Show simple item record

dc.contributor.advisorDel Roio, Marcos Tadeu [UNESP]
dc.contributor.authorPereira, Marcela Andresa Semeghini [UNESP]
dc.date.accessioned2018-11-12T13:09:54Z
dc.date.available2018-11-12T13:09:54Z
dc.date.issued2018-10-05
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/157508
dc.description.abstractEsta pesquisa investigou uma dimensão da precarização do trabalho docente na UNESP: a redução do tempo disponível a tempo de trabalho. Para isso, perpassamos o início da universidade no Brasil até os dias atuais, sublinhando a herança da ideologia neoliberal como a expansão do ensino público, de maneira desordenada, e a privatização. Fizemos a análise histórica e crítica do tempo de trabalho e tempo disponível, além da explanação sobre o modo de organização gerencial do trabalho e a reestruturação produtiva que, juntamente com a ideologia neoliberal, redesenharam a atividade intelectual e, em especial, a docente, principalmente no que se refere a cobrança por resultados que sejam visíveis e quantificados. Verificou-se que a restrição de tempo disponível do docente gera a precarização do trabalho e, danos a sua saúde física e mental; além de adentrar no seu tempo que deveria ser não apropriado. O objetivo da pesquisa foi averiguar a articulação entre tempo de trabalho e tempo disponível e o modo de organização do tempo dos professores da Área de Humanidades da UNESP. Analisou-se a forma de ser do trabalho, o cotidiano do docente na Área de Humanidades e as condições salariais, inovações tecnológicas, organização do trabalho e modos de gestão do trabalho docente nos últimos 12 anos, visto que no ano de 2003 iniciou o processo da terceira expansão desta Universidade. Os impactos das condições objetivas do trabalho docente sobre a utilização do tempo de trabalho e do tempo disponível dos professores, na vida de todos os dias e na saúde do trabalhador é notória. O método de pesquisa de orçamento do tempo foi utilizado para aferir o modo de organização do tempo disponível dos professores, baseando-se em pesquisa bibliográfica, observação direta, e aplicação de questionário semi-aberto e fechado e empregos de materiais documentais que permitem estabelecer relatos específicos e medidos de modo como dispõem de seu tempo.pt
dc.description.abstractThis research investigated a dimension of the precariousness of teaching work in UNESP: the reduction of the time available to working time. In order to do so, we have crossed the beginning of the university in Brazil to the present day, underlining the legacy of neoliberal ideology such as the expansion of public education, in a disorderly way, and privatization. We did the historical and critical analysis of working time and available time, as well as an explanation of the way in which work was organized and the productive restructuring that, together with the neoliberal ideology, redesigned the intellectual activity, especially the teacher, mainly as regards the collection by results that are visible and quantified. It was found that the restriction of the available time of the teacher generates the precariousness of the work and, damages to his physical and mental health; as well as enter into your time which should be inappropriate. The objective of the research was to ascertain the articulation between working time and available time and the way of organizing the time of the professors of the Humanities Area of UNESP. It was analyzed the way of being of the work, the daily life of the teacher in the Humanities Area and the salary conditions, technological innovations, work organization and modes of management of teaching work in the last 12 years, since in 2003 the process began of the third expansion of this University. The impacts of the objective conditions of the teaching work on the use of the working time and the available time of the teachers, in everyday life and in the health of the worker is notorious. The time budget research method was used to measure the way teachers organize their time, based on bibliographical research, direct observation, and the application of a semi-open and closed questionnaire, as well as the use of documentary materials that allow reporting specific and measured in the way they have their time.en
dc.description.sponsorshipNão recebi financiamento
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectTempo de trabalhopt
dc.subjectTempo disponívelpt
dc.subjectHumanidadespt
dc.subjectUnesppt
dc.subjectWorking timeen
dc.subjectAvailable timeen
dc.subjectHumanitiesen
dc.titleA vida de todos os dias: tempo disponível e tempo de trabalho dos professores da área de humanidades da Unesppt
dc.title.alternativeThe life of all days: available time and time of work of the teachers of the humanities area of Unespen
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramCiências Sociais - FFCpt
unesp.knowledgeAreaSociologiapt
unesp.researchAreaDeterminações do mundo do trabalhopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000909923
dc.identifier.capes33004110042P8
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record