Show simple item record

dc.contributor.advisorVizoto, Ana Carolina Pero [UNESP]
dc.contributor.authorSilva, Marcela Dantas Dias Da
dc.date.accessioned2019-04-02T18:12:45Z
dc.date.available2019-04-02T18:12:45Z
dc.date.issued2019-02-22
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/181333
dc.description.abstractO objetivo deste estudo foi avaliar o efeito do adesivo tipo pó no desempenho mastigatório e qualidade de vida associada à saúde bucal (QVSB) de pacientes edêntulos com rebordos mandibulares normais e reabsorvidos, durante o período de adaptação com próteses totais convencionais. Quarenta e dois indivíduos desdentados totais completaram o estudo, sendo assim distribuídos: participantes com rebordos normais com adesivo, 10; participantes com rebordos normais sem adesivo, 10; participantes com rebordos reabsorvidos com adesivo, 11; participantes com rebordos reabsorvidos sem adesivo, 11. Nos grupos com adesivo, os participantes foram orientados a utilizar o adesivo Corega pó durante o período do estudo, de acordo com as recomendações do fabricante. O desempenho mastigatório foi avaliado através do método dos tamises e a QVSB dos indivíduos usuários de próteses totais foi avaliada através do questionário Oral Health Impact Profile específico para pacientes desdentados totais (OHIP-EDENT), nos períodos 30, 60 e 90 dias após a instalação das próteses totais. Os dados foram submetidos ao teste de ANOVA dois fatores mista (desempenho mastigatório) e Equações de Estimações Generalizadas (QVSB), de acordo com o tipo de rebordo (α=0,05). Os resultados mostraram que o uso do adesivo resultou em melhor desempenho mastigatório no período de 30 (35,76±12,63% A) e 60 dias (30,06±10,54% A), para participantes com rebordos normais, em comparação com o período 90 dias (23,53±9,74% B). O uso de adesivo não interferiu no desempenho mastigatório em indivíduos com rebordos reabsorvidos, durante o período de adaptação com próteses totais. O uso de adesivo influenciou negativamente na QVSB do domínio/subescala de desconforto e incapacidade mastigatória dos participantes com rebordos mandibulares reabsorvidos no período de 30 dias [5,2(3,6-6,8)], em comparação com os períodos de 60 [2,6(0,9-4,3)] e 90 dias [1,7(0,2-3,2)]. O uso de adesivo não interferiu na QVSB em indivíduos com rebordos normais durante o período de adaptação com próteses totais. Conclui-se que o uso de adesivo pode melhorar o desempenho mastigatório de usuários de próteses totais novas com rebordos mandibulares normais no período inicial até 60 dias após a instalação das mesmas, e não tem influência no desempenho mastigatório de indivíduos com rebordos reabsorvidos no período de adaptação com as próteses. Sendo que, para esses indivíduos o uso do adesivo teve um impacto negativo na qualidade de vida relacionada a desconforto e incapacidade mastigatória 30 dias após a instalação das próteses, e não teve efeito na QVSB de voluntários com rebordos normais.pt
dc.description.abstractThis study evaluated the effect of powder adhesive on masticatory performance and oral health related quality of life (OHRQoL) in complete denture wearers with normal and resorbed mandibular ridges during adaptation period. Forty-two participants were distributed in four groups: normal mandibular ridges with adhesive, n=10; normal mandibular ridges without adhesive, n=10; resorbed mandibular ridges with adhesive, n=11; resorbed mandibular ridges without adhesive, n=11. Participants used Corega powder during the study according to the manufacturer’s recommendations. The masticatory performance was evaluated using sieve method and OHRQoL was assessed by the Oral Health Impact Profile in Edentulous Adults (OHIP-EDENT) inventory at 30, 60 and 90 days after insertion of new complete dentures. Data were submitted to the 2-way ANOVA test (masticatory performance) and Generalized Estimating Equations (OHRQoL), according to the type of ridges (α=.05). The results showed that the use of adhesive resulted in a better masticatory performance at 30 (35.76±12.63% A) and 60 days (30.06±10.54% A) for participants with normal mandibular ridges than the 90-day period (23.53±9.74% B). The use of adhesive did not interfere on masticatory performance of participants with resorbed mandibular ridges during adaptation period with new complete dentures and had a negative effect on masticatory discomfort/disability OHRQoL subscale for participants with resorbed mandibular ridges at 30-day period [5.2(3.6, 6.8)] compared to 60 [2.6(0.9, 4.3)] and 90 days periods [1.7(0.2, 3.2)]. The use of adhesive did not influence OHRQoL in participants with normal mandibular ridges during adaptation period with new complete dentures. It was concluded that use of adhesive can improve the masticatory performance of new complete dentures wearers with normal mandibular ridges in the initial adaptation period up to 60 days after insertion and has no influence on masticatory performance of participants with resorbed mandibular ridges. For participants with resorbed mandibular ridges, the use of adhesive had a negative impact on masticatory discomfort/disability OHRQoL subscale at 30 days after complete dentures insertion and had no effect on OHRQoL of vonlunteers with normal mandibular ridges.pt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.subjectPrótese totalpt
dc.subjectAdesivospt
dc.subjectAdaptação fisiológicapt
dc.subjectMastigaçãopt
dc.subjectQualidade de vidapt
dc.subjectDenture, completeen
dc.subjectAdhesivesen
dc.subjectAdaptation, physiologicalen
dc.subjectMasticationen
dc.subjectQuality of life.pt
dc.titleInfluência da utilização de um adesivo no período de adaptação com próteses totais em pacientes com rebordos normais e reabsorvidospt
dc.title.alternativeInfluence of the use of adhesive in complete denture wearers with normal and resorbed mandibular ridges during adaptation perioden
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.description.sponsorshipId001
unesp.graduateProgramReabilitação Oral - FOARpt
unesp.knowledgeAreaPrótese dentáriapt
unesp.researchAreaTratamento protético em odontogeriatriapt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Odontologia, Araraquarapt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.aleph000914521
dc.identifier.capes33004030082P3
unesp.advisor.lattes2999722781960616[1]
unesp.advisor.orcid0000-0002-0203-2386[1]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record