Teste de deterioração controlada na avaliação do vigor de sementes de milho

Carregando...
Imagem de Miniatura

Data

2011-01-01

Orientador

Coorientador

Pós-graduação

Curso de graduação

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES)

Tipo

Artigo

Direito de acesso

Acesso abertoAcesso Aberto

Resumo

Resumo (português)

Objetivou-se com este trabalho estudar combinações de tempo e temperatura na adequação do teste de deterioração controlada para avaliação do vigor de sementes de milho com diferentes teores de água. Foram utilizados oito lotes de sementes de milho híbrido CO32, cuja qualidade inicial foi determinada pelos testes de: teor de água, massa de mil sementes, porcentagens de germinação e de plântulas normais na primeira contagem do teste de germinação, massa seca das porções aérea, radicular e total de plântulas, teste de frio, teste de envelhecimento acelerado, teste de condutividade elétrica, tetrazólio, emergência de plântulas no campo e velocidade de emergência de plântulas no campo. A umidade inicial dos lotes de sementes foi ajustada pelo método de imersão em água para 15, 20 e 25%. Para cada teor de água foram avaliadas nove combinações de períodos (16, 24 e 48 horas) e temperaturas de deterioração (42, 45 e 48 °C). Após a deterioração determinou-se o teor de água e a porcentagem de germinação das sementes. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey e análise de correlação aos 5% em esquema fatorial 9X8, sendo nove combinações de tempo e temperatura e oito lotes de sementes. As combinações 24 h-45 °C, 48 h-45 °C e 16 h-45 °C para sementes com teor de água ajustado para 15, 20 e 25%, respectivamente, são eficientes para avaliação do vigor de sementes de milho pelo teste de deterioração controlada.

Resumo (inglês)

The objective of the present research was to study the combination of time and temperature on the suitability of the controlled deterioration test for evaluating the vigor of maize seed with different water contents. Eight seed lots of hybrid maize CO32 were used, whose initial quality was determined by the following tests: water content, thousand seed weight, electric conductivity, germination, first germination count, seedling total dry matter and of the aerial parts and roots, cold test, accelerated aging, tetrazolium, emergence and rate of emergence in the field. The initial moisture content of seed lots was adjusted by immersion in water to 15, 20 and 25%. Nine combinations of periods (16, 24 and 48 hours) and deterioration temperatures (42, 45 and 48 °C) were evaluated for each water content. After deterioration, the water content and percentage of germination were determined and the data submitted to ANOVA with means compared by the Tukey test and a correlation analysis to 5% in a factorial 9x8, with nine combinations of temperature and time and eight seed lots. The combinations 24-45 °C, 48-45 °C and 16-45 °C for seeds with water contents adjusted to 15, 20 and 25% respectively, are efficient for evaluating maize seed vigor using a controlled deterioration test.

Descrição

Idioma

Português

Como citar

Revista Brasileira de Sementes. Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes, v. 33, n. 4, p. 732-742, 2011.

Itens relacionados

Financiadores