Show simple item record

dc.contributor.advisorOrtolan, Érika Veruska Paiva [UNESP]
dc.contributor.advisorAraújo, Carlos dos Reis Pereira de [UNESP]
dc.contributor.authorSouza, Augusto César Rodrigues de [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:23:39Z
dc.date.available2014-06-11T19:23:39Z
dc.date.issued2011-02-22
dc.identifier.citationSOUZA, Augusto César Rodrigues de. Avaliação da formação óssea em implantes dentários de ratos não diabéticos, diabéticos não controlados e controlados com insulina. 2011. 90 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2011.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/88902
dc.description.abstractO diabetes mellitus é considerado hoje, um problema de saúde pública mundial. Na odontologia está associado à doença periodontal, aumentando as chances de perda do elemento dental nos pacientes diabéticos. Implantes dentários são cada vez mais utilizados em pacientes parcialmente ou totalmente edêntulos para reposição dessas perdas. Estudos experimentais, para viabilizar o tratamento dentário de diabéticos através de implantes são cada vez mais freqüentes. Dada a relevância do tema, ainda existem lacunas no estudo da osseointegração de implantes em animais diabéticos. Por isso, visando dar sequência a esses estudos experimentais já existentes, esse estudo foi delineado para avaliação da osseointegração de implantes dentários em animais normais, diabéticos e diabéticos tratados com insulina, utilizando parâmetros adicionais nunca antes avaliados. O presente estudo teve como objetivo avaliar a formação óssea ao redor de implantes dentários em ratos diabéticos aloxânicos controlados com insulina, em relação a ratos não diabéticos e diabéticos não controlados. Foram avaliados 72 ratos da raça Wistar, machos, sadios ao exame clínico, pesando entre 200 e 300g, distribuídos em três grupos experimentais de 24 animais cada, sendo um grupo controle normal (GC), um grupo diabético sem tratamento (GD) e um grupo diabético tratado com insulina (GI). Os animais receberam os implantes dentários no fêmur direito e foram avaliados em três momentos pós-operatórios (7º, 14º e 21ºdias), onde foram analisadas a evolução clínica (peso corporal e diurese), exames laboratoriais (glicemia de jejum, hemoglobina glicosilada e insulina sérica). Em cada um dos momentos mencionados os animais foram sacrificados e retirado o fêmur com o implante, sendo espécimes de 4 animais utilizados para análise ultraestrutural das fibras colágenas, à microscopia...pt
dc.description.abstractDiabetes mellitus is nowadays a public health problem worldwide. In dentistry is associated with periodontal disease, increasing the possibilities of tooth loss in diabetic patients. Dental implants are been commonly used in patients partially or completely edentulous to replace these losses. Experimental studies, to enable the dental treatment of diabetics through implants are becoming more frequent. Despite the relevance of the issue , there are still gaps in the study of osseointegration of implants in diabetic animals . Therefore, in order to fulfill some of these questions, this study was designed to evaluate the osseointegration of dental implants in normal, diabetic and diabetic treated with insulin animals, using additional parameters never studied before. This study aimed to evaluate bone formation around dental implants in alloxan diabetic rats without treatment, controlled with insulin, and non diabetic rats. Materials and Methods: 72 Wistar rats, male, healthy at clinical examination, weighing between 200 and 300g were divided into three experimental groups of 24 animals each, a normal control group (CG), an untreated diabetic group (DG) and a diabetic group treated with insulin (IG). The animals received dental implants in the right femur and were assessed at three post-operative moments (7, 14 and 21 days), which analyzed clinical (body weight and diuresis) and laboratorial parameters (fasting glucose, hemoglobin glycosylated and serum insulin). In each of the mentioned moments the animals were sacrificed and the femur with the implant was removed, and four specimens of animals used for ultrastructural analysis on scanning electron microscopy, and another 4 to hystopathological examination by light microscopy method HE staining. Induction of diabetes was made by intravenous injection of alloxan 2% in a single dose of 42mg/kg. Were included in the experiment only animals... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.format.extent90 f.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectDiabetespt
dc.subjectImplantes dentáriospt
dc.subjectInsulinapt
dc.subjectCirugia experimentalpt
dc.subjectDiabetes Mellitusen
dc.subjectDental Implantsen
dc.subjectInsulinen
dc.titleAvaliação da formação óssea em implantes dentários de ratos não diabéticos, diabéticos não controlados e controlados com insulinapt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramBases Gerais da Cirurgia - FMBpt
unesp.knowledgeAreaCirurgiapt
unesp.researchAreaLesões crônicas e terapêuticaspt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Medicina, Botucatupt
dc.identifier.aleph000638935
dc.identifier.filesouza_acr_me_botfm.pdf
dc.identifier.capes33004064006P8
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record