Produção de tomate em função da “vibração” das plantas

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2008-05-30

Orientador

Cardoso, Antonio Ismael Inácio

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Horticultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O experimento foi instalado e conduzido na Fazenda Experimental São Manuel, pertencente à Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP, Campus de Botucatu, de 19 de setembro de 2006 a 14 de fevereiro de 2007. O presente trabalho objetivou avaliar a produção de frutos de tomate com a “vibração” das plantas em ambiente protegido. Foram avaliados cinco híbridos (AF-8651, Débora Pto, Jennifer, Miramar e Platinum) e dois tratamentos de “vibração” (1 – com “vibração” das plantas; 2 – sem “vibração” das plantas). As colheitas foram realizadas separadamente por racemo, do primeiro ao quinto racemo. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso com parcelas subdivididas com quatro repetições, as parcelas foram constituídas pela “vibração” ou não “vibração” das plantas e as subparcelas pelos híbridos, totalizando duas parcelas e dez subparcelas. Para as características de pegamento de frutos, diâmetro e comprimento dos frutos, massa média de frutos total, massa média de frutos comerciais, número total de frutos por planta, número de frutos comerciais por planta, massa total de frutos por planta, massa de frutos comerciais por planta, número e massa de sementes por fruto realizou-se análise em parcelas subdivididas. Para as características onde os racemos foram comparados, pegamento de frutos, diâmetro e comprimento dos frutos, massa média de frutos total, massa média de frutos comerciais, número total de frutos por planta, número de frutos comerciais por planta, massa total de frutos por planta, massa de frutos comerciais por planta, realizou-se análise em parcelas subsubdivididas, onde os racemos, do primeiro ao quinto, foram as subsubparcelas. Foi realizado teste de Tukey a 5% de probabilidade para comparar as médias. O manejo de “vibração” das plantas de tomateiro mostrou-se vantajoso sob cultivo em ambiente...

Resumo (inglês)

The experiment was installed and carried out from September/ 2006 to February/ 2007 at São Manuel Experimental Farm UNESP/ FCA, in São Manuel, São Paulo State, Brazil. The present research aimed to evaluate tomato fruit yield under protected environment with plant “vibration”. Five hybrids (AF-8651, Débora Pto, Jennifer, Miramar and Platinum) and two “vibration” treatments (1 – with plant “vibration”; 2 – without plant “vibration”) were evaluated. The harvests had been carried through separately by raceme, from the first to fifth raceme. Randomized blocks design was used with four repetition and each plot was constituted by five plants, with three useful plants per plot. For the characteristics of fruit setting, diameter and length of the fruits, fruit average weight, commercial fruit average weight, total number of fruits per plant, number of commercial fruits per plant, total weight per plant, commercial weight per plant, number and weight of seeds per fruit, variance analyses were performed considering split-plot array. For the characteristics where the racemes were compared, fruit setting, diameter and length of the fruits, fruit average weight, commercial fruit average weight, total number of fruits per plant, number of commercial fruits per plant, total weight per plant, commercial weight per plant, variance analyses were performed considering spli-split-plot. Tukey test was carried at 5% of probability to compare the averages. “Vibration” of plants revealed advantageous under protected environment, with increase of almost all the characteristics...(Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

HIGUTI, Andréa Reiko Oliveira. Produção de tomate em função da “vibração” das plantas. 2008. xiv, 67 f. Tese (doutorado) - Unviversidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2008.

Itens relacionados