Show simple item record

dc.contributor.advisorGirotto, Cyntia Graziella Guizelim Simões [UNESP]
dc.contributor.authorSouza, Silvana Paulina de [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:24:55Z
dc.date.available2014-06-11T19:24:55Z
dc.date.issued2009-09-29
dc.identifier.citationSOUZA, Silvana Paulina de. A organização do trabalho pedagógico no contexto das atividades de leitura e escrita. 2009. 146 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências, 2009.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/91172
dc.description.abstractA presente pesquisa teórica e prática, tendo como sujeitos crianças de uma quarta série do ensino fundamental da rede municipal de ensino do interior paulista, objetivou estudar a influência do entorno, aí inclusa a organização das ações pedagógicas, no desenvolvimento humano, com ênfase na análise das capacidades discursivas na infância. Apresenta uma discussão sobre a necessidade de se repensarem os elementos que compõem as atividades pedagógicas, identificando os processos centrais da sua organização. A hipótese é a de que as relações ocorridas em situações pedagógicas, organizadas intencionalmente, podem ser propulsoras de aprendizagens humanizadoras. São consideradas, nesse sentido, a atividade da criança e sua capacidade de aprendizado; a escola como espaço de vivências, de escolhas, de mediações; e a ação do professor mediador como criador de elos mediadores para a apropriação da linguagem escrita. Com o intuito de que as discussões recorressem a suportes teóricos que coadunassem entre si, a Teoria histórico-cultural foi eleita como o sustentáculo para as demais proposições que tratam da sala de aula como espaço mediador de ensino e de aprendizagem colaborativos (via metodologia de projetos) e a garantia para a coparticipação do sujeito aprendiz em sua própria formação como leitor e produtor de texto. A aplicação das técnicas da pesquisa-ação, por sua vez, respaldou-se no enfoque materialista-histórico-dialético, fundamento filosófico da Teoria histórico-cultural. Assim, a análise dos dados coletados coerentemente com a teoria eleita e norteada por seus conceitos gerou considerações acerca do ensino e da aprendizagem mediada pela linguagem escrita em contextos significativos e as contribuições destes instrumentos mediadores ao desenvolvimento humano. Ao concluir este trabalho foi possível afirmar que ter o homem...pt
dc.description.abstractThis theoretical and practice research, that have as participants children of a fourth grade education in municipal basic education from a small city in the state of São Paulo, aimed to study the influence of the environment, in which there is included the organization of pedagogical practices in human development with emphasis on discursive analysis capacity in childhood. It presents a discussion about the need to rethink the elements of the educational activities, identifying the central part processes of their organization. The hypothesis is that the relation occurred in organized intentionally pedagogical situations may be drivers of humanizing learning. About this respect, the child‟s activity and its learning ability; the school as a mediation, choice and experience place; and the mediator teacher‟s action as a creator of mediator links to the written language appropriation are considered. In order that, the discussions appeal to theoretical supporters which adequate among them, the cultural-historical Theory was chosen as the cornerstone for all other proposals that deal with the classroom as mediator teaching and collaborative learning space (via project methodology ) and the guarantee for the schoolchild‟s co-participation in his own formation as a reader and producer‟s text. The techniques application of action research, in turn, was supported on the historical materialist dialectical focus, the historical cultural theory philosophical foundation. Thus, the analysis of collected data in a consistent way with the chosen theory and guided by its concepts generated some discussion concerning to the teaching and learning mediated by the written language in meaningful contexts and the contributions of these mediator instruments to the human development. In conclusion of this study, we can say that having the man as a parameter so that the educational task provides ...(Complete abstract click electronic address below)en
dc.format.extent146 f. : il. color.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectLeitores - Formaçãopt
dc.subjectLeitura - Ensinopt
dc.subjectProdução de textospt
dc.subjectLeitores e produtores de textos - Formaçãopt
dc.subjectTeoria histórico-culturalpt
dc.subjectTrabalho pedagógico - Organizaçãopt
dc.subjectCultural-historical theoryen
dc.subjectFormation reader and text produceren
dc.subjectEducational work organizationen
dc.subjectEnvironment and learning contexten
dc.titleA organização do trabalho pedagógico no contexto das atividades de leitura e escritapt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramEducação - FFCpt
unesp.knowledgeAreaEnsino na educação brasileirapt
unesp.researchAreaAbordagens pedagógicas do ensino de linguagenspt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Filosofia e Ciências, Maríliapt
dc.identifier.aleph000620463
dc.identifier.filesouza_sp_me_mar.pdf
dc.identifier.capes33004110040P5
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record