Principais técnicas utilizadas em procedimentos cirúrgicos de tecidos moles em ferrets (Mustela putorius furo)

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2022-01-18

Orientador

Rahal, Sheila Canevese

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Medicina Veterinária - FMVZ

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Trabalho de conclusão de curso

Direito de acesso

Acesso restrito

Resumo

Resumo (inglês)

Ferrets - or domestic ferrets - are small carnivorous mammals of the Mustelidae family, originated from Europe and whose importation has been gradually increased in Brazil. Due to the search for these animals as pets, clinical-surgical knowledge about the species must be increased, aiming at a better prognosis in the disease treatment. Therefore, this review aimed to describe the main techniques used in soft tissue surgical procedures in ferrets. The surgeries for excision of skin tumors were addressed in the integumentary system and enucleation in the visual system. Enucleation was described for the eye and the exploratory celiotomy for the abdomen. In the digestive system, surgeries to remove foreign bodies and trichobezoar, as well as anal sacs were included. In the endocrine system, surgeries of the adrenal gland and pancreas were addressed. In the reproductive system, ovariosalpingohysterectomy, ovariectomy, and orchiectomy were described. In conclusion, ferrets have a wide range of diseases that may be treated by surgical procedures. Since the species has physiological and anatomical characteristics not commonly observed in small domestic mammals, the understanding of appropriate techniques for the ferret is necessary for a safe and effective approach.

Resumo (espanhol)

Los ferrets - o hurones domésticos - son pequeños mamíferos carnívoros de la familia Mustelidae, originarios de Europa y cuya importación a Brasil ha ido aumentando gradualmente. Con el crecimiento de la búsqueda de estos animales como "mascotas", es fundamental ampliar el conocimiento clínico-quirúrgico sobre la especie, visando un mejor pronóstico en el tratamiento de enfermedades. En este sentido, la presente revisión tuvo como objetivo describir las principales técnicas utilizadas en los procedimientos quirúrgicos de tejidos blandos en ferrets. En el sistema tegumentario, se abordaron las cirugías para la escisión de tumores de piel. En el ojo se describió enucleación y en el abdomen celiotomía exploradora. En el aparato digestivo se incluyeron cirugías para el tratamiento de cuerpos extraños y tricobezoar, y para la escisión de los sacos anales. En el sistema endocrino, se abordaron cirugías de glándula suprarrenal y páncreas; y en el aparato reproductor se han descrito la ovariosalpingohisterectomía, la ovariectomía y la orquiectomía. Se pudo concluir que los ferrets pueden desarrollar una gran variedad de enfermedades, muchas de las cuales requieren tratamiento quirúrgico. Como la especie tiene características fisiológicas y anatómicas que no se observan comúnmente en los pequeños mamíferos domésticos, es necesario conocer las técnicas apropiadas para el ferret para obtener un enfoque seguro y eficaz.

Resumo (português)

Os ferrets - ou furões domésticos - são pequenos mamíferos carnívoros da família Mustelidae, originários da Europa e cuja importação no Brasil vem acentuando-se gradativamente. Com o crescimento da busca por estes animais como “pets” é essencial que se amplie o conhecimento clínico-cirúrgico sobre a espécie, visando um melhor prognóstico no tratamento das afecções. Neste sentido, a presente revisão teve como intuito descrever as principais técnicas utilizadas em procedimentos cirúrgicos de tecidos moles em ferrets. No sistema tegumentar foram abordadas as cirurgias para excisão de tumores de peles. Relativo ao olho foi descrito a enucleação e para o abdômen a celiotomia exploratória. No sistema digestório foram incluídas as cirurgias para tratamento de corpos estranhos e tricobezoares, e de excisão dos sacos anais. No sistema endócrino abordaram-se as cirurgias da glândula adrenal e pâncreas; e no sistema reprodutor foram descritas a ovariossalpingohisterectomia, ovariectomia e orquiectomia. Foi possível concluir que os ferrets podem desenvolver uma ampla variedade de doenças, sendo muitas delas de tratamento cirúrgico. Como a espécie possui características fisiológicas e anatômicas não comumente observadas em pequenos mamíferos domésticos, faz-se necessário o conhecimento de técnicas adequadas para o ferret para se obter uma abordagem segura e eficaz.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Itens relacionados