Aplicação de escória de aciaria e calcário no solo e desenvolvimento do primeiro ciclo da grama bermuda

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-07-30

Orientador

Fernandes, Dirceu Maximino

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Agricultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O mercado brasileiro de grama cultivada tem expandido em decorrência a maior demanda em áreas paisagísticas e esportivas. Para maximizar a produção de grama, de maneira econômica, os tapetes devem ser produzidos com qualidade e em um tempo reduzido, sendo assim, a preparação do solo tem grande influência na produtividade dos gramados. Diante disso, tem se estudado diferentes corretivos da acidez do solo, e o mais novo é um subproduto da fabricação do aço, conhecido como escória de aciaria. Uma das vantagens de sua utilização é a possibilidade da correção do solo em maior profundidade, visto que a solubilidade de seu principal componente, o silicato de cálcio, é 6.78 vezes maior que a do carbonato de cálcio, o componente fundamental do calcário, que ainda hoje é o corretivo mais utilizado. Além disso, a grama é uma planta acumuladora de silício, e, portanto, poderá responder com maior facilidade ao silicato de cálcio. Desta forma, o objetivo foi avaliar o efeito da aplicação de escória de aciaria, comparado ao calcário, na implantação de um sistema de produção de grama bermuda. O experimento foi instalado no município de Botucatu, em uma área experimental da Unesp - fazenda Lageado, cujo solo é classificado como latossolo vermelho distrófico com textura média. O delineamento experimental foi realizado em blocos ao acaso de quatro repetições e com subparcelas de quatro doses de escória, quatro doses de calcário e uma testemunha, elevando a saturação de base do solo a 30%, 50%, 70% e 90%, e foram avaliadas diversas características do solo e da planta, e os dois corretivos aplicados ao solo na influência da produção da grama bermuda. Com a análise dos resultados, observou-se uma modificação no solo, quando aplicado os corretivos, tendo uma elevação nos teores de P e Ca para à escória de aciaria, e nos... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico aba

Resumo (inglês)

The Brazilian market of cultivated grass has expanded due to increased demand in scenic and sports areas. To maximize the production of grass, cost-effectively, the rugs should be produced with quality and in a shorter timeframe, so the soil preparation has great influence on the productivity of grasslands. Whereupon, has studied various correctives of the acidity of the soil, and the youngest is a by-product from the manufacture of steel, known as steelmaking slag. One of the advantages of their use is the possibility of correction of soil in greater depth, since the solubility of its main component, calcium silicate, is 6.78 times greater than that of calcium carbonate, the basic component of limestone, which is still the most widely used concealer. In addition, the grass is a Silicon-accumulating plant, and therefore be able to respond more easily to calcium silicate. In this way, the objective was to evaluate the effect of the application of steelmaking slag, compared to limestone, in deploying a production system of bermuda grass. The experiment was installed in the city of Botucatu, in an experimental area of Unesp-farm Lageado, whose soil is classified as red latosol textured red latosol. The experiment was conducted in randomized blocks with four repetitions and subplots of four doses of slag, four doses of lime and a witness, raising the soil base saturation at 30, 50, 70 and 90, and were assessed several characteristics of soil and plant, and the two soil applied correctives in influences the production of bermuda grass. With the analysis of the results, it was observed a change in the soil when applied the correction, with an elevation in the levels of P and Ca for the steelmaking slag, and in Mg for limestone, and there is no difference for the other nutrients. The availability of micro-nutrients have increased with the use of correctives, having... (Complete abstract click electronic access

Descrição

Idioma

Português

Como citar

OLIVEIRA, Mauricio Roberto de. Aplicação de escória de aciaria e calcário no solo e desenvolvimento do primeiro ciclo da grama bermuda. 2012. xi, 63 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2012.

Itens relacionados