Hiperidrose na cidade de Botucatu: prevalência, orientação, tratamento e qualidade de vida

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2012-08-13

Orientador

Cataneo, Daniele Cristina
Cataneo, Antonio José Maria

Coorientador

Pós-graduação

Bases Gerais da Cirurgia - FMB

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Tipo

Tese de doutorado

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Hiperidrose é um distúrbio caracterizado pela secreção inapropriada e excessiva de suor. Sua etiologia pode ser primária (HP) ou idiopática e secundária (HS) a outras desordens e sua prevalência não é bem definida. Estabelecer a prevalência da hiperidrose na cidade de Botucatu- Brasil. Orientar os pacientes quanto à patologia e suas prováveis formas de tratamento e avaliar a qualidade de vida relacionada à HP. Foi realizado um inquérito populacional para identificar os casos de hiperidrose em indivíduos maiores de cinco anos, moradores na zona urbana da cidade de Botucatu, localizados por intermédio de amostragem sistemática de conglomerados. Foi calculado um número amostral de 4.033 participantes, utilizando-se os mapas censitários da cidade; a seguir, foram sorteadas quadras de cada setor para obter-se os domicílios. Dez entrevistadores previamente treinados foram responsáveis por aplicar um questionário que avaliou a presença de sudorese excessiva. Após análise dos questionários os indivíduos que referiram hiperidrose foram entrevistados por um médico para confirmação ou não do diagnóstico. Todos os indivíduos foram orientados e, caso houvesse indicação, o tratamento foi oferecido. Foram visitados 1.351 domicílios totalizando 4.113 moradores, sendo 2.150 (52,3%) do gênero feminino. A idade variou de cinco a 97 anos (média ± DP = 38,3 ± 21,2). Oitenta e cinco indivíduos (2,07%) queixavam-se de suor excessivo, sendo 51 (60%) do gênero feminino com idade variando de cinco a 72 anos (média ± DP = 33,9 ± 17,3). O efeito psicossocial mais frequente devido à sudorese foi o constrangimento, e o fator predisponente mais frequente foi o nervosismo. Cinquenta e um indivíduos (60%) concordaram em receber a visita médica para a confirmação do diagnóstico. Vinte e três (45%) apresentavam HP (prevalência de 0,93%)...

Resumo (inglês)

The hyperhidrosis is characterized by the excessive sweating and its etiology can be primary or idiopathic (PH) and secondary (SH) to other diseases but its prevalence is not well defined. To establish the PH prevalence in the city of Botucatu- Brazil. To perform orientation related to the pathology and its probable forms of treatment and evaluate the quality of life related to PH. A population survey was performed in order to identify the cases of hyperhidrosis in individuals aged over five years, residents in Botucatu urban area and selected by cluster systematic sampling. A sample number of 4,033 participants was calculated using the Census maps from the city and a selection of blocks in each sector was carried out in order to obtain the households. Ten previously trained interviewers were responsible for applying a questionnaire that evaluated the presence of excessive sweating. After the questionnaires analysis the individuals that referred hyperhidrosis were interviewed by a physician in order to confirm the diagnosis. All subjects were instructed and the treatment was offered in case of indication. 1,351 households were surveyed with a total of 4,113 residents, in which 2,150 (52.3%) were female. The age ranged from five to 97 years (average ± MD = 38.3 ± 21.2). Eighty-five individuals complained about excessive sweating (2.07% prevalence); 51 female (60%), anging from five to 72 years (average ± MD = 33.9 ± 17.3). The most frequent psychosocial effect related to excessive sweating was the embarrassment whereas the most frequent predisposing factor was nervousness. Fifty-one individuals (60%) agreed to receive medical evaluation in order to confirm the diagnosis. Twenty-three (45%) had PH (0.93% prevalence), 15 (29.4%) had SH caused by obesity as well as menopause or thyroid disorder and 13 (25.5%) individuals had normal sweating. If any... (Complete abstract click electronic access below)

Descrição

Idioma

Português

Como citar

HASIMOTO, Erica Nishida. Hiperidrose na cidade de Botucatu: prevalência, orientação, tratamento e qualidade de vida. 2012. 92 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina de Botucatu, 2012.