Show simple item record

dc.contributor.advisorVentorim, Gustavo [UNESP]
dc.contributor.authorFerraz, Ana Paula Almeida
dc.date.accessioned2018-04-16T19:14:08Z
dc.date.available2018-04-16T19:14:08Z
dc.date.issued2018-02-27
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/153551
dc.description.abstractO presente estudo tem por objetivo elucidar sobre a correlação entre a viscosidade e as propriedades mecânicas da polpa. O material utilizado foi uma amostra de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla. Os cavacos foram submetidos a cozimentos com tempos de polpação de 90 e 120 minutos. Para as polpas produzidas com tempo de 90 minutos, realizou-se a deslignificação com oxigênio com temperatura de 95°C e para as polpas produzidas com o tempo de 120 minutos, a temperatura do estágio de deslignificação com oxigênio foi de 115°C, objetivando uma maior diferença de viscosidade entre as amostras. Ambas as polpas foram branqueadas a partir das sequências ECF OD(E+P)DD, OAHTD(E+P)DP e OD(E+P)(PO). Posteriormente as polpas foram refinadas em moinho PFI e avaliadas quanto ao índice de rasgo, tração e arrebentamento, segundo as normas da TAPPI (Technical Association of the Pulp and Paper Industry). Os resultados indicam que o aumento do tempo de cozimento em 30 minutos e aumento da temperatura da deslignificação com oxigênio de 95°C para 115°C afetam significativamente a viscosidade da polpa. O refino foi afetado pela diminuição da viscosidade das sequências produzidas com deslignificação com oxigênio à temperatura de 115°C. O índice de rasgo apresentou decréscimo quanto menor a viscosidade da polpa em todas as sequências de branqueamento deste estudo. Os índices de tração e arrebentamento apresentaram decréscimo de acordo com a diminuição da viscosidade em uma mesma sequência, entretanto, quando a comparação foi feita entre diferentes sequências de branqueamento, não houve relação entre os índices de tração e de arrebentamento com a viscosidade da polpa.pt
dc.description.abstractThis study aims to elucidate the correlation between the viscosity and the mechanical properties of the pulp. The material used was a sample of Eucalyptus grandisx Eucalyptus urophylla. The chips were cooked with cooking times of 90 and 120 minutes. For the pulps produced in 90 minutes, the delignification with oxygen at temperature of 95ºC was performed and for the pulps produced in 120 minutes, the temperature of the oxygen delignification stage was 115ºC, aiming a greater difference of viscosity between the samples. Both pulps were bleached from the sequences ECF OD(E+P)DD, OD(E+P)(PO) and OAHTD(E+P)DP. Later, the pulps were refined in PFI mill and assessed for the tear, tensile and burst indexes, according to the TAPPI (Technical Association of the Pulp and Paper Industry) standards. The results indicate that the increase of cooking time in 30 minutes and the increase of temperature in oxygen delignification from 95°C to 115°C affect significantly the pulp viscosity. The refining was affected by the viscosity reduction of the sequences produced with delignification with oxygen at temperature of 115ºC. Tear index decreased as the pulp viscosity was lower, in all the bleaching sequences. Tensile and burst indexes presented decrease with the decrease of the viscosity in the same sequence, however, when comparing different bleaching sequences, there was no relation between the tensile and burst indexes with the pulp viscosity.en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectCelulosept
dc.subjectEucaliptopt
dc.subjectÍndice de rasgopt
dc.subjectÍndice de traçãopt
dc.subjectÍndice de arrebentamentopt
dc.subjectCelullosept
dc.subjectEucalyptusen
dc.subjectTear Indexen
dc.subjectTensile Indexen
dc.subjectBurst Indexen
dc.titleCorrelação entre viscosidade e propriedades mecânicas de polpas kraft em sequências de branqueamento livres de cloro elementarpt
dc.title.alternativeCorrelation between viscosity and mechanical properties of kraft pulps in elemental chlorine free bleaching sequencesen
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEngenharia Mecânica - FEGpt
unesp.knowledgeAreaMateriaispt
unesp.researchAreaMateriais lignocelulósicospt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Engenharia, Guaratinguetápt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000900079
dc.identifier.capes33004080027P6
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record