Superação da dormência de sementes de carrapicho-beiço-de-boi

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

1997-01-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Visando a obtenção de um tratamento para acelerar a germinação de sementes de Desmodium tortuosum (Sw.) DC., foram realizados dois experimentos, nos quais, segmentos unisseminados de lomentos (testemunha) foram submetidos a debulha manual; debulha manual seguida por escarificação manual empregando-se lixa n. 220; debulha mecânica (processador doméstico ); escarificação química com H2SO4 (95%) por 1,5 e 8 mim pré-aquecimento à 53°C por 4,10 e 16h em estufa com circulação forçada de ar; embebição, utilizando-se H,0 à 80°C por 1,3,5 e 10 min; H20 à 27°C por 2h e embebição com alternância térmica (H,0 à 80°C/ 5min e H20 à 13 °C / 1min) . Para a avaliação dos tratamentos foram empregados os testes de germinação, de emergência de plântulas em solo (E), de primeira contagem de germinação (PG) e de emergência (PE), índices de velocidade de germinação (I.V.G.) e de emergência (I.V.E.), e o comprimento de plântulas (CP). 0 delineamento estatístico adotado foi o inteiramente casualizado com 4 repetições de 100 (G, PG, I.V.G.) ou 20 sementes (C P) por tratamento no primeiro experimento e 4 repetições de 50 (G, PG, I.V.G.) ou 100 sementes (E, PE, I.V.E.) no segundo experimento. No primeiro experimento, os tratamentos que provocaram significativa redução da dormência (D) e, conseqüente elevação da germinação (G), em comparação à testemunha (D=82%; G=15%) foram, em ordem decrescente de eficácia: debulha e escarificação manuais (D=3%; G= 92%), debu lha mecânica (D=13%; G= 81%), embebição em H20 à 80°C por 1min (D=68%; G= 29%) e por 3 min (D=65%; G=32%). No segundo experimento, (testemunha com D=93% e G=3%) destacaram-se: debulha e escarificação manuais (D=2%; G= 93%), debulha mecânica (D = 2%; G = 87%), embebição em H20 à 80°C por 5min e alternância térmica (ambos com D=85% e G= 11%). 0s testes de vigor PC, I.V. G., I.V. E., CP, e E corroboraram esses resultados. 0s métodos de escarificação manual com lixa 220 e debulha mecânica, empregando-se processa dor, podem ser recomendados para a superação da dormência e promoção da germinação de sementes de D. tortuosum.

Resumo (inglês)

In order to obtain a process capable of speeding the germination of D. tortuosum (Sw.) DC. seeds, two experiments were conducted with one-seeded loment (control) segments submitted to manual threshing; manual threshing followed by chemical scarification, also manual, with sandpaper no 220; mechanical threshing (home processor); chemical scarification with H,S0, (95%) for 1, 5, and 8 min; pre-heating at 530C for 4, 10, and 16 h in forced-air oven; imbibition with H2O at 800C for 1, 3, 5, and 10 min; H20 at 27 C for 2 h; and imbibition with thermal swich (H2O at 80 0C/5 min an d H20 at 130 C/ 1 min) . For treat ment evaluation one used germination (G), soil seed ling emergence (E ), first count of germination (FG), and emergence (FE) tests, germination (I. V.G.) and emergence (I. V.E.) seed index, and seed ling length (S L). A completely randomized block design with 4 replications of 100 (G, FG, I.V. G.) or 20 seeds (SL) per treatment in the first experiment, and 4 replications of 50 (G, FG, I.V.G.) or 100 seeds (E, FE, I. V.E. ) per treatment on the second experiment was used. In the first experiment, the treatments which showed a significant dormancy decrease (D) and consequent germination increase (G) in comparison with the control (D = 82%; G =15%) were, in a decreasing efficacy order: manual threshing and scarification (D=3%; G=92%), mechanical thre shing (D = 13%; G = 81%), imbibition in H20 at 800C for 1 min (D = 68%; G = 29%) and 3 min (D=65%; G=32%). The second experiment (control with D = 93%; G = 3%) pointed out: threshing and manual scarification (D=2%; G=93%), mechanical threshing (D = 2%; G = 87%), imbibition into H20 at 800C for 5min and thermal switch (both with D = 85% and G=11%). The FC, I.V.G ., I.V. E., SL, and E vigour tests confirmed these results. Thus, manual scarification with 220 sandpaper and mechanical threshing (with a processor) are recommended to overcome D. tortuosum seed dormancy.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Planta Daninha. Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas , v. 15, n. 2, p. 104-113, 1997.

Itens relacionados

Financiadores