Ocorrência de espécies do gênero Digitaria em canaviais do centro oeste paulista e susceptibilidade de alguns acessos à herbicidas

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-08-05

Orientador

Pitelli, Robinson Antonio

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Produção Vegetal) - FCAV

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O capim-colchão possui ampla colonização e distribuição geográfica, apresentando crescimento vigoroso mesmo em condições de estiagem e sua eficácia de controle não tem sido consistente, especialmente com herbicidas inibidores do Fotossistema II. As razões desta falta de consistência de controle são muitas, no entanto a existência de diferentes espécies pode ser considerada uma das principais. Tendo por base os relatos acima, o presente trabalho teve por objetivo identificar as diferentes espécies do complexo Digitaria spp e avaliar as respostas a ação de diferentes herbicidas inibidores de fotossíntese e associação com inibidores de carotenóides em estudos de curvas de dose resposta. Os herbicidas foram aplicados em pré-emergência com quatro repetições avaliando o controle até 60 DAA. Nos resultados obtidos, pode-se observar que existe diversidade de espécies dentro do gênero Digitaria em áreas cultivadas com cana-de-açúcar. Apenas nestes estudos foram identificadas D. horizontalis, D. nuda e D. ciliaris, as quais mostraram diferença na susceptibilidade aos herbicidas testados. Também foram verificadas diferenças entre os acessos dentro das espécies D. horizontalis e D. nuda. O fato de todas as plantas serem designadas com o nome popular de capim-colchão, estudos de controle, muitas vezes, podem mudar em função da espécie, gerando divergências na eficácias biológicas dos herbicidas sobre este complexo de espécies, pois não são incomuns em que as duas ou mais ocorram na mesma área

Resumo (inglês)

The crabgrass has extensive colonization and geographical distribution, with strong growth even in drought conditions and the control performance has not been consistent, especially with Photosystem II inhibiting herbicides. The reasons for this lack of control consistenc are many, but the existence of different species can be considered a major. Based on the above reports, this aimed study to identify the different species of the Digitaria spp complex and evaluate responses to the action of several photosystem – II inhibiting herbicides in studies of dose-response curves. This study was conducted evaluating the performance of six bouts of crabgrass in the sugarcane in São Paulo State to herbicides: ametryn, diuron; ametryn + clomazone, diuron + hexazinone, diuron + hexazinone + mesotrione; hexazinone; metribuzim and tebuthiuron. Herbicides were applied in pre-emergence with four replications evaluating the control until 60 DAA. The results obtained, it can be seen that there really is diversity of species within the genus Digitaria in areas cultivated with sugarcane. Only in these studies were identified D. horizontalis, D. nuda and D. ciliares, which showed differences in susceptibility to herbicides. There were also significant differences among accessions within species D. horizontalis and D. nuda. The fact that all plants are designed with the popular name of crabgrass, the results of studies of chemical control, can often change depending on the species, leading to differences in biological effectiveness of herbicides on this species complex, as there are unusual in that two or more of them occur in the same area

Descrição

Idioma

Português

Como citar

LUCIO, Felipe Ridolfo. Ocorrência de espécies do gênero Digitaria em canaviais do centro oeste paulista e susceptibilidade de alguns acessos à herbicidas. 2011. x, 88 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2011.

Itens relacionados