Frequency of Toxoplasma gondii antibodies in tufted capuchin monkeys (Cebus apella nigritus) from an ecological station in the State of São Paulo, Brazil

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2013-02-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

A toxoplasmose é uma das zoonoses mais difundidas no mundo, causada pelo Toxoplasma gondii, um protozoário parasita intracelular obrigatório. Uma alta porcentagem de animais apresenta anticorpos específicos causados por exposição prévia, levando a uma infecção crônica. Os felídeos são os hospedeiros definitivos e outros animais homeotérmicos, incluindo os primatas, são os hospedeiros intermediários. Este estudo objetivou determinar a prevalência da infecção por T. gondii em macacos-prego (Cebus apella nigritus) de vida livre da Estação Ecológica localizada na Mata de Santa Teresa, Ribeirão Preto, SP, Brasil. Anticorpos anti-T. gondii foram pesquisados pelo método de aglutinação direta modificada (MAT) em amostras de soro de 36 macacos-prego, utilizando-se o título oito como de corte. Dos animais estudados, 3/36 (8,33%; IC95% 3,0-21,9%) apresentaram anticorpos anti-T. gondii, todos com título 32. Nenhuma diferença significativa (P>0,05) foi observada com relação ao sexo (1/3 machos e 2/3 fêmeas), e à idade (1/3 jovens e 2/3 adultos). Assim, estes resultados demonstram alta prevalência de anticorpos anti-T. gondii em primatas no estado de São Paulo.

Resumo (inglês)

Toxoplasmosis is a worldwide zoonosis caused by Toxoplasma gondii, an obligate intracellular parasite protozoan. A large percentage of animals presents specific antibodies caused by a previous exposition, resulting in a chronic infection. Felides are the definitive hosts and the other warm-blooded animals, including primates, are the intermediate hosts. This study was aimed to determine the prevalence of T. gondii infection in free-living tufted capuchin monkeys (Cebus apella nigritus) from an ecological station located on Mata de Santa Teresa, Ribeirão Preto, SP, Brazil. T. gondii antibodies were analyzed by modified agglutination test (MAT) in serum samples of 36 tufted capuchin monkeys, considering eight as cut-off titer. From the studied animals, 3/36 (8.33%; CI95% 3.0-21.9%) presented T. gondii antibodies, all with titer 32. No significative difference was observed relating to the sex (1/3 male and 2/3 female), and to the age (1/3 young and 2/3 adult) (P>0.05). Thus, these results demonstrate the presence of T. gondii antibodies in primates from São Paulo state.

Descrição

Idioma

Inglês

Como citar

Pesquisa Veterinária Brasileira. Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA, v. 33, n. 2, p. 251-253, 2013.

Itens relacionados

Financiadores