Avaliação ergonômica dos controles e mostradores do posto de trabalho do operador de tratores

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2006-01-25

Orientador

Santos, João Eduardo Guarnetti dos
Isa, Mário Morio

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O objetivo deste trabalho foi avaliar o posto de trabalho do operador de trator, utilizando dados antropométricos do perfil do trabalhador brasileiro para a análise dos controles e mostradores que os compõem. Como objeto da pesquisa, foram utilizados os tratores com potência média de 73.550 W. Foi realizado um levantamento do estado da arte em publicações pertinentes ao assunto, englobando o fator histórico do trator, a ergonomia, energia humana, posto de trabalho, antropometria, biomecânica, controles e manejos, dispositivos de informação, cores e contrastes, sistema CAD e as normas utilizadas pelas empresas. Utilizando a metodologia da Análise Ergonômica do Trabalho (AET), foi executada uma avaliação dos controles e mostradores do posto de trabalho dos tratores, considerando-se seus diferenciais ergonômicos; com esta triagem foi possível detectar os pontos positivos e negativos. Em seguida, efetivou-se um estudo estatístico com perguntas aos operadores de tratores, para verificar sua real necessidade confrontando-se as análises estatísticas dos questionários com a avaliação ergonômica. Os resultados desta avaliação demonstram que alguns controles e mostradores dos tratores avaliados possuem erros em relação à ergonomia e aos dados antropométricos da população brasileira, podendo este trabalho ser de grande valia para oferecer conforto ao operador de trator.

Resumo (inglês)

The objective of this work is evaluating the workstation of the tractor operator, using given anthropometrics of the Brazilian worker's profile for the analysis of the controls and displays cases that compose them. As object of the research, the tractors were used with medium potency of 73.550 W. The rising of the state of the art was accomplished in pertinent publications to the subject, including the historical factor of the tractor, the ergonomics, human energy, workstation, anthropometric, biomechanics, controls and handlings, devices of information, colors and contrasts, CAD system and the norms used by the companies. Using the methodology of the Analysis Ergonomic of the Work (AET), it was executed an evaluation of the controls and displays cases of the workstation of the tractors, being considered their differential ergonomic ones; with this selection it was possible to detect the positive and negative points. Soon afterwards, a statistical study was executed with questions to the operators of tractors, to verify his/her real need being confronted the statistical analysis of the questionnaires with the ergonomic evaluation. The results of this evaluation demonstrate that some controls and displays cases of the appraised tractors possess mistakes in relation to the ergonomics and to the data antropométricos of the Brazilian population, being able to this work to be valuable to offer comfort to the tractor operator. Keywords: Ergonomics, work, agricultural tractors and agricultural machines.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

SILVA, André Luis da. Avaliação ergonômica dos controles e mostradores do posto de trabalho do operador de tratores. 2006. xv, 137 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas, 2006.

Itens relacionados