Response of taro [Colocasia esculenta (L.) Schott] growth, yield, and corm quality to varying water regimes and soil textures

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2019-02-21

Orientador

Ming, Lin Chau
Deus, Angélica Cristina Fernandes

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Horticultura) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

A irrigação é uma prática agrícola importante para o cultivo do inhame, entretanto, há poucos resultados experimentais focados no Brasil, e não há informações sobre a necessidade de água para essa cultura sob diferentes texturas de solo no estado de São Paulo. Objetivou-se com o presente trabalho avaliar o desenvolvimento, biomassa e qualidade dos tubérculos do inhame sob diferentes lâminas de irrigação e texturas de solo. O experimento foi conduzido de 2016 a 2017 com duas colheitas em casa de vegetação na Universidade Estadual Paulista (FCA/UNESP), Botucatu. Estudou-se cinco lâminas de irrigação: 20%, 60%, 100% (controle), 140% e 180% da necessidade de água da cultura (ETc), e três texturas de solo: solo de textura argilosa (CS), solo de textura média (SCL) e solo de textura arenosa (SS). Os resultados mostraram que a altura da planta, diâmetro do pecíolo, número de folhas, área foliar, peso fresco/seco da parte aérea, da raiz e do tubérculo, número e diamêtro de tubérculo do inhame foram menores em 20% e 60% ETc e maiores em 140% and 180% ETc quando comparado com 100% ETc. SS apresentou maior número de folhas em todas as lâminas de irrigação, enquanto a área foliar para SS foi maior que SCL e CS em 20% ETc. Para a primeira colheita, SCL apresentou maior peso fresco/seco da raiz, e SS apresentou maior peso seco do tubérculo do que os outros dois solos. A maior eficiência no uso da água (WUE) e índice de colheita (HI) foram detectados em 20% ETc. Para a segunda safra, SS apresentou maior peso fresco e de tubérculo, número e diâmetro de tubérculo, comparados com os outros dois solos. A 20%ETc apresentou a maior WUE, enquanto a HI menor foi observado nessa mesma lâmina; A maior WUE e a menor HI foram observadas no SS. Geralmente, açúcares redutores e teor de amido aumentaram com o aumento na lâmina de irrigação, enquanto uma tendência diferente foi observada em sólidos solúveis totais, acidez total titulável e teor de proteína no tubérculo de inhame. O SS apresentou maiores açúcares totais, açúcares redutores e teor de amido do que os outros dois solos. A irrigação desempenha um papel importante na melhoria do crescimento do inhame. O solo arenoso pode ser uma boa maneira para cultivar o inhame nas condições limitadas de disponibilidade de água.

Resumo (inglês)

Irrigation is an important agricultural practice for the cultivation of taro, however, there are few experimental results focus on this practice in Brazil, and there is no information on water requirement for this crop under different soil textures in São Paulo State. Therefore, the objective of this work was to evaluate the development, biomass and corm quality of taro under varying water regimes and soil textures. The experiment was conducted from 2016 to 2017 with two harvests, in a greenhouse of Agronomical Sciences College, São Paulo State University (UNESP), Botucatu, São Paulo, Brazil. The five irrigation levels were 20%, 60%, 100%, 140%, and 180% of crop water requirement (ETc), with 100% ETc as the control. And three soil textures: clay soil (CS), sandy clay loam soil (SCL) and sandy soil (SS) were used. Results showed that plant height, petiole diameter, leaf number and area, above-ground, root, and corm fresh/dry weight, corm number and diameter of taro were lower at 20% and 60% ETc, and higher at 140% ETc and 180% ETc when compared with 100% ETc. SS exhibited higher leaf number at all water regimes, whereas leaf area for SS was higher than SCL and CS at 20% ETc. For the first harvest, SCL showed higher root fresh/dry weight, and SS exhibited higher corm dry weight than the other two soils. The highest water-use efficiency (WUE) and index (HI) were detected at 20% ETc. For the second harvest, SS showed higher root and corm fresh weight, corm number and diameter. The 20% ETc had the highest WUE, whereas the lowest HI was observed at the same water regime; The highest WUE and lowest HI were observed in SS. Generally, reducing sugars and starch content increased with the increase in water regime, while a different trend was observed in total soluble solids, total total titratable acidity, and protein content in taro corm. SS was had higher total sugars, reducing sugars, and starch content than the other two soils. Briefly, irrigation management plays an important role in improving the growth of taro. The application of sandy soil should be one good way for taro to adapt limited water availability conditions.

Descrição

Idioma

Inglês

Como citar

Itens relacionados