Show simple item record

dc.contributor.advisorPinto, Aramis Augusto [UNESP]
dc.contributor.authorSeki, Meire Christina [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:27:58Z
dc.date.available2014-06-11T19:27:58Z
dc.date.issued2008-02-21
dc.identifier.citationSEKI, Meire Christina. Chlamydophila felis em gatos (Felis catus): detecção de antígeno e pesquisa de anticorpos. 2008. xii, 73 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2008.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/95975
dc.description.abstractO presente trabalho, primeiro estudo sobre clamidiose felina no Brasil, teve o objetivo de pesquisar a presença direta e indireta de Chlamydophila (elis em gatos domésticos provenientes de cinco municípios da região nordeste do estado de São Paulo. Adicionalmente, correlacionar os dados de ficha clínica com os resultados positivos obtidos nos três testes laboratoriais utilizados, ou seja, reação em cadeia pela polimerase (PCR), reação de imunotluorescência indireta (RI FI) e reação de fixação do complemento (RFC). O grupo experimental final foi constituído de 151 animais, dos quais 73 eram provenientes de gatis, 18 de clínica/hospitais veterinários e 60 de abrigos públicos para animais. Das 151 amostras de suabes de conjuntiva submetidas à PCR, em 6,0% (9/151) foi encontrado DNA de C. (elis. Anticorpos anti-Chlamydiaceae foram detectados em 72,1% (106/147) das amostras de soros submetidas à RIFI. Em somente 9,4% (10/106) dos soros positivos à RIFI, foram detectados anticorpos fixadores do complemento, revelando que a RFC, embora específica, apresenta baixa sensibilidade quando utilizada na pesquisa de anticorpos anti-Chlamydiaceae em gatos domésticos. Foi também observado que gatos provenientes de gatis, animais com idade maior que um ano e inferior a seis anos, bem como as fêmeas, estão mais predispostos a soroprevalência para C.felis pela RIFI. Entretanto, tais resultados não foram observados nos animais PCR positivo. Ademais, pode-se verificar uma estreita relação entre as presenças de DNA clamidial e de anticorpos anti-Chlamydiaceae em gatos domésticos brasileiros aos dados das fichas clínica relacionados à doença do trato respiratório superior, a secreção ocular e a conjuntivite.pt
dc.description.abstractThis work, first study about feline chlamydiosis in Brazil, had the objective to evaluate the direct and indirect presence to Chlamydophila felis in domestic cats coming trom tive cities of northeast of São Paulo state. Additionally, relate informations of clinical records with positives results get in the three laboratories tests used, whatever, complement fixation test (CFT), immunofluorescende assay (IFI) and Polymerase Chain Reaction (PCR). Experimental group had 151 animais, witch 73 coming from catteries, 18 coming trom veterinary clinicallhospital and 60 coming from public animal shelters. From 151 samples of conjunctival swabs submitled to PCR, in 6% (9/151) were detect DNA of C.felis. Anti-Chlamydophila antibodies were detect in 72,1%(106/147) of samples of serum submitted to IFI. In just 9,4% (10/106) of the positive serums in IFI, had complement fixation antibodies, detected by CFT. The CFT, although specific, presented low sensibility when to use to research of anti-Chlamydiaceae antibodies in domestic cats. In cats from catteries, animais between one and six year, and female were more predispose to a presence of antibodies anti-Chlamydophila by IFI. However, these results were not observed in animais PCR positive. Thus, was observed a relationship between the presence of chlamydial DNA and antibodies anti-Chlamydiaceae in Brazilian domestic cats, added with informations of clinical records, like with upper respiratory tract disease, ocular discharge and conjunctivitis.en
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extentxii, 73 f. : il.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectGato - Doenças - Diagnósticopt
dc.subjectReação em cadeia de polimerasept
dc.subjectClamidiosept
dc.subjectComplexo respiratório felinopt
dc.subjectReação de imunofluorescência indiretapt
dc.subjectReação de fixação de complementopt
dc.subjectChlamydiosisen
dc.subjectUpper respiratory tract diseaseen
dc.subjectImmunofluorescende assayen
dc.subjectcomplement fixation testen
dc.subjectPolymerase chain reactionen
dc.titleChlamydophila felis em gatos (Felis catus): detecção de antígeno e pesquisa de anticorpospt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramMedicina Veterinária - FCAVpt
unesp.knowledgeAreaPatologia animalpt
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Jaboticabalpt
dc.identifier.aleph000560930
dc.identifier.fileseki_mc_me_jabo.pdf
dc.identifier.capes33004102072P9
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record