Estudo do efeito da utilização de sucata de baixo teor de ferro na produção de aço em fornos elétricos a Arco

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2019-11-25

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Resumo

O Aço é um símbolo de desenvolvimento da sociedade moderna. Assim para transformar o metal em algo útil para o dia-dia da sociedade existe a metalurgia, ou seja, é a ciência que está por trás de todas as transformações ligadas a metais. A China vem se destacando ultimamente pela produção de aço em relação aos outros países do mundo, devido a sua capacidade produtiva, investimentos pesados na área e preço de produção decisivamente mais baixo em relação aos seus concorrentes. As usinas semi-integradas chegam como uma promessa para a redução do custo da produção de aço, além de apresentarem forte apelo ecológico, já que utilizam sucata como matéria prima para a produção de aço. Como quase todos os processos industrias, a produção de aço também gera resíduos. Nas aciarias, os maiores volumes de resíduos são os particulados que vão para o sistema de coleta de pó e a escória gerada durante o processo de fusão. Essa escória além de conter óxidos, contem teores consideráveis de ferro metálico, assim esse material é levado para beneficiamento, para otimizar a quantidade de ferro contido e posteriormente ser usado como sucata novamente. Porém, grande quantidade de material era descartado, devido ao baixo teor de ferro contido. Assim, foi proposto um projeto para verificar a viabilização do uso desse material, e se viável, qual ganho financeiro ele traria. Os resultados mostraram que o uso desse material é viável tanto técnica como financeiramente, porém com restrições de quantidade, devido aos altos valores de elementos químicos, indesejados na produção de aço
Steel is a symbol of modern society. Thus, to transform the metal into something useful for everyday society there is metallurgy to wit, is the science behind all metal-related transformations. China has been recently standing out for its steel production compared to other countries in the world due to its production capacity, with intense investments in the area and a decisively lower production price compared to its competitors. Semi-integrated mills come as a promise to reduce the cost of steel production in addition to represent strong ecological appeal as they use scrap as a raw material for steel production. The same as almost all industrial processes, steel production also generates waste. In the steelworks, the largest volumes of residues are the particulates that go to the dust collection system and the slag generated during the fusion process. This slag, besides containing oxides, contains considerable contents of metallic iron, so this material is taken for processing to optimize the amount of iron contained and later to be used as a scrap again. However, a large amount of material was discarded due to the low iron content. Thus, a project was proposed to verify the viability of using this material, and if viable, what financial gain it would bring. The results showed that the use of this material is viable both technically and financially, nevertheless with quantity restrictions, duo to the high values of unwanted chemical elements in steel production

Descrição

Palavras-chave

Aciaria, Escória, Sucata, Aço, Siderurgia, Melt shop, Slag, Scrap, Steel, Siderurgy, Sucata - reaproveitamento, Siderurgia

Como citar