Show simple item record

dc.contributor.advisorMoreno, Maria Margarita Torres [UNESP]
dc.contributor.authorGodoy, Letícia Hirata [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:26:13Z
dc.date.available2014-06-11T19:26:13Z
dc.date.issued2010-12-17
dc.identifier.citationGODOY, Letícia Hirata. Caracterização geoquímica e cerâmica das argilas do Grupo Itacaré / Formação Aquidauana, na faixa aflorante entre os estados de São Paulo e sul de Minas Gerais. 2010. 94 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Geociências e Ciências Exatas, 2010.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/92888
dc.description.abstractA presente dissertação aborda o estudo de matérias-primas provenientes de três localidades distintas distribuídas entre São Paulo (Mina Tabajara em Limeira e Parque Ouro Fino em Sorocaba) e sul de Minas Gerais (afloramento em Jacuí), pertencentes ao Grupo Itararé/Formação Aquidauana, Permo-Carbonífero da Bacia do Paraná. Com o intuito de aprofundar os conhecimentos sobre matérias-primas cerâmicas, foram determinadas as características químicas, físicas e mineralógicas, ensaios cerâmicos, métodos de controle, petrografia e influência do intemperismo. Os ensaios cerâmicos foram realizados com as matérias-primas de Limeira e de Jacuí. A matéria-prima de Sorocaba foi abordada de outra maneira, não sendo realizados os ensaios cerâmicos devido à quantidade insuficiente de amostra, também não sendo descartada já que litotipos semelhantes podem ocorrer em outros locais. As amostras puras da Mina Tabajara (L1, L2 e L3) não apresentam resultados satisfatórios, porém, os resultados referentes a massa da mistura (LM; 70% de L1, 30% de L2 e 10% de L3), que vem sendo usada nas indústrias da região como massa para correção, pode vir a ser otimizada a nível industrial com o controle adequado da matéria-prima (granulometria e composição principalmente), por exemplo para a produção de peças cerâmicas, em especial rústicas devido a sua coloração avermelhada. Notou-se que uma pequena faixa de variação dentre os materiais da mistura (10% a mais ou a menos) provavelmente não vai causar mudanças significativas na distribuição granulométrica, e por sua vez no empacotamento dos grãos, podendo ser adotada uma tolerância de até 20%. A amostra de Jacuí (J1) é parecida com as da Mina Tabajara quanto à composição química e mineralógica, granulometria e ao grau de intemperismo, e apresenta comportamento semelhante em relação às propriedades cerâmicas...pt
dc.description.abstractThe present thesis is based on the study of raw materials from three different localities distributed between São Paulo (Tabajara Mine – Limeira and Ouro Fino Park – Sorocaba) and southern Minas Gerais (outcrop – Jacuí), all of them belonging to Itararé Group/Aquidauana Formation, Permo-Carboniferous of Paraná Basin. The main objective was to increase knowledge of ceramic raw materials in use or potential, by determining the chemical, physical and mineralogical caractheristics, ceramic tests, control methods, petrography and weathering influence. The ceramic tests were performed with Limeira and Jacuí raw materials. The raw material of Sorocaba was differently approached, ceramic tests weren’t made because it occurs within the boundaries of a park, and it was not discarded since similar rocks can occur in other sites. The pure samples of Tabajara Mine (L1, L2 and L3) don’t show satisfactory results, however, the results regarding to the mixture mass (LM, 70% of L1, 30% of L2 and 10% of L3), which has been used by the industries in the region as correction mass, could be optimized at an industrial level with the proper control of the raw material (grain size and composition mainly), e.g. for the production of rustic ceramics because of its reddish color. It was noted that a small range of variation among the materials of the mixture (10% more or less) probably won’t cause significant changes in particle size distribution, as well as the packaging of grains, and a tolerance of up to 20% may be adopted. The Jacuí (J1) sample is similar to the ones of Tabajara Mine, as to chemical and mineralogical composition, grain size and degree of weathering, presenting similar behavior regarding to the ceramic properties. Factors such as particle size distribution with fine grain predominance, larger cation exchange capacity and specific surface and larger... (Complete abstract click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extent94 f. : il., tabs.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.sourceAleph
dc.subjectCiência dos materiaispt
dc.subjectMinerais de argilapt
dc.subjectRaios X - Difraçãopt
dc.subjectParana, Rio, Baciapt
dc.subjectArgilomineraispt
dc.subjectEnsaios cerâmicospt
dc.subjectPermo-carboníferopt
dc.subjectClay mineralsen
dc.subjectCeramic testsen
dc.subjectX-ray diffractionen
dc.titleCaracterização geoquímica e cerâmica das argilas do Grupo Itacaré / Formação Aquidauana, na faixa aflorante entre os estados de São Paulo e sul de Minas Geraispt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramGeologia Regional - IGCEpt
unesp.knowledgeAreaGeologia regionalpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Rio Claropt
dc.identifier.aleph000639521
dc.identifier.filegodoy_lh_me_rcla.pdf
dc.identifier.capes33004137035P2
dc.identifier.lattes5429929936266082
unesp.author.lattes5429929936266082
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record