Show simple item record

dc.contributor.authorAlves, Telma R. [UNESP]
dc.contributor.authorFonseca, Renata C. B. [UNESP]
dc.contributor.authorEngel, Vera Lex [UNESP]
dc.date.accessioned2014-05-20T13:21:47Z
dc.date.available2014-05-20T13:21:47Z
dc.date.issued2012-06-01
dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S0073-47212012000200006
dc.identifier.citationIheringia. Série Zoologia. Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul, v. 102, n. 2, p. 150-158, 2012.
dc.identifier.issn0073-4721
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/6313
dc.description.abstractA região da cuesta de Botucatu caracteriza-se por um gradiente topográfico contendo um mosaico de ambientes com diferentes formações de vegetação natural (floresta estacional semidecidual, cerrado e matas ciliares), além de áreas antropizadas com a predominância de pastagens, plantações de cana-de-açúcar, laranja, e reflorestamentos de eucalipto, com paisagem fragmentada. Inserida nesta região, a Fazenda Experimental Edgardia, pertencente à Universidade Estadual Paulista, Campus de Botucatu, representa uma amostra desta heterogeneidade ambiental, tendo grande importância para a conservação da biodiversidade, tanto de flora como fauna. Entretanto, poucos são os estudos sobre a sua fauna, principalmente de mamíferos. O presente trabalho teve como objetivo conhecer a fauna de mamíferos de médio e grande porte nesta área, e sua relação com o mosaico de habitats. Foram obtidos registros indiretos da presença de mamíferos através de vestígios (pegadas e fezes) em transectos (trilhas pré-existentes), ao longo de um ano. de março de 2004 a março de 2005 foram registradas 18 espécies de mamíferos silvestres de médio e grande porte. Quanto à ocorrência destacou-se Mazama sp., presente em todos os ambientes, com maior abundância relativa no ambiente de transição de floresta/Cerradão. Puma concolor (Linnaeus, 1771), Leopardus pardalis (Linnaeus, 1758), Cerdocyon thous (Linnaeus, 1766), Procyon cancrivorus (Cuvier, 1798) e Dasypus novemcinctus (Linnaeus, 1758) também foram encontradas em praticamente todos os ambientes, e espécies como Chironectes minimus (Zimmermann, 1780), Cuniculus paca Linnaeus, 1766, Eira barbara (Linnaeus, 1758) e uma espécie do gênero Conepatus Gray, 1837 estiveram restritas a ambientes específicos. A análise de correspondência mostrou oito espécies com ocorrência em todos os ambientes: sete mais associadas aos ambientes de várzea, floresta e pastagem e três aos ambientes de cultura de arroz, transição entre floresta/Cerradão e vegetação natural em estádio sucessional secundário. Os resultados sugerem que a fauna de mamíferos de médio e grande porte na Fazenda Experimental Edgardia está sujeita às modificações ambientais que a região vem sofrendo. Embora existam preferências de algumas espécies por determinados hábitats, parece ocorrer certa plasticidade em relação às modificações de seus hábitats originais.pt
dc.description.abstractThe region of the Botucatu cuesta is characterized by a great topographic gradient and a mosaic of several kinds of natural vegetation patches (seasonal semideciduous forests, savannas and gallery forests), and is a fragmented anthropogenic landscape with a predominance of pastures, sugar-cane, citrus and eucalyptus plantations. Within this region, the Edgardia Experimental Farm, belonging to UNESP Campus, represents a sample of this environmental heterogeneity, having a great importance for flora and fauna biodiversity conservation. However, there is a lack of studies regarding its fauna, specially its mammalian fauna. The objective of the present study was to find the relation between the medium- and large-sized mammalian communities to habitat patches within the Edgardia Experimental Farm. Data was collected from indirect records (footprints and feces) in transects (pre-existing trails) in the course of one year. From March 2004 to March 2005, eighten native medium and large-sized mammalian species were recorded. Mazama sp. was present in all environments, and more abundantly in the transition area forest/savanna. Puma concolor (Linnaeus, 1771), Leopardus pardalis (Linnaeus, 1758), Cerdocyon thous (Linnaeus, 1766), Procyon cancrivorus (Cuvier, 1798), and Dasypus novemcinctus (Linnaeus, 1758) were found practically everywhere and species such as Chironectes minimus (Zimmermann, 1780), Cuniculus paca Linnaeus, 1766, Eira barbara (Linnaeus, 1758) and one species of genus Conepatus Gray, 1837 were restricted to specific habitats. The correspondence analysis showed that eight species were correlated to all environments: seven to wetlands, forests and pastures; and tree to rice plantation, forest/savanna transition and secondary forest regeneration areas. The results suggest that medium and large-sized mammalian species at the Edgardia Experimental Farm are subject to the environmental changes the region has gone through. Although there are preferences of some species for certain habitats, there may be adaptations to changes in their original habitats.en
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.format.extent150-158
dc.language.isopor
dc.publisherFundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul
dc.relation.ispartofIheringia: Série Zoologia
dc.sourceSciELO
dc.subjectFragmentação da paisagempt
dc.subjectmamíferos terrestrespt
dc.subjectfloresta estacional semidecidualpt
dc.subjectáreas antropizadaspt
dc.subjectanálise de pegadaspt
dc.subjectLandscape fragmentationen
dc.subjectterrestrial mammalsen
dc.subjectseasonal semideciduous foresten
dc.subjectanthropogenic areasen
dc.subjectfootprint analysisen
dc.titleMamíferos de médio e grande porte e sua relação com o mosaico de habitats na cuesta de Botucatu, Estado de São Paulo, Brasilpt
dc.title.alternativeMedium and large sized mammalians and their relation to habitat patches at the Botucatu cuesta, state of São Paulo, Brazilen
dc.typeArtigo
dcterms.rightsHolderFundação Zoobotanica Rio Grande Sul, Museu Ciencias Naturais
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.description.affiliationUniversidade Estadual Paulista Faculdade de Ciências Agronômicas
dc.description.affiliationUniversidade Estadual Paulista Faculdade de Ciências Agronômicas Departamento de Recursos Naturais Fazenda Experimental Lageado
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista Faculdade de Ciências Agronômicas
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista Faculdade de Ciências Agronômicas Departamento de Recursos Naturais Fazenda Experimental Lageado
dc.identifier.doi10.1590/S0073-47212012000200006
dc.identifier.scieloS0073-47212012000200006
dc.identifier.wosWOS:000307228100006
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agronômicas, Botucatupt
dc.identifier.fileS0073-47212012000200006.pdf
dc.identifier.lattes4161151442533491
unesp.author.lattes4161151442533491
unesp.author.orcid0000-0001-5806-2544[3]
dc.relation.ispartofjcr0.294
dc.relation.ispartofsjr0,260
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record