Índice de avaliação de desempenho ambiental, do processo produtivo de papel e celulose

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2020-11-09

Orientador

Rebelato, Marcelo Girotto
Saran, Luciana Maria

Coorientador

Pós-graduação

Administração - FCAV

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Objetivos: O objetivo desta pesquisa é propor um índice para avaliar o desempenho ambiental e testá-lo em uma unidade de produção de papel e celulose. Os objetivos específicos para a pesquisa foram: conhecer os resíduos/subprodutos e seus respectivos volumes na fabricação de papel e celulose; criar os constructos e dimensões do índice; desenvolver o mecanismo do índice de desempenho ambiental para indústria de papel e celulose; testar e aplicar o índice. Metodologia / Procedimentos de Pesquisa: Para tanto foi desenvolvido uma estrutura metodológica com mapeamento do processo de produção da indústria de aplicação do índice, identificando os resíduos/subprodutos com os seus respectivos volumes e composição química, após esta etapa foi feito a caracterização dos impactos conforme método ReCiPe seguido do cálculo do potencial impacto em cada resíduo/subproduto, de posse dos resultados foi feito a normalização e realizado a ponderação relativa entre os potenciais de impacto obtidos através do IAHP, (Análise Hierárquica de Processos Melhorada), e seguiu-se com o desenvolvimento do Irda – Índice Referente ao Desempenho Ambiental, com suas dimensões e constructos depois o índice foi testado em uma indústria de produção de papel e celulose, e para finalizar a discussão dos resultados. Resultados e Discussões: Como resultado da aplicação do índice apresentaram-se as emissões atmosféricas (35,028%) e as cinzas (24,704) com maior capacidade de causar impacto, já o lodo secundário (17,382%), a lama de cal (10,591%), e lodo primário (8,41%) também representaram-se com percentual elevado para o índice, o lixo eletrônico (0,152%), grits (0,614%), os dregs (1,65%), e as cascas de eucaliptos (1,338%) apresentaram-se com resultados medianos para o índice, as bombona vazias (0,024%), a sucata metálica (0,019%), os tubetes (0,018%), o papel e celulose (0,017%), a borracha (0,007%), o óleo usado (0,003%), os paletes danificados (0,00005%), e as lâmpadas (0,00004%), apresentaram-se com baixo potencial de impacto, já os resíduos que zeraram para o índice foram o plástico, a graxa, as pilhas e baterias, o vidro, e a sucata de feltro. Implicações Gerenciais: As implicações desta pesquisa tendem a ser positivas para o setor de papel e celulose, apontando e dando a dimensão especifica do que deve ser melhorado através de um indicador único. Conclusões e Limitações da Pesquisa: O índice de 70,7% que foi obtido com a pesquisa se apresentou como favorável para avaliar o desempenho ambiental da indústria de papel e celulose, contribuindo e se mostrando importante para as melhorias aplicáveis em situações complexas e que demanda muitas interações favorecendo e aprofundando a gestão ambiental. Conclui-se que o índice Irda desenvolvido, cumpriu a tarefa de determinar o potencial de impacto ambiental e realizar uma avaliação do desempenho ambiental do processo de produção da indústria de papel e celulose. As limitações desta pesquisa se deu em função de limitar a pesquisa ao setor de produção e preterir o setor de plantio. Originalidade: A originalidade do trabalho está no desenvolvimento do índice IRDA índice referente ao desempenho ambiental para avaliar o desempenho ambiental tomando como base o potencial de impacto ambiental relativo, a quantidade relativa dos resíduos e subprodutos gerados no processo produtivo de papel e celulose, outro fator é quanto a cobertura geográfica relativa seguia da avaliação categórica da adequabilidade final de cada resíduo e subproduto empregadas pela empresa dentro do seu plano de gestão.

Resumo (inglês)

Objectives: The objective of this research is to propose an index to assess environmental performance and test it in a pulp and paper production unit. The specific objectives for the research were: to know the waste / by-products and their respective volumes in the manufacture of paper and cellulose; create the index constructs and dimensions; develop the mechanism of the environmental performance index for the pulp and paper industry; test and apply the index. Methodology / Research Procedures: For this purpose, a methodological structure was developed with mapping of the production process of the industry of application of the index, identifying the residues / by-products with their respective volumes and chemical composition, after this stage, the characterization of the impacts was made according to ReCiPe method followed by the calculation of the potential impact on each waste / by-product, in possession of the results, normalization was carried out and the relative weighting of the impact potentials obtained through the IAHP was carried out (Improved Hierarchical Process Analysis), and followed with the development of Irda - Environmental Performance Index, with its dimensions and constructs, after which the index was tested in a pulp and paper industry, and to finalize the discussion of the results. Results and Discussions: As a result of the application of the index, atmospheric emissions (35.028%) and ash (24.704) were shown to have a greater capacity to cause an impact, while secondary sludge (17.382%), lime sludge (10.591%) , and primary sludge (8.41%) also represented a high percentage for the index, electronic waste (0.152%), grits (0.614%), dregs (1.65%), and eucalyptus bark ( 1,338%) presented average results for the index, empty bombons (0.024%), metal scrap (0.019%), tubes (0.018%), paper and cellulose (0.017%), rubber (0.007% ), used oil (0.003%), damaged pallets (0.00005%), and light bulbs (0.00004%), presented low impact potential, whereas the waste that zeroed for the index was plastic , grease, batteries, glass, and felt scrap. Managerial Implications: The implications of this research tend to be positive for the paper and cellulose sector, pointed out and giving the specific dimension of what should be improved through a single indicator. Conclusions and Limitations of the Research: The 70.7% index that was obtained with the survey was shown to be favorable to assess the environmental performance of the pulp and paper industry, contributing and proving to be important for the improvements applicable in complex and demanding situations many interactions favoring and deepening environmental management. It is concluded that the developed Irda index fulfilled the task of determining the potential for environmental impact and carrying out an assessment of the environmental performance of the production process of the paper and cellulose industry. The limitations of this research were due to limiting the research to the production sector and neglecting the planting sector. Originality: The originality of the work is in the development of the IRDA index index related to environmental performance to assess environmental performance based on the potential for relative environmental impact, the relative quantity of waste and by-products generated in the paper and cellulose production process, another factor it is how much the relative geographic coverage followed from the categorical assessment of the final suitability of each residue and by-product employed by the company within its management plan.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Itens relacionados

Financiadores