Show simple item record

dc.contributor.advisorArrigoni, Mário De Beni
dc.contributor.authorMüller, Leonardo Rosolen
dc.date.accessioned2018-07-04T14:30:55Z
dc.date.available2018-07-04T14:30:55Z
dc.date.issued2018-06-15
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/154439
dc.description.abstractO objetivo desse trabalho foi analisar a viabilidade econômica da inclusão de caroço de algodão (CA) e gordura protegida, em um cenário real, simulando variações do preço da arroba e caroço de algodão, verificando também a padronização de acabamento e de arrobas dos lotes de bovinos Nelore confinados. O estudo foi conduzido no confinamento experimental da FMVZ, UNESP- Botucatu. Foram utilizados 96 bovinos machos não castrados da raça Nelore, com peso corporal inicial de 399,9 ± 15,1 kg e idade média de 22 ± 2 meses. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, separados de acordo com o peso corporal inicial e divididos em quatro tratamentos: COP, dieta com adição de lipídios provenientes de CA e gérmen de milho; NUTR, dieta com inclusão de fonte de lipídios protegidos da degradação ruminal provenientes de óleo de soja; BLEND, dieta com inclusão da combinação de óleos protegidos da degradação ruminal; MIX, dieta com adição de fontes lipídios, provenientes de CA e gérmen de milho e Blend. Foram alocados, em confinamento coberto, 4 animais por baia, totalizando 6 baias por tratamento, que foram consideradas as unidades experimentais. O abate aconteceu 108 dias após a entrada no confinamento. Os dados foram analisados pelo PROC MIXED do SAS e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 10% de significância. Não foi encontrado efeito estatístico na característica de carcaça e no desempenho, entretanto, analisando as variações da produção de arrobas no confinamento, o MIX apresentou uma amplitude 33% menor em relação ao NUTRI, tratamento que apresentou maior amplitude. Esse resultado também foi observado em relação à espessura de gordura subcutânea, o MIX foi 32% menor do que NUTRI. Na classificação por acabamento, os tratamentos NUTRI, BLEND e MIX apresentaram 90% dos animais classificados no padrão desejável; já o COP, cerca de 30% foram classificados no padrão indesejável. As receitas dos animais não demonstraram efeitos significativos independente da bonificação. Referindo-se aos custos de ingestão, não foram encontradas diferenças estatísticas quando o CA está no seu valor máximo; quando encontrado, entretanto, o COP e MIX demonstraram os menores custos. A MBC, com ou sem bonificação, não apresenta efeito significativo para o valor máximo do caroço; já nas outras variações, o COP e o MIX são os maiores valores. Conclui-se que o MIX apresenta menores custos, maior MBC e melhor padrão de acabamento e arrobas produzidas.pt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectviabilidade econômica, ácido graxo, gordura protegida da degradação ruminal, caroço de algodãopt
dc.titleInclusão de fontes de lipídeos como estratégia econômica para terminação de bovinos nelore em confinamentopt
dc.title.alternativeInclusion of source lipids as economic estategies of nelore catle termination in feedlotpt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramZootecnia - FMVZpt
unesp.knowledgeAreaNutrição e produção animalpt
unesp.researchAreanao constapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Botucatupt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000905715
dc.identifier.capes33004064048P2
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record