Show simple item record

dc.contributor.authorLourenço, Edvânia Ângela de Souza [UNESP]
dc.contributor.authorBertani, Iris Fenner [UNESP]
dc.date.accessioned2014-05-20T13:27:05Z
dc.date.available2014-05-20T13:27:05Z
dc.date.issued2009-12-01
dc.identifierhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-49802009000200004
dc.identifier.citationRevista Katálysis. Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina, v. 12, n. 2, p. 152-160, 2009.
dc.identifier.issn1414-4980
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/8822
dc.description.abstractEste texto busca evidenciar a relação trabalho e saúde em um lócus determinado: a produção calçadista em Franca, interior do estado de São Paulo. A discussão privilegia o processo sócio-histórico da referida atividade econômica em Franca, com ênfase na reestruturação produtiva que, a partir na década de 1990, disseminou parte da produção para as residências dos trabalhadores, constituindo as denominadas Bancas de Pespontos e de Corte em Calçados. Desse modo, a partir do conhecimento empírico, subsidiado pelas visitas a estes empreendimentos e de entrevistas com os trabalhadores e ainda com um relato de caso, enfatiza-se as relações sociais de trabalho que podem agredir à saúde. Todavia, diante da informalidade acabam não sendo consideradas na relação entre saúde e a atividade funcional exercida, ficando estes infortúnios distantes das negociações coletivas, fiscalizações, ou seja, de possíveis mudanças.pt
dc.description.abstractThis paper analyzes the relation of labor and health at a specific location: the shoe industry of Franca, in the interior of São Paulo State. The discussion emphasizes the socio-historic process of this economic activity in Franca, with an emphasis on the productive re-structuring which, since the 1990s, passed part of the production to the workers' residences, establishing so-called Shoe Stitching and Cutting Groups. In this way, based on empiric research, supported by visits to these establishments, interviews with workers and through presentation of a case study, the paper presents the social relations of labor that can aggravate health. Nevertheless, healthcare is not considered in these informal labor relations and the unfortunate workers involved remain distant from collective bargaining and labor inspections and thus possible change.en
dc.format.extent152-160
dc.language.isopor
dc.publisherPrograma de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
dc.relation.ispartofRevista Katálysis
dc.sourceSciELO
dc.subjecttrabalhopt
dc.subjectreestruturação produtivapt
dc.subjectsaúde dos trabalhadorespt
dc.subjectlaboren
dc.subjectproductive restructuringen
dc.subjectworker healthen
dc.titleA relação trabalho e saúde no setor calçadista de Franca, São Paulopt
dc.title.alternativeThe relation of labor and health in the shoe industry of Franca, São Pauloen
dc.typeArtigo
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.description.affiliationUniversidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho
dc.description.affiliationUnespUniversidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho
dc.identifier.doi10.1590/S1414-49802009000200004
dc.identifier.scieloS1414-49802009000200004
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Francapt
dc.identifier.fileS1414-49802009000200004.pdf
dc.identifier.lattes7361975407662731
dc.identifier.orcid0000-0002-8997-7592
unesp.author.lattes7361975407662731[1]
unesp.author.orcid0000-0002-8997-7592[1]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record