Staphylococcus spp. in the oral cavity and periodontal pockets of chronic periodontitis patients

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2004-06-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira de Microbiologia

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Staphylococcus spp. não são usualmente isolados a partir da cavidade bucal. Quando presentes, são considerados pertencentes à microbiota transitória. Indivíduos que apresentam doença periodontal representam possíveis reservatórios dessas bactérias oportunistas na cavidade bucal. O uso de antibióticos para o tratamento da doença periodontal ou outras infecções pode predispor o aumento do número de Staphylococcus spp. na boca, pois estes adquirem facilmente resistência aos antibióticos, podendo resultar em superinfecção. O objetivo deste estudo foi verificar a presença de Staphylococcus spp. na cavidade bucal e nas bolsas periodontais de pacientes com periodontite crônica; identificar as cepas isoladas; verificar a relação entre a presença de Staphylococcus spp. na cavidade bucal e presença de bolsa periodontal. Participaram deste estudo 88 pacientes, entre 25 e 60 anos de idade e apresentando periodontite crônica, com pelo menos dois sítios com profundidade de sondagem maior ou igual a 5mm. Após anamnese e exame clínico periodontal foram feitas coletas de material da bolsa periodontal com cones de papel e da cavidade bucal por meio de bochechos. do total de pacientes 37,50% apresentaram Staphylococcus spp. na bolsa periodontal e 61,36% na cavidade bucal, sendo que 27,27% apresentaram a bactéria nos 2 sítios. S. epidermidis foi a espécie mais prevalente para bolsa periodontal (15,9%) e cavidade bucal (27,27%). Não houve diferença estatística significante quanto à presença desses microrganismos entre as faixas etárias e aumento da profundidade de sondagem. A presença de bactérias oportunistas na cavidade bucal pode representar dificuldades para a manutenção do tratamento periodontal.

Resumo (inglês)

Staphylococcus spp are not usually isolated from the oral cavity, and when this occurs, they are considered to belong to the transitory microbiota. Individuals with periodontal disease represent possible reservoirs of these opportunistic bacteria in the oral cavity. The use of antibiotics for treatment of periodontal disease or other infections may predispose to the increase of the number of Staphylococcus spp. in the oral cavity. These microorganisms easily become resistant to antibiotics, and may result in superinfection. The purpose of this study was to evaluate the presence of Staphylococcus spp. in the oral cavity and in periodontal pockets of patients with chronic periodontitis, identify the isolates and verify the relationship between the presence of Staphylococcus spp. in the oral cavity and presence of periodontal pockets. The study included eighty-eight patients, 25-60 years of age, with chronic periodontitis, and at least two sites with probing depth > 5 mm. Individual data examination was assessed. Then, samples were colleted from the periodontal pocket with the aid of paper tips and from the oral cavity through mouth rinses. Out of the total of patients, 37.50% presented Staphylococcus spp. in the periodontal pocket and 61.36% in the oral cavity, 27.27% presented the bacteria in both sites. S. epidermidis was the most prevalent specie in the periodontal pocket (15.9%) and oral cavity (27.27%). The occurrence of higher proportions of nonresident's microorganisms in subgingival samples and oral sites may represent significant problem in causing and maintaining periodontal infections.

Descrição

Idioma

Inglês

Como citar

Brazilian Journal of Microbiology. Sociedade Brasileira de Microbiologia, v. 35, n. 1-2, p. 64-68, 2004.

Itens relacionados

Financiadores