Show simple item record

dc.contributor.advisorBotura Junior, Galdenoro [UNESP]
dc.contributor.advisorSilva, João Carlos Riccó Plácido da [UNESP]
dc.contributor.authorLobo, Francisco de Assis Sousa
dc.date.accessioned2021-09-27T12:38:06Z
dc.date.available2021-09-27T12:38:06Z
dc.date.issued2021-07-27
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/214549
dc.description.abstractA base de conhecimento utilizada para o desenvolvimento de um produto, por um aluno do curso superior em Design, constitui seu repertório, tendo como substância as informações oriundas do ensino fundamental e médio, junto a experiências vividas previamente, em escolas públicas e privadas de diferentes classes sociais. Sua essência é heterogênea e engloba o conteúdo das mídias digitais e tecnologias da informação. Esta formação variada influi no aproveitamento do conteúdo adquirido nas disciplinas ofertadas pelos cursos superiores, indicando a necessidade de as faculdades de design aprimorarem a aprendizagem, uma vez que seu papel consiste em fornecer formação qualificada a um profissional da área de desenvolvimento de produto. No entanto, essa tarefa vai muito além do que, inicialmente, se espera. Devido à dessemelhança quanto ao conhecimento prévio e bagagem cultural, competências adicionais são necessárias para que os ingressantes possam suprir possíveis deficiências. Entender a cognição das informações que fundamentam os conceitos projetuais se faz necessário, para uma melhor qualificação desses futuros profissionais. Esta tese tem o propósito de discutir e comprovar a importância e a influência do repertório prévio, trazido pelos ingressantes no curso de design, para o desenvolvimento de produtos. É primordial complementar o conhecimento dos que chegaram ao ensino superior, sem a vivência exigida, para obterem a qualificação que se espera de um designer na conclusão do seu curso. Para tanto, procedeu-se a análise de seu repertório, iniciada pela coleta dos dados e definição das variáveis envolvidas, com o objetivo de identificar as áreas do saber que compõem o cerne da competência no desenvolvimento de projetos. Por meio deste trabalho, estabeleceu-se um método com ferramentas de identificação das origens dos padrões de procedimento na configuração de novos produtos, com identidade e qualidade, considerando as referências culturais regionais e as influências do mercado globalizado. Os resultados comprovaram as hipóteses estabelecidas. Constatou-se o quanto as disciplinas cursadas pelos alunos veteranos resultaram em projetos com melhor elaboração. Identificou-se que houve mais conhecimento; definiram-se conceitos projetuais bem fundamentados; verificou-se que os projetos mais inovadores e criativos foram desenvolvidos pelos alunos com maior vivência. Os dados coletados e tabulados contribuíram para o entendimento das práxis de projeto, por meio dos domínios identificados. O produto obtido a partir da metodologia aplicada resultou em uma ferramenta de análise que poderá auxiliar, no âmbito acadêmico, de forma efetiva, na identificação do conteúdo específico a ser repassado aos discentes, e na maneira como os cursos de design são planejados e conduzidos. No mercado de trabalho, auxiliará na identificação de perfis profissionais para áreas específicas de atuação profissional. No âmbito governamental, poderá contribuir no planejamento de desenvolvimento, indicando áreas do saber com potencial de fomento para a melhoria do IDH-M, estendendo-se para esferas elevadas da administração pública.pt
dc.description.abstractThe knowledge base used for the development of a product by students from the design course in higher education constitutes their repertoire, having as substance the information acquired during elementary school and high school, in addition to their lived experience. Their essence is heterogeneous due to access to new communication technologies, to existing content in digital media, and to their learning, originating from public and private schools and from different social classes. This diverse background influences the good use of the content learned in the disciplines offered by higher education courses, indicating that faculties of design need to improve their learning, since the role of the faculty is to provide qualified instruction to professionals focused on the area of product development. However, this task goes far beyond what is initially expected due to the heterogeneity of the incoming students in terms of prior knowledge and cultural background; in this case, skills are needed so that they can make up for possible deficiencies. Understanding the cognition of the information that underlies the design concepts is necessary for a better qualification of future professionals. This thesis aims to discuss and prove the importance and influence of the previous repertoire brought by incoming design students for the development of products. It is essential to complement the knowledge of students who arrived at higher education without the required experience so that they can obtain the qualification expected from a designer at the conclusion of their course. For this purpose, an analysis of the students’ repertoire was carried out, starting with the collection of data and definition of the variables involved, to identify the areas of knowledge that constitute the core of competence in project development. Through this work, a method with tools to identify the origins of procedural standards in the configuration of new products, with identity and quality, considering regional cultural references and the influences of the globalized market, was established. The results confirmed the established hypotheses. It was verified that the disciplines studied by senior students resulted in better developed projects. It was identified that there was more knowledge; well-founded design concepts were defined; it was verified that the most innovative and creative projects were developed by the most experienced students. The collected and tabulated data contributed to the understanding of the design praxis through the identified domains. The product obtained from the applied methodology resulted in an analysis tool that can effectively help, in the academic sphere, to identify specific content to be passed on to students and the way design courses are planned and conducted. In the job market, it will help identify professional profiles for specific areas of professional activity. At the government level, it can contribute to the development planning, indicating areas of knowledge with potential to stimulate the improvement of the HDI-M, and be extended to high levels of public administration.en
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico do Maranhão (FAPEMA)
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.subjectDesignpt
dc.subjectEducação em designpt
dc.subjectRepertório de conhecimentopt
dc.subjectTeoria do designpt
dc.subjectMetodologia do ensino de designpt
dc.subjectDesign do produtopt
dc.subjectDesign educationen
dc.subjectKnowledge repertoireen
dc.subjectDesign theoryen
dc.subjectDesign teaching methodologyen
dc.titleEpistemologia do Design: a importância do repertório na formação do designerpt
dc.title.alternativeDesign epistemology: the importance of the repertoire in the designer's trainingen
dc.typeTese de doutorado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
dc.description.sponsorshipId04206/2016
unesp.graduateProgramDesign - FAACpt
unesp.knowledgeAreaDesenho de produtopt
unesp.researchAreaDesign do produtopt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Arquitetura, Artes, Comunicação e Design, Baurupt
unesp.embargoOnlinept
dc.identifier.capes33004056082P0
unesp.examinationboard.typeBanca públicapt
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record