Evolução da regeneração natural de floresta ombrófila densa alto-montana e a produção de água em microbacia experimental, Cunha - SP

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2013-08-22

Orientador

Rodrigues, Valdemir Antonio

Coorientador

Pós-graduação

Ciência Florestal - FCA

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Dissertação de mestrado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

A pesquisa foi realizada na microbacia hidrográfica experimental B, com área de 36,68 ha, pertencente ao Laboratório de Hidrologia Florestal Eng. Agr. Walter Emmerich, localizado no Parque Estadual da Serra do Mar – Núcleo Cunha/SP. Para caracterizar a fitofisionomia da vegetação e sua evolução foi elaborado o mapeamento para os anos de 1962, 1977, 1997 e 2009, com base na interpretação de fotografias aéreas e ortofoto digital colorida e, posteriormente, espacializados em base cartográfica digital utilizando-se o Sistema de Informações Geográficas (SIG) ArcGis 9.3. Avaliou-se em termos quantitativos a entrada e saída de água, via precipitação e deflúvio ao longo dos anos hídricos de 1987 a 2008, e assim foi possível estimar a evapotranspiração real anual pelo método do balanço hídrico. xv O mapeamento da vegetação da microbacia indicou treze fitofisionomias, sendo que foi possível observar principalmente a evolução de sete delas: D1 – porte arbóreo alto, com estrutura de dossel uniforme; D2 – porte arbóreo alto, com estrutura de dossel desuniforme; D4 – porte arbóreo baixo a médio, com estrutura de dossel uniforme; D8 – porte arbóreo médio, com estrutura de dossel uniforme, P – pasto; Vs1 – porte arbóreo alto, com estrutura de dossel desuniforme (capoeirão) e Vs4 – clareira. O balanço hídrico médio para os vinte e dois anos da série apresentou precipitação, deflúvio e evapotranspiração real de 1.856,3 mm (100%), 1.354,38 mm (72,96%) e 501,92 mm (27,04%), respectivamente. Para cada processo hidrológico verificou-se uma grande oscilação dos dados anuais. A precipitação e o deflúvio mostraram uma tendência negativa, sendo mais acentuada para o último processo. Já para a evapotranspiração real a tendência foi positiva. As variáveis precipitação e deflúvio anuais apresentaram alto valor do coeficiente de determinação...

Resumo (inglês)

The survey was carried out in the experimental catchment B, with an area of 36.68 ha, belonging to the Eng. Agr. Walter Emmerich Forest Hydrology Laboratory, located in Serra do Mar State Park - Core Cunha / SP. To characterize the physiognomy of the vegetation and its evolution was developed mapping for the years 1962, 1977, 1997 and 2009, based on an interpretation of aerial photographs and digital color orthophoto, after spatialized in digital cartographic base by using the Geographical Information System (GIS) ArcGIS 9.3. To in quantitative terms evaluate the input and output of water via precipitation and runoff of the water years 1987 to 2008, and thus estimate the annual actual evapotranspiration by water balance method. The vegetation mapping of the xvii watershed indicated thirteen vegetation types, and it was possible to observe the evolution of mainly seven: D1 – arboreal high, structure with uniform canopy; D2 – arboreal high, with uneven canopy structure; D4 – low to medium-sized arboreal, structure with uniform canopy; D8 – arboreal average, structure with uniform canopy; P – pasture; Vs1 – sized arboreal high, with uneven canopy structure (brushwood) and Vs4 – glade. The medium water balance for the twenty-two years of the series presented precipitation, runoff and evapotranspiration of 1,856.3 mm (100%), 1,354.38 mm (72.96%) and 501.92 mm (27.04%), respectively. For each hydrological process there was a large variation in annual data. Rainfall and runoff showed a negative trend, being more pronounced in the last case. As for the real evapotranspiration trend was positive. The variables annual precipitation and runoff presented a high coefficient of determination (r² = 0.8356), indicating a good linear relationship. Thus, the results showed that natural regeneration of vegetation is affecting water production, therefore, with increasing real evapotranspiration ...

Descrição

Idioma

Português

Como citar

CICCO, Larisse Souza de. Evolução da regeneração natural de floresta ombrófila densa alto-montana e a produção de água em microbacia experimental, Cunha - SP. 2013. xv, 123 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu, 2013.

Itens relacionados

Financiadores