Sistema de cotas para acesso à universidade pública: uma reflexão a partir da autopercepção de alunos de um curso pré-vestibular inclusivo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2019-09-20

Orientador

Rezende, Maria Cristina Rosifini Alves

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Odontologia - FOA

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Trabalho de conclusão de curso

Direito de acesso

Acesso restrito

Resumo

Resumo (português)

Ações afirmativas’ são políticas públicas ou privadas de combate à desigualdade estrutural de grupos mais vulneráveis à discriminação. O termo surgiu nos Estados Unidos, na década de 1960, quando a sociedade cobrava critérios mais justos na reestruturação dos Estados de direito (CÉ- SAR, 2003). Seu público-alvo variou de acordo com as situações e abrangeu, entre outros, minorias étnicas, pessoas portadoras de necessidades especiais e mulheres, e as principais áreas contempladas são o mercado de trabalho, com a contratação, qualificação e promoção de funcionários; o sistema educacional, especialmente o ensino superior; e a representação política. No Brasil, em se tratando de investimentos públicos voltados para ações afirmativas governamentais dirigidas às universidades, busca-se assegurar a inclusão por meio de cotas e de programas de permanência estudantil que têm dentre os principais objetivos proporcionar condições que contribuam para evitar a retenção e a evasão visando à formação de profissionais qualificados para o mercado de trabalho. A maioria dos cursos gratuitos de preparação para o vestibular tem sido direcionada para populações carentes, especificamente para alunos provenientes da rede pública, com a finalidade de facilitar seu acesso ao nível superior. Estes programas, apesar de possuírem estruturas funcionais distintas, têm em comum o fato de não cobrarem mensalidade ou material didático. Além disso, realizam periodicamente atividades complementares, como simulados e revisões. São iniciativas válidas, que, embora não resolvam o problema, certamente ajudam a diminuir as desigualdades, fato demonstrado pelo crescente número de inscrições.O propósito do presente trabalho foi avaliar a percepção dos alunos do Cursinho Pré-Vestibular da FOA/UNESP sobre o acesso à universidade pública pelo sistema de cotas.

Resumo (inglês)

Affirmative actions' are public or private policies to combat the structural inequality of groups most vulnerable to discrimination. The term arose in the United States in the 1960s when society charged fairer criteria in the restructuring of the rule of law (Cesar-2003). Its target audience varied according to situations and included, among others, ethnic minorities, people with special needs and women, and the main areas covered are the labor market, with the hiring, qualification and promotion of employees; the educational system, especially higher education; and political representation. In Brazil, in the case of public investments aimed at affirmative government actions directed at universities, it is sought to ensure inclusion through quotas and student stay programs that have among the main objectives to provide conditions that contribute to avoid retention and evasion aimed at training qualified professionals for the labor market. Most free college preparatory courses have been targeted at needy populations, specifically for students coming from the public network, in order to facilitate their access to the college level. These programs, although they have distinct functional structures, have in common the fact that they do not charge monthly tuition or didactic material. In addition, they periodically carry out complementary activities, such as simulations and reviews. These are valid initiatives that, although they do not solve the problem, certainly help to reduce inequalities, a fact evidenced by the increasing number of enrollments. The purpose of this study was to evaluate the students' perception of the Pre-Vestibular Course at FOA/UNESP about access to the public university through the quota system.

Descrição

Idioma

Português

Como citar