place in a social context among different agents and / or institutions. This research aimed to understand the implicit mechanisms for the generation and construction of the knowledge of the CNPq (National Council for Scientific and Technological Development) fellow researchers in IS and the social position they occupy in the field. More specifically, the research intended to present, diachronically, the IS CNPq fellow researchers; to group the different articles produced by the IS CNPq fellow researchers according to the themes by ANCIB (National Association of Research and Post-Graduation in Information Science) Working Groups; to identify IS CNPq fellows who publish articles indexed in international databases and to evaluate their insertion in the international context; to understand the social mechanisms built to organize and which facilitate the structuring of the scientific collaboration networks of IS CNPq fellow researchers; to base the Social Network Analysis (SNA) from the Field Theory and the concepts of Social Capital, Science Capital, proposed by the Sociology of Pierre Bourdieu, aiming to identify the dominant and dominated position that the CNPq fellow researchers occupy in IS. As a research procedure, a survey of all the articles published by the 47 CNPq fellow researchers in IS between 2005-2009 (first five years) and 2010-2014 (second five years) was carried out, totaling 914 articles published in journals. The software Ucinet was used for the construction of the scientific collaboration networks among researchers. The scientific Field Theory will also be used to complement the procedure of Social Network Analysis, focusing on the identification, characterization and evolution of scientific collaboration networks (2005-2009 and 2010-2014). In addition, they are related to the concepts proposed by the Sociology of Pierre Bourdieu in order to identify the position of dominant and dominated in the social structure of the field of IS. The 47 IS CNPq fellow researchers published a total of 317 articles in the period between 2005 and 2009, and the 56 IS CNPq fellow researchers published, in the period between 2010 and 2014, a total of 597 articles. The most contemplated WGs, respectively, in the period between 2005 and 2009, and between 2010 and 2014 are: WG 02 " Knowledge Organization and Representation” and WG 08 " Information and Technology. "Scientific collaboration networks show Brazilian interlocution in the international context. In conclusion, according to the foundations of this research and the Sociology of Pierre Bourdieu, in order to occupy a dominant position, the IS CNPq researcher must understand the logic of the practice, since the Field has structuring axes from which one can identify the main players that occupy this social space of scientific competition.en
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectCiência da informaçãopt
dc.subjectRedes de colaboração científicapt
dc.subjectAnálise de redes sociaispt
dc.subjectSociologia de Pierre Bourdieupt
dc.subjectInformation scienceen
dc.subjectScientific collaboration networksen
dc.subjectSocial network analysisen
dc.subjectSociology of Pierre Bourdieuen
dc.titleSociologia de Pierre Bourdieu e os pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq em Ciência da Informaçãopt
dc.title.alternativeThe Sociology of Pierre Bourdieu and CNPq fellow researchers in Information Scienceen
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.description.sponsorshipId140860/2014-2
unesp.graduateProgramCiência da Informação - FFCpt
unesp.knowledgeAreaInformação, tecnologia e conhecimentopt
unesp.researchAreaProdução e organização da informaçãopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000896694
dc.identifier.capes33004110043P4
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record