Avaliação dos desempenhos operacional e energético e da ergonomia de colhedoras de soja (Glycine max (L.) Merril) no sistema de plantio direto

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2008-01-28

Orientador

Lanças, Kleber Pereira

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

A colheita é uma das atividades mais importantes na agricultura devido ao seu alto valor agregado, compreendendo operações custosas do processo produtivo, devido a alta demanda energética. Sua boa execução contribui para o retorno dos investimentos realizados em todo o ciclo produtivo de uma cultura. Informações dos desempenhos operacional, energético e ergonômico são de grande importância no gerenciamento de sistemas mecanizados agrícolas, auxiliando nas decisões a serem tomadas, visando a racionalização operacional. O objetivo do presente estudo consistiu na avaliação de três colhedoras de soja, sendo a primeira com plataforma de 7,62 m, motor de 176,4 kW e tanque graneleiro de 7.200 L, a segunda com plataforma de 7,01 m, motor de 161,7 kW e tanque graneleiro de 6.700 L e a terceira com plataforma de 6,71 m, motor de 165,4 kW e tanque granaleiro de 6.000 L com seus respectivos mecanismos atuadores, para identificar os sistemas mais eficientes quanto à racionalização da demanda energética, ergonomia e desempenho operacional relativos a perdas quantitativas e qualitativas de soja, em área de plantio direto na palha. O experimento foi realizado no campo de produção da fazenda Igreja Velha, Município de Tibagi/PR e as análises laboratoriais no Núcleo de Ensaio de Máquinas e Pneus Agroflorestais (NEMPA) da FCA-UNESP, Campus de Botucatu/SP e no laboratório de Análise de Sementes do Departamento de Fitotecnia da FEIS-UNESP, Campus de Ilha Solteira/SP. A avaliação do consumo energético foi realizada através da utilização de um fluxômetro, em condições normais de operação da colhedora, e para o desempenho operacional foram obtidos todos os tempos de operação das máquinas. Para a análise das perdas de grãos foram determinadas as perdas de pré-colheita; na plataforma; na trilha, separação e limpeza; e as totais...

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MAZETTO, Flávio Rielli. Avaliação dos desempenhos operacional e energético e da ergonomia de colhedoras de soja (Glycine max (L.) Merril) no sistema de plantio direto. 2008. xiii, 104 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2008.

Itens relacionados

Financiadores