Variabilidade de potyvirus infectando Capsicum spp. no estado de São Paulo

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2009-06-22

Orientador

Sakate, Renate Krause
Pavan, Marcelo Agenor

Coorientador

Pós-graduação

Agronomia (Proteção de Plantas) - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

O pimentão (Capsicum annuum L.) está entre as dez hortaliças mais consumidas no Brasil. Dois potyvirus são verificados nesta cultura, o Potato virus Y (PVY) e o Pepper yellow mosaic virus (PepYMV). Foi avaliada entre outubro de 2007 a novembro de 2008, a ocorrência de potyvirus infectando Capsicum spp. nos municípíos de Pirajú, Pirajuí, Paranapanema, Santa Cruz do Rio Pardo, Sorocaba, São Miguel Arcanjo, Itapetininga, Reginópolis, Lins, Iacanga e Mogi-Mirim, do Estado de São Paulo. Das 408 amostras coletadas, 105 foram positivas para a presença de potyvirus utilizando-se antissoro antipotyvirus (Agdia). Em algumas amostras foi detectada a presença de infecção mista com o Cucumber mosaic virus (CMV) e begomovírus. A inoculação de cinqüenta e um isolados na série diferencial de Capsicum spp contendo os genes pvr21, pvr22 e Pvr4, dos quais dez foram provenientes da Empresa Sakata Seed Sudamérica, possibilitou a classificação de dois isolados em patótipo 0, três em patótipo 1, seis em patótipo 1.2, onze em patótipo 1.2.3 e treze em patótipo 1-3 de PVY. Dezesseis isolados não puderam ser classificados em patótipos. Não foi verificada correlação entre local de coleta e ocorrência de um patótipo específico, evidenciando grande variabilidade biológica dos isolados de potyvirus no campo. Nenhum dos isolados coletados ocasionou sintomas evidentes em plantas de pimentão Rubia R e Magali R, indicando que a resistência conferida por estes híbridos ainda é efetiva contra os isolados de potyvirus predominantes no campo. Um par de primers PepNib (5’ GWTSGYYGMMTTGGATGATG 3’) e PepUTR (5’ AGTAGTACAGGAAAAGCC 3’) foi 2 obtido para amplificação completa da região codificadora da proteína capsidial de PVY e PepYMV. Analisando-se esta região do genoma viral, pôde-se constatar predominância da espécie PepYMV. O PVY foi encontrado somente em coletas...

Resumo (inglês)

The sweet pepper (Capsicum annuum L.) is one of the ten most consumed vegetables in the country. In Brazil, two potyviruses are verified in this culture, the Potato virus Y (PVY) and the Pepper yellow mosaic virus (PepYMV). Between October 2007 and November 2008, the occurrence of potyvirus infecting Capsicum spp. was evaluated on plants collected from Piraju, Pirajuí, Paranapanema, Santa Cruz do Rio Pardo, Sorocaba, São Miguel Arcanjo, Itapetininga, Reginópolis, Lins, Iacanga and Mogi-Mirim, in Sao Paulo State. Among the 408 collected samples, 105 were positive for the presence of potyvirus using antipotyvirus antiserum (Agdia). The presence of mixed infection with the Cucumber mosaic virus (CMV) and begomovirus was also verified. The inoculation of fifty one isolates on the series of Capsicum spp. containing the genes pvr21, pvr22 and Pvr4, ten of them isolates from the Sakata Seed Sudamerica Company, made it possible the classification of these isolates in different pathotypes. Two isolates were classified as pathotype 0, three in pathotype 1, six in 4 pathotype 1.2, eleven in pathotype 1.2.3 and thirteen in pathotype 1.3 of PVY. Sixteen isolates were not able to be classified in pathotypes of PVY. No correlation could be made between the origin of the isolate and the presence of an specific pathotype, indicanting a greet biological variability between the potyvirus isolates. None of the isolates collected in the field caused symptoms in Rubia R and Magali R, indicating that the resistance provided by these hybrids is still effective against the predominant isolates of potyvirus. A pair of primer PepNib (5’ GWTSGYYGMMTTGGATGATG 3’) and PepUTR (5’ AGTAGTACAGGAAAAGCC 3’) were obtained for the complete amplification of the capsid protein region of PVY and PepYMV isolates. PepYMV was the prevalent species of potyvirus found infecting sweet peppers. The PVY was found only... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

MOURA, Mônika Fecury. Variabilidade de potyvirus infectando Capsicum spp. no estado de São Paulo. 2009. x, 76 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2009.

Itens relacionados