Show simple item record

dc.contributor.advisorPavarina, Ana Claudia [UNESP]
dc.contributor.authorRibeiro, Daniela Garcia [UNESP]
dc.date.accessioned2014-06-11T19:28:55Z
dc.date.available2014-06-11T19:28:55Z
dc.date.issued2004-12-16
dc.identifier.citationRIBEIRO, Daniela Garcia. Efeito da irradiação por microondas sobre a resistência à flexão e dureza de resinas acrílicas para reembasamento imediato. 2004. 159 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Odontologia de Araraquara, 2004.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11449/97304
dc.description.abstractO uso do microondas tem sido indicado como um método efetivo na desinfecção de resinas acrílicas. Entretanto, há pouca informação sobre o efeito da irradiação do microondas nas propriedades mecânicas desses materiais. Considerando esses aspectos, o objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da irradiação por microondas sobre as propriedades mecânicas de resistência à flexão e dureza de resinas acrílicas. Os corpos-de-prova para a realização dos testes mecânicos foram confeccionados com os seguintes materiais: Kooliner (K), Tokuso Rebase Fast (TR), Ufi Gel Hard C (UGH) e New Truliner (NT), todas resinas indicadas para reembasamento imediato, e Lucitone 550 (L), que é uma resina para base de prótese. Para cada material foram confeccionados 48 corpos-de-prova que foram divididos igualmente em seis grupos. As resinas autopolimerizáveis (K, TR, UGH e NT) foram submetidas à irradiação logo após a confecção, enquanto que os corpos-de-prova da resina termopolimerizável (L) permaneciam 50 l 2 horas em água a 37ºC l 1ºC antes da irradiação. Para o procedimento de irradiação, cada corpo-de-prova foi individualmente imerso em 200 mL de água destilada e submetido a dois ciclos de irradiação pelas microondas, para simular o envio da prótese ao laboratório e o retorno dela ao consultório odontológico. Cada corpo-de-prova foi irradiado a uma potência constante de 650 W, variando-se o tempo de exposição: 1 minuto (T1), 2 minutos (T2), 3 minutos (T3), 4 minutos (T4) ou 5 minutos (T5). O grupo controle (T0) foi submetido aos testes mecânicos sem ser irradiado pelas microondas. Os ensaios de resistência à flexão para todos os corpos-de-prova foram realizados em máquina MTS-810 Material Test System sob velocidade de 5 mm/minuto, utilizando o teste em três pontos a uma distância de 50 mm entre os apoios. Em seguida, um dos fragmentos do...pt
dc.description.abstractMicrowave irradiation was previous suggested as an effective method for the disinfection of acrylic resins. However, little information is available concerning the effect of microwave irradiation on the mechanical properties of acrylic resins. The purpose of this study was to evaluate the effect of two cycles of a microwave disinfection procedure on the flexural strength and Vickers hardness of acrylic resins. Four autopolymerized resins (Kooliner- K, Tokuso Rebase Fast- TR, Ufi Gel Hard- UGH and New Truliner- NT) and one heat-cured resin (Lucitone 550- L) were used for preparing specimens. For each material, 48 specimens were made and equally divided into six groups. The relined specimens were submitted to disinfection procedures after polymerization and the denture base polymer specimens were stored in water for 50 l 2 hours at 37ºC l 1ºC prior to disinfection. The specimens were individually immersed in 200 mL of destilated water and microwaved twice, simulating when dentures come from the patient and before being returned to the patient. Each cycle of microwave disinfection was performed at 650 W for one of the following irradiation times: 1 minute (T1), 2 minutes (T2), 3 minutes (T3), 4 minutes (T4) or 5 minutes (T5). Control group (T0) specimens were subjected to mechanical tests without being disinfected. The flexural strength values of the materials were determined using a testing machine MTS-810 at a crosshead speed of 5 mm/minute using a three-point bending fixture with a span of 50 mm. Thereafter, one fragment of specimen was submitted to Vickers microhardness test. The values were determined by using a 25 gf load, after 30 seconds contact. Twelve hardness measurements were taken on each specimen and the average was then calculated. The flexural and hardness values were submitted to ANOVA and ...(Complete abstract, click electronic access below)en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
dc.format.extent159 f. : il.color.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.sourceAleph
dc.subjectResinas acrilicaspt
dc.subjectAcrylic resinsen
dc.subjectFlexural strengthen
dc.titleEfeito da irradiação por microondas sobre a resistência à flexão e dureza de resinas acrílicas para reembasamento imediatopt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual Paulista (UNESP)
dc.rights.accessRightsAcesso aberto
unesp.graduateProgramReabilitação Oral - FOARpt
unesp.knowledgeAreaPrótesept
unesp.campusUniversidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Odontologia, Araraquarapt
dc.identifier.aleph000289280
dc.identifier.fileribeiro_dg_me_arafo.pdf
dc.identifier.capes33004030082P3
dc.identifier.lattes8867670539105403
unesp.advisor.lattes8867670539105403[1]
unesp.advisor.orcid0000-0002-9231-1994[1]
Localize o texto completo

Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record