Repelência e deterrência na oviposição de Bemisia tabaci biótipo B pelo uso de extratos vegetais em Cucurbita pepo L

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-01-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Bemisia tabaci biótipo B é um dos principais insetos-praga na cultura da abobrinha (Cucurbita pepo L.). O manejo dessa mosca-branca tornou-se grande desafio aos agricultores, uma vez que esta apresenta rápida capacidade de desenvolver resistência a diferentes classes de inseticidas. Como alternativa vem sendo investigado o uso de extratos vegetais com atividades inseticida e/ou insetistática, os quais têm revelado resultados promissores no combate a inseto. O presente trabalho teve por objetivo avaliar os possíveis efeitos de sete extratos provenientes de cinco espécies vegetais, Ruta graveolens L. (folhas), Azadirachta indica A. Juss. (folhas + ramos), Trichilia pallida Swartz (ramos), T. pallida (folhas), A. indica (amêndoas), Chenopodium ambrosioides L. (inflorescências + ramos+ folhas) e Mentha pulegium L. (folhas), sobre Bemisia tabaci biótipo B em abobrinha, por meio de testes de repelência e deterrência para oviposição. em teste com chance de escolha, avaliou-se a atratividade e determinou-se o índice de repelência após 6, 24 e 48 horas da aplicação dos extratos. A oviposição foi verificada após a terceira contagem do número de adultos. O extrato à base de folhas de M. pulegium mostrou repelência e deterrência à oviposição de B. tabaci biótipo B, podendo ser recomendado como alternativa para o manejo do inseto.

Resumo (inglês)

Bemisia tabaci biotype B is one of the main pests in squash (Cucurbita pepo L.). The management of this whitefly has become a major challenge to growers, since they have the ability to quickly develop resistance to different classes of insecticides. Alternatively, the use of plant extracts with insecticide and/or insectistatic activities has been investigated, showing promising results for the whitefly control. The present study evaluated the possible effects of seven extracts from five plant species, Ruta graveolens L. (leaves), Azadirachta indica A. Juss. (leaves + branches), Trichilia pallida Swartz (branches), T. pallida (leaves), A. indica (almonds), Chenopodium ambrosioides L. (inflorescence + leaves + branches) and Mentha pulegium L. (leaves) on Bemisia tabaci biotype B in squash, by assays of repellence and oviposition deterrence. In free choice tests, the attractiveness and determination of the rate of repellence (with 6, 24 and 48 hours after application of the extracts) were evaluated. The oviposition was observed after the third counting of the number of adults. The extract of leaves of M. pulegium showed repellence and oviposition deterrence to B. tabaci biotype B and may be recommended as an alternative in the insect management.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Plantas Medicinais. UNESP, v. 14, n. 1, p. 76-83, 2012.

Itens relacionados

Financiadores