Estádios de colheita e repouso pós-colheita dos frutos na qualidade de sementes de mamoneira

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-01-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES)

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito dos estádios de colheita e do repouso pós-colheita dos frutos na qualidade de sementes de mamoneira (Ricinus communis L.) cultivar AL Guarany 2002. Foram avaliadas 9 épocas de colheita dos racemos, dos 30 até 142 dias após a antese (DAA), em intervalos de 14 dias e quatro condições de repouso: sem e com repouso de sete dias de sementes extraídas (nuas), de frutos e de frutos presos ao racemo. Foram avaliados a cor de frutos e de sementes; o teor de água, a massa seca, as porcentagens de germinação e de vigor das sementes (primeira contagem de germinação, índice de velocidade de emergência e condutividade elétrica). Sementes com máxima qualidade fisiológica e massa seca foram obtidas de frutos colhidos aos 86 DAA. A colheita pode ser realizada até os 128 DAA sem redução da germinação, mas com prejuízos devido à queda dos frutos, dispersão das sementes aos 100 dias e reduções do vigor. O repouso permitiu a antecipação da colheita para 72 DAA sem prejuízos à germinação e massa seca, mas com reduções de vigor. A cor dos frutos, das sementes e o teor de água das sementes são parâmetros eficientes para a identificação do ponto de colheita, principalmente se usados conjuntamente.

Resumo (inglês)

This study aimed to assess the effect of the fruit harvesting stage process and the post-harvest resting period in the quality of castor bean seeds (Ricinus communis L.) AL Guarany 2002. Nine assessments were made on racemes, from 30 to the 142 days after anthesis (DAA), at 14-day intervals and four resting period conditions: without and with a 7-day resting period of seeds extracted (bare) of fruits and fruits attached to the raceme. The fruit colour and seed were then assessed: the water content, dry matter, seed germination percentage and vigour (germination first count, speed emergence index and electric conductivity). Seeds with maximum physiological quality and dry matter were obtained from fruit harvested at 86 DAA. The harvest can be carried out up to 128 DAA without reducing germination, but with losses due to falling fruit, seed dispersal to 100 days and reductions in vigour. The rest period allowed the harvest to be brought forward to 72 DAA without detriment to the germination percentage and dry matter, but with reductions in vigor. The colour of the fruits, seeds, and seed water content were effective parameters for the identification of the harvest point, particularly if used together.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Sementes. Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes, v. 31, n. 1, p. 50-59, 2009.

Itens relacionados

Financiadores