Avaliação dos atributos físicos de um argissolo cultivado com cana-de-açúcar em área com adequação de relevo, utilizando equipamento de preparo profundo e canteirizado do solo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2014-03-07

Orientador

Lanças, Kleber Pereira
Silva, Reginaldo Barbosa da

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (inglês)

Unlike traditional techniques of soil management, the quest for soil preparation to be able to maintain the productivity of fields and, consequently, its competitiveness in the market, not affecting the environment, has driven new technologies to rural areas. With Deep Bed tillage, the plants root system increases due to a better aeration and lower soil penetration resistance, making easier the water and nutrients absorption, providing further development and productivity. This study aimed to evaluate the behavior of soil physical properties in two sugar cane planting areas, one of them being managed with Deep Bed tillage equipment and the other one being managed with conventional tillage methods. The experiment was conducted in Lençóis Paulista, São Paulo at PHD Company belonging to Zilor group. The analyzed variables were soil penetration resistance and relative density. For managements it was valued the amount of organic matter, and for the culture, it was valued tillering, stalk diameter, height of sugar cane and its Productivity. The soil cone Index (SCI) presented lower values in the Deep Bed Tillage without traffic (PPC without traffic) for all layers in comparison to Deep Tillage with traffic (PPC with traffic) and Conventional Tillage (PC). For both soil tillage treatments, the Soil Relative Density (DRS) was fit to layer 0 to 0.15 m, but in layers 0.15 to 0.30m and 0.30 to 0.45 m it was considered detrimental to the culture development. The soil erosion index was considered of high risk for Paleudult - Yellow soil. The values of soil organic matter in the first year of sugar cane harvesting showed no significant difference between treatments. The tillering was higher for Deep Bed Tillage (PPC) when compared to conventional tillage (PC) at the 120th day after sugar cane planting and after the first harvesting, and the plant height only showed higher values for the PPC at 390th day after ...

Resumo (português)

Diferente das tradicionais técnicas de manejo do solo, a busca por um preparo de solo que seja capaz de manter a produtividade dos canaviais e, consequentemente, sua competitividade no mercado, sem que isso afete o ambiente, tem impulsionado novas tecnologias no meio rural. Com o preparo profundo do solo, o sistema radicular das plantas aumenta devido à melhor aeração e menor resistência à penetração, facilitando a busca por água e nutrientes, ajudando no seu desenvolvimento e, por fim, propiciando maior produtividade. Este trabalho teve como objetivo avaliar o comportamento dos atributos físicos do solo em duas áreas de cultivo de cana-de-açúcar sendo uma delas manejada com equipamento de preparo profundo canteirizado e a outra pelos métodos de preparo convencional. O experimento foi realizado em Lençóis Paulista, São Paulo na empresa PHD pertencente ao grupo Zilor. As variáveis analisadas do solo foram a resistência à penetração e a densidade relativa. Para os manejos avaliou-se a quantidade de matéria orgânica e, em relação à cultura, foi avaliado o perfilhamento, o diâmetro de colmo, a altura da cana-de-açúcar e a sua produtividade. O Índice de Cone do Solo (ICS) apresentou valores menores no Preparo Profundo Canteirizado sem tráfego (PPC sem tráfego) para todas as camadas em comparação ao Preparo Profundo Canteirizado com tráfego (PPC com tráfego) e ao Preparo Convencional (PC). Para ambos os tratamentos de preparo do solo, a Densidade Relativa do Solo (DRS) apresentou valores aceitáveis para a camada de 0 a 0,15 m, nas camadas de 0,15 a 0,30 e 0,30 a 0,45 m foi considerada prejudicial ao desenvolvimento da cultura. O fator erodibildiade do solo foi considerado de alto risco para o solo Argissolo Vermelho-Amarelo. A matéria orgânica do solo no primeiro ano de corte da cana-de-açúcar não apresentou valores com diferença significativa entre os tratamentos ...

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MARASCA, Indiamara. Avaliação dos atributos físicos de um argissolo cultivado com cana-de-açúcar em área com adequação de relevo, utilizando equipamento de preparo profundo e canteirizado do solo. 2014. x, 76 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita FilhoFaculdade de Ciências Agronômicas, 2014.

Itens relacionados

Financiadores