Análise multicriterial e geotecnologia aplicadas na recomposição florestal da bacia hidrográfica do rio Araquazinho, São Manuel (SP) visando a sustentabilidade dos recursos naturais

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2019-06-28

Orientador

Campos, Sérgio

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

O planejamento ambiental é um processo que tem sido considerado por muitos pesquisadores, em diversos trabalhos, seja acadêmico ou por empresas, pelo fato da degradação causar prejuízos ao ecossistema. O projeto apresentado teve como objetivo o estudo da bacia hidrográfica do rio Araquazinho, no município de São Manuel (SP), visando o diagnóstico da área quanto à ocupação do território e, por consequência, os processos de degradação que nele ocorrerem, por meio da definição de áreas prioritárias à recomposição florestal. Como metodologia, utilizou-se a Avaliação Multicriterial, em ambiente SIG, por meio dos métodos da Combinação Linear Ponderada (CLP). Com base nos resultados obtidos, pode-se concluir que a bacia hidrográfica do rio Araquazinho necessita de cuidados, pois apresenta níveis altos para a recomposição florestal, pelo fato de aproximadamente 87,08% (5832,85ha) da área do total da bacia hidrográfica, além de apresentar apenas 10,77% de área total destinada para a preservação, valor menor do que os 20% proposto pela legislação ambiental vigente. A técnica CLP se mostrou uma eficiente ferramenta para o tomador de decisão, por gerar informações direcionadas ao considerar diversos fatores que impactam o ambiente, resultando em uma informação direcionada das áreas prioritárias para recomposição florestal. A bacia apresenta-se ocupada em grande parte para fins agrícolas, com 87,37% (5852,02ha) da área total ocupada pelo cultivo de cana-de-açúcar, mostrando o potencial agrícola da bacia, com solos bons e boa declividade, fato este comprovado pelo estudo da capacidade de uso do solo, que apresenta 91,84% (6151,53ha) da bacia com classe II, que são terras próprias para fins agrícolas, porém podendo apresentar problemas de erosão. Os resultados foram divulgados para o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Sindicato Rural dos produtores rurais de São Manuel com o intuito de conscientizar e informar as áreas prioritárias, visando informar a respeito da importância ambiental, além de fornecer subsídios e caracterizar áreas mais propícias para o desenvolvimento racional das atividades econômicas e áreas que devem ser reflorestadas, permitindo a utilização dos resultados para o desenvolvimento da região.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Itens relacionados