Composição corporal e exigências nutricionais de novilhos de três grupos genéticos em pastejo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2005-02-25

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

Este trabalho teve por objetivo avaliar a composição química e física do corpo e exigências nutricionais de novilhos u Nelore x u Red Angus (NRA), mestiço leiteiro (ML) e Nelore (NEL). Foram utilizados 24 animais de cada grupo genético, com peso corporal (PC) de 350, 263 e 293 kg, nos animais NRA, ML e NEL, respectivamente, mantidos em pastagem de Brachiaria brizantha, cultivar Marandú e suplementados. As quantidades de suplemento foram 0,2; 0,6; e 1,0% do PC no período das águas e 0,4; 0,8 e 1,2% PC no período das secas. A composição química DOS animais foi estimada por equações selecionadas na literatura. No período das águas, a composição média foi de 59% de água, 17% de proteína (PB) e 17% de extrato etéreo (EE). No período das secas, os NEL apresentaram mais EE (23%) e menos PB (17%) do que os NRA (18% EE e 18% PB). Os ML apresentaram menos EE (17%) e porcentagem de proteína semelhante aos NEL. As exigências líquidas em proteína variaram de 160 a 140 g/kg de ganho de peso de corpo vazio (GPCV) ou 135 a 121 g/kg de ganho (GPC) e em energia variaram de 2,98 a 3,98 Mcal/kg GPCV ou 2,52 a 3,45 Mcal/kg GPC, para animais com peso corporal variando de 250 a 500 kg. O rendimento de carcaça, em relação ao peso de corpo vazio, dos NEL foi maior (64%) do que dos ML (62%) e não diferiram dos NRA (63%). A suplementação não influenciou o rendimento de carcaça e a proporção dos órgãos. A proporção de ossos foi subestimada e tecido comestível (TC) superestimada. Os NEL tiveram mais gordura e menos músculo (31% e 55%) que NRA (26% e 59%) e ML (23% e 60%). Não houve efeito da suplementação nas proporções de músculo e ossos, mas porcentagem de gordura estimada foi maior nos animais que receberam as duas maiores suplementações.
This work aimed to evaluate chemical and physical body composition, as well as the nutritional requirements of Nellore x Red Angus (NRA), dairy crossbreed (DC) and Nellore (NEL) steers supplemented in Brachiaria brizantha cv. Marandú pasture. Twenty-four steers of each genetic group with 350, 263 and 293 kg of live weight (LW), respectively, were supplemented with 0.2, 0.6 and 1.0% of LW during rainy season and with 0.4, 0.8 and 1.2% of LW during dry season. Chemical composition was estimated by equations chose in some references. During rainy season, body was composed in average by 59% of water, 17% of protein (CP) and 17% of ether extract (EE). During dry season, NEL steers had higher EE (23%) and lower CP (17%) than NRA steers (18% EE and 18% CP). The DC steers showed lower EE (17%) and similar content of protein in relation to NEL steers. In terms of net requirement of steers weighting from 250 to 500 kg, protein ranged from 160 to 140 g.kg-1 of gain of empty body weight (EBWG) or from 135 to 121 g.kg-1 of body weigh gain (BWG); energy ranged from 2.98 to 3.98 Mcal.kg-1 EBWG or from 2.52 to 3.45 Mcal kg-1 of BWG. In relation to carcass yield relative to EBW, NEL steers were superior (64%) to DC steers (62%) and similar to NRA (63%). Supplementation did not change carcass yeild and organs proportion. Bone proportion was sub-estimated and comestible tissue (CT) super-estimated. The NEL steers deposited more fat and less muscle (31% and 55%) than NRA (26% and 59%) and DC (23% and 60%). There was no effect of supplementation on bone:muscle ratio, but percentage of estimated fat was higher in steers supplemented with the two highest levels. Key-words: dairy crossbreed, equations, industrial crossing, HH section, Nellore, supplementation.

Descrição

Palavras-chave

Dairy crossbreed, Nellore, Capim-braquiária, Novilho, Nutrição animal

Como citar

FREGADOLLI, Fábio Luiz. Composição corporal e exigências nutricionais de novilhos de três grupos genéticos em pastejo. 2005. xi, 80 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2005.